Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Sobrenome italiano

Massa: confira origem do sobrenome do apresentador Ratinho

O comunicador ítalo-brasileiro Carlos Massa é uma das figuras mais populares da televisão brasileira

sobrenome italiano massa
O comunicador ítalo-brasileiro Carlos Massa é uma das figuras mais populares da televisão brasileira

O apresentador Carlos Massa, popularmente conhecido como Ratinho, completa 67 anos em breve. Conhecido pela irreverência e empreendedorismo, Ratinho é mais um descendente de italianos de sucesso no Brasil.

Os agricultores Domingos Massa e Maria Talarico Massa, filhos de imigrantes que chegaram no final do século 19 ao Brasil, tiveram cinco filhos. Carlos Roberto Massa nasceu em Águas de Lindóia, município paulista próximo à divisa de Minas Gerais, em 15 de fevereiro de 1956. Era o terceiro filho do casal.

Ratinho nasceu em São Paulo e se mudou ainda jovem para o Paraná

Família Massa se muda para o Paraná

Além de “Carlinhos”, como era chamado Ratinho na infância, a famíla era formada pelos irmãos Zélia, Laércio, Claudiney e Walter, este último falecido ainda jovem, quando Ratinho tinha 18 anos. O irmão mais novo, Ney (apelido de Claudiney) se tornou empresário e produziu shows em diversos estados.

Ratinho foi criado até os quatro anos no município mineiro de Monte Sião e mais tarde se mudou com a família para o norte do Paraná, no início do fluxo migratório interno do país, quando os trabalhadores buscavam novas terras férteis para a cafeicultura.

A família Massa se instalou em Marumbi, na região da Serrinha, município com cerca de cinco mil habitantes. Enquanto o pai trabalhava na lavoura, Carlos Massa descobria a vocação para o comércio, vendendo pirulito no circo.

O 190 Urgente foi um dos primeiros programas do comunicador

Vocação para a comunicação

Mas foi jogando futebol com os amigos que ganhou o apelido de Ratinho, devido à sua estrutura física frágil e à sua agilidade. No município de Jandaia do Sul, próximo a Marumbi, iniciou sua trajetória política e comercial, aos 13 anos de idade.

Ele não tinha vocação para trabalhar na terra, mas fazia de tudo um pouco. Foi artista de teatro, carregador de marmita, açougueiro, lavador de carros, engraxate, limpador de defunto, feirante, corretor de imóveis, vendedor de quadros, vendedor de churrasquinho em rodoviária, operador de raio-X e vendedor de livros.

Comunicador nato, sua performance vendendo produtos nas feiras de rua chamou atenção e surgiu um convite para trabalhar na emissora de rádio local. Sua estreia foi no programa Boca no Trombone, com curtas inserções na programação da Rádio Guaicará. Depois foi para a Rádio Cidade Jandaia, onde aumentou sua popularidade.

Ratinho foi vereador e deputado estadual e federal

O político Carlos Massa

No final da década de 1970, a popularidade como radialista o levou a ingressar na política. Em 1976 foi eleito vereador em Jandaia do Sul, terminando a eleição como o mais votado da cidade e o político mais jovem eleito no Paraná, aos 20 anos.

Ratinho também foi Oficial de Gabinete da Secretaria de Cultura e Esporte do Estado do Paraná, de 1983 a 1986 e deputado estadual entre 1991 e 1995.

Estreou na televisão em 1989, como repórter policial no programa Cadeia, que era transmitido pela OM (Grupo Organizações Martinez), atual CNT, onde também apresentou o programa 190 Urgente.

No programa Cadeia, trabalhava ao lado do apresentador Luiz Carlos Alborghetti, de quem herdou o estilo extravagante de apresentar as notícias, assim como a utilização de um cassetete, que batia na mesa ao se exaltar contra acusados de crimes.

Venceu em 1990 a eleição de deputado federal pelo PRN, partido do dono de sua emissora, que também era presidente regional do partido, José Carlos Martinez, e do candidato vencedor à presidência, Fernando Collor de Mello. Sua passagem por Brasília foi descrita por Ratinho como “a pior experiência de sua vida”.

O apresentador é casado desde 1981 com Solange Martinez Massa

Sucesso na televisão

Ratinho estreou na TV Record em setembro de 1997, no programa Ratinho Livre. No horário das 20h30 às 22 horas, em um mês alcançou Globo e SBT no Ibope. Sua maneira de conduzir o programa, com improvisos, assobios, brincadeiras com a plateia e a agitação com o cassetete exigindo punição aos políticos corruptos, tornou Ratinho conhecido em todo o país.

Em 1998, Carlos Massa foi contratado pelo SBT, onde passou a apresentar o Programa do Ratinho, além de participar de outras atrações, como SBT Palace Hotel, Jornal da Massa e Você é o Jurado.

Torcedor fanático do Palmeiras, Ratinho é casado desde 1981 com Solange Martinez Massa, com quem teve os filhos Rafael Massa, Gabriel Massa e Carlos Roberto Massa Júnior, o Ratinho Júnior, eleito em 2019 governador do Paraná e reeleito em 2022.

Brasão da família Massa

Origem do sobrenome Massa

Segundo o site italiano Cognomix, o sobrenome Massa é um topônimo, nome derivado de uma localidade, com várias origens prováveis. Entre elas estão a cidade de Massa, na província de Benevenuto, região da Campânia, e as cidades de Massa della Lucania, em Salerno, e Massa di Somma, na região metropolitana de Naples, ambas também na Campânia.

Apesar de difundido em toda a Itália, Massa é um sobrenome com forte núcleo na Ligúria e no sul da Sardenha, Campânia e Piemonte, mas também há linhagens secundárias na Emilia-Romagna.

Existem aproximadamente 6.984 famílias Massa na Itália, sendo as maiores concentrações na Campânia (91.368), Piemonte (1.313) e Liguria (807).

O sobrenome Massa é o 34º mais comum na região da Ligúria, o 30º na província de Gênova e o mais popular na cidade de Vauda Canavese, na província de Turim, região do Piemonte.

Ratinho e o cassetete, marca registrada no início da carreira

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

O ranking mostra o posicionamento, o número de famílias e o número de municípios em que os sobrenomes italianos estão espalhados.

Cotidiano

Prefeito perde batalha contra ítalo-brasileiros: A lei falou mais alto. Parece que o jogo virou, não é mesmo, senhor prefeito?

Destaque do Editor

A transmissão da cidadania italiana jure sanguinis pode ser comprovada por qualquer meio, diz a Corte de Cassação da Itália

Cidadania Italiana

Ao contratar um advogado para processo de cidadania italiana, opte por um que mantenha representante no Brasil.

Cidadania Italiana

Cidadania italiana irregular: 92 cidades da província de Nápoles entram em investigação.

Cidadania Italiana

Silmara Fabotti, líder de esquema de cidadania italiana falsa, planejava fugir da Itália, relata juiz.

Cidadania Italiana

Descaso com o Codice Fiscale: Conselheiro do CGIE denuncia "Gaming the System" nos consulados.

Cidadania Italiana

Passaporte em todo lugar: A partir de julho, correios italianos facilitam renovação e emissão

Cidadania Italiana

A crescente diáspora italiana: Migração em massa em busca de melhores oportunidades e realização pessoal.

Itália no Brasil

Um voo histórico de solidariedade: A ajuda humanitária da Itália ao Rio Grande do Sul.

Itália no Brasil

Aviso por correio convoca os eleitores para participarem das eleições do Parlamento Europeu de 2024.

Cidadania Italiana

Investigação revela esquema de corrupção envolvendo falsos certificados de residência em troca de dinheiro e favores sexuais.