Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Comer e beber

Consórcio italiano do Grana Padano enviará queijo para Biden

Grana Padano
Consórcio italiano do Grana Padano enviará queijo para Biden

Presente é uma provocação em Trump, que sobretaxou o produto italiano

O diretor-geral do Consórcio Grana Padano, Stefano Berri, informou que a entidade enviará uma peça de Grana Padano, o queijo tradicional italiano mais consumido no mundo para o presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden. 

Ação Contra as filasAção Contra as filas

Por conta da ocasião especial, a peça será pintada com as bandeiras da Itália e dos EUA.   

LEIA TAMBÉM

“A peça será enviada para a Casa Branca nos próximos dias, assim que obtivermos a autorização legal. Um pequeno gesto de boa sorte que tínhamos reservado também para o seu antecessor, Donald Trump, o qual infelizmente decepcionou nossas expectativas adotando custosas taxas para os nossos produtos para dar vantagem a produtos similares nos EUA”, disse Berri referindo-se à política do atual mandatário de sobretaxar itens do exterior.   

O líder da entidade ainda afirmou que espera que a peça de Grana Padano “retome o sempre excelente diálogo com um país, os EUA, historicamente muito amigo do Grana Padano e do ‘made in Italy’ de qualidade”.  

O Grana Padano é o produto de Denominação de Origem Protegida (DOP) mais consumido do mundo, com produção anual de cinco milhões de peças, entre as quais, 40% são exportadas.

Já os Estados Unidos são os que mais importam produtos agroalimentares italianos fora dos países da União Europeia, com negócios que chegaram a 4,7 bilhões de euros em 2019. Porém, o constante aumento das taxas de importação impostas pelo governo do republicano abalou essa relação nos últimos anos. (Ansa).

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Comer e beber

Quitute é fabricado por uma queijaria do Vallo di Diano, no sul do país. Ele pesa 1,5 kg e custa mais de R$ 150

Economia

Exportações agroalimentares italianas alcançam 50 bilhões de euros em 2021

Comer e beber

A Birra Olea é produzida com folhas de oliveira, que o cervejeiro diz dar um sabor defumado

Comer e beber

Consórcio para a proteção de um dos produtos mais famosos do mundo presta auxílio aos necessitados

Itália no Brasil

Caça-bombardeiro foi desenvolvido com parceria entre a Itália e o Brasil na década de 1980 Deixa o seu comentário:

Comer e beber

A variedade de queijos italianos segue uma tradição conforme a geografia e o contexto histórico de cada região Deixa o seu comentário:

Comer e beber

Criada na década de 1920 na Apúlia, a burrata nasceu da necessidade de evitar o desperdício de alimentos Deixa o seu comentário:

Economia

“Made in Italy” está crescendo no mundo e vale cerca de R$ 270 bilhões Deixa o seu comentário:

Economia

Negociação inusitada: empresa ofereceu 125 mil peças de Grana Padano como garantia Deixa o seu comentário:

Comer e beber

Queijo foi feito na praça e precisou de 4.500 litros de leite de ovelha.

Economia

Na província de Belluno, cooperativa lança iniciativa para se sustentar no período de crise Deixa o seu comentário:

Comer e beber

Os antigos gregos costumavam chamar a Itália de “Enotria”, em referência à produção de vinhos extraordinários Deixa o seu comentário: