Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Sobrenome italiano

Lorena Calábria: jornalista traz a Itália no sangue e no nome

Um dos rostos mais conhecidos do jornalismo cultural brasileiro, Lorena Calábria é filha de italiano.

sobrenome italiano calabria
Lorena Calábria: jornalista traz a Itália no sangue e no nome | Divulgação

Lorena Calábria é uma jornalista ítalo-brasileira que traz o nome de uma região da Itália em seu nome. Um dos rostos mais conhecidos da televisão brasileira, já passou por diversas emissoras, como Rede Globo, SBT, Record e MTV Brasil.

Nascida em 21 de junho de 1964 no Rio de Janeiro, Lorena herdou o sobrenome de seu pai, Davide, um italiano nascido na região italiana da Calábria.

Ela se formou em jornalismo pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro em 1985 e iniciou sua carreira no mesmo ano, como roteirista e repórter do programa Som Maior, na Rede Manchete.

Lorena Calábria: TV, rádio, jornal e literatura | Reprodução

Lorena Calábria na televisão

Entre 1986 e 1987, atuou como repórter do programa Clip Clip, da Rede Globo. Em 1987, foi contratada pela TV Corcovado, para apresentar o programa de cultura e cinema Vibração.

No ano seguinte, teve uma breve passagem pela Rede Manchete como repórter do Shock, na época apresentado por Carolina Ferraz.

Entre 1988 e 1989, trabalhou na TV Rio comandando o programa de debate cinematográfico O Grito dos Independentes e o programa de entrevistas Rio Show. Sempre atuando na área cultural, durante a década de 1980, também era jornalista da revista Bizz.

A jornalista apresentou o programa Metrópolis por sete anos | Reprodução

MTV Brasil e Metrópolis

Em 1990, Lorena Calábria foi uma das primeiras apresentadoras da MTV Brasil, comandando o programa Cine MTV. Na mesma década, passou a escrever críticas de cinema na Revista da Folha.

Em 1992, trabalhou por alguns meses como repórter do Programa Livre, no SBT. Entre 1993 e 2000 apresentou o programa Metrópolis, da TV Cultura. No mesmo período, narrou a série documental Olho Vivo, adquirida pela emissora da BBC.

No Metrópolis, Lorena era parceira de apresentação de Cadão Volpato, jornalista e cantor da banda Fellini, com quem ela namorava na época.

Lorena Calábria | Reprodução

Sempre o jornalismo cultural

Entre 1998 e 2000, Lorena Calábria também apresentou o Cinema Motion no canal a cabo USA Network. Depois disso, a partir de 2000, a jornalista foi para o Canal Multishow, onde apresentou os programas Bate-Papo Digital e Ensaio Geral.

Em 2004, Lorena Calábria foi contratada pela Rede Record para apresentar a revista eletrônica Domingo Espetacular. Em 2007, também apresentou o Entrevista Record, na Record News.

Em 2008, a jornalista foi para o canal a cabo GNT, onde passou a apresentar o programa Happy Hour, após a saída de Astrid Fontenelle. Na Band, Lorena foi âncora da transmissão do Grammy Latino em novembro do mesmo ano.

A jornalista tem forte presença no jornalismo cultural brasileiro | Reprodução

Lorena Calábria no rádio

Em 2009, apresentou o programa Dia Dia, ao lado de Patrícia Maldonado e Daniel Bork e, entre 2009 e 2010, apresentou os programas Johnnie Walker com Gigantes e MitCultura na rádio Mitsubishi FM.

Em 2011, Lorena Calábria passou a integrar o time de apresentadores da Oi FM. Entre 2012 e 2015, a jornalista apresentou os vídeos institucionais Aqui tem Natura, da empresa de cosméticos Natura.

Desde 2012 apresenta o programa Cine Conhecimento, no Canal Futura. Em janeiro de 2023, passou a fazer parte do programa Radar, da emissora de rádio Novabrasil FM, ao lado de Roberta Tiepo. O programa também pode ser conferido com imagens no canal da Novabrasil no YouTube.

Lorena Calábria e as filhas gêmeas Dora e Catarina | Reprodução

Literatura musical e família

Vale lembrar que, em 2019, Lorena Calábria lançou o livro “Chico Science & Nação Zumbi – Da Lama ao Caos”, onde conta a trajetória da banda pernambucana que foi o maior destaque da chamada Cena Mangue de Recife, no início da década de 1990.

Lorena é casada com o roteirista de cinema e televisão Maurício Arruda. Eles são pais das gêmeas Dora e Catarina.

Lorena lançou em 2019 um livro sobre a cena Mangue de Recife | Reprodução

Sobrenome

O sobrenome italiano Calábria indica a origem da pessoa e significa simplesmente “habitante ou natural da Calábria”, região localizada no extremo sul da Itália.

O nome tem presença significativa na Lombardia, principalmente na área de Brescia.

Segundo o site Cognomix, existem aproximadamente 2710 famílias Calábria na Itália, com forte presença nas seguintes regiões: Calábria (1576), Lombardia (299) e Campania (173).

O sobrenome Calabria é o 11º em popularidade na região da Calábria, o 14º na província de Reggio Di Calabria e o mais popular na cidade de Casalbuono, localizada na província de Salerno (Campania).

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Cotidiano

CNH brasileira volta a valer na Itália: novo acordo facilita vida de milhares pessoas

Variedades

Cidade foi devastada pela erupção do Vesúvio, assim como Pompeia.

Cotidiano

Brasileiros residentes no país europeu há menos de seis anos podem solicitar habilitação italiana sem necessidade de novos exames

Notícias

Grupo de 8 companhias participa de feira de fundição em SP.

Cotidiano

Imperia ocupa 1ª posição de ranking elaborado pelo iLMeteo.it

Esporte

O ítalo-brasileiro assumiu o cargo de técnico da Juventus, firmando um contrato de três temporadas, válido até meados de 2027.

Cultura

Mostra 'Oltreoceano' ocorre no Salão Negro do Congresso Nacional.

Notícias

Atualmente, 15% da pesquisa colaborativa é realizada por cientistas paulistas e italianos.

Gastronomia

Referência da gastronomia, TasteAtlas partilha os seus rankings com base na experiência do consumidor.

Variedades

Agente de Registro Civil e intermediador são suspeitos

Cultura

Evento reúne o melhor da produção contemporânea do país europeu.

Gastronomia

'Espaguete da meia-noite' é tradição após shows ou festas.