Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Sobrenome italiano

Ferrari, sobrenome que carrega tradição do trabalho

O sobrenome Ferrari tem origem na profissão de ferreiro e é um dos mais conhecidos em todo o planeta

sobrenome Ferrari
Ferrari, sobrenome que carrega tradição do trabalho

O sobrenome italiano Ferrari tem origem no ferreiro medieval, aquele que trabalha ou vem de terras ricas em ferro. É um dos mais comuns na Itália e bastante conhecido também no Brasil.

Ação Contra as filasAção Contra as filas

Surgido na Península Ibérica, o sobrenome Ferrari nasceu da palavra latina Faber Ferrarius, que os romanos antigos usavam para designar o artífice, artista ou artesão que trabalhava o ferro. O sobrenome, portanto, é derivado de uma profissão.

O exercício da atividade de ferreiro por parte de um patriarca no final do Império Romano ou no início da Idade Média, em algum ponto da Península Itálica, deu origem a esse sobrenome.

Na Idade Média, os profissionais do ferro fabricavam uma gama de artefatos, desde utensílios de cozinha até objetos de decoração e ferramentas agrícolas e militares, como espadas, lanças e dardos.

Brasão da família Ferrari

O clã dos Ferrari

Requisitado em muitos setores da sociedade, o ferreiro se tornou muito popular, assim como os sobrenomes derivados da profissão.

Dessa forma, os ferreiros nativos da Península Italiana acabaram por adotar esse nome, que foi sendo disseminado pelos seus descendentes.

Seus filhos e descendentes ficaram conhecidos como integrantes da grande família, do clã ou tronco familiar dos Ferraro ou dos Ferrari. Todos eles compunham a Casata Ferraro ou a Casata dei Ferrari, sendo que casata significa casario, clã, grupo familiar.

Obviamente, nem todos os filhos e descendentes do patriarca medieval exerciam a profissão de ferreiro, embora a profissão fosse muitas vezes passada de pai para filho.

No entanto, o que ficou foi o valor simbólico e de ligação com o ancestral ferreiro. Ou seja, Ferrari significa descendente de um pater famílias medieval assim cognominado por exercer a profissão de ferreiro.

O ferreiro era o responsável por fabricar a espada, um dos símbolos da Idade Média

Transformações

A história conta que um pater famílias que viveu entre os séculos IX e X deu início a esse tronco familiar por ser cognominado de Ferrarius. A partir daquele momento, o nome do patriarca foi agregado ao nome de batismo de seus descendentes como segundo nome, um distintivo de família, mesmo que não exercessem a profissão.

O sobrenome, portanto, é uma homenagem à profissão do fundador da Casata dei Ferrari, Faber Ferrarius, Ferrario ou Ferraro, sendo que Faber significa “artífice”, “artesão que opera e trabalha com o ferro”.

As inúmeras transformações do latim ao longo dos séculos, principalmente a partir da queda do Império Romano, foram modificando a terminologia referente às profissões e artes.

Na Itália, os termos Ferrarius e Faber passam a assimilar toda a terminologia latina relacionada a ferrum, como ferreus, ferramentum, ferraria, ferramentarius, ferratus.

Com o tempo, a forma composta da palavra foi sendo abandonada e o termo Faber deixou de ser utilizado. Assim, foram ficando mais comuns as formas populares de designação do ferreiro, como ferraro e fabro, em toda a Itália, e fabbro na Toscana.

Por ter origem em torno dos séculos IX e X, talvez antes, embora não exista documentação história que comprove, o sobrenome Ferrari é considerado um dos mais antigos a perdurar até a era moderna.

A profissão de ferreiro era uma das mais respeitadas na era medieval

Respeito

A figura do ferreiro sempre foi muito respeitada e admirada. Trata-se do artista que transforma a matéria-prima ferro, extraída das entranhas da terra, em matéria bruta de utensílios que multiplicam as habilidades do homem para atuar no meio em que vive.

Ele elabora obras a partir do fogo e com o fogo, portanto, trabalha dominando forças da natureza. É uma figura ambivalente de poder, direcionado para o bem ou para o mal. Era considerado um bruxo por saber manobrar o produto das profundezas da terra por meio do fogo e dar-lhe formato estético a seu gosto.

Entre as personalidades com este sobrenome, a mais famosa certamente é Enzo Ferrari (1898-1988), fundador da fábrica de automóveis e da Scuderia Ferrari, uma das mais vitoriosas equipes de automobilismo na história da Fórmula 1.

A atriz italiana Isabella Ferrari também ostenta o sobrenome entre as celebridades da Itália. Ela ganhou a Coppa Volpi de Melhor Atriz no Festival de Veneza de 1995, por seu papel no filme A História de Um Jovem Homem Pobre, do diretor Ettore Scola.

Enzo Ferrari imortalizou o sobrenome em todo o mundo

Ferrari no Brasil

No Brasil, Ferrari é o sobrenome italiano mais comum nas colônias, de norte a sul do país. Entre os pioneiros – primeiros membros da família que chegaram ao Brasil na onda de imigração a partir do final do século 19 – vale mencionar Giovanni Ferrari (Espírito Santo, 1875), Francesco Ferrari (Rio Grande do Sul, 1877) e Beniamino Ferrari (São Paulo, 1882).

O ator Bruno Ferrari e a influenciadora digital Marina Ferrari estão entre as personalidades brasileiras com o tradicional sobrenome de origem italiana.

O Brasil é o segundo país onde o sobrenome é mais comum, com 46.964 integrantes da família. Em primeiro lugar, claro, está a Itália, com 196.529 membros da família. O terceiro colocado é a Argentina, com 23.646 ocorrências, seguido por Estados Unidos (12.267) e França (8.890).

O automóvel Ferrari é um dos principais ícones de status social

Variações

Ainda que seja de origem italiana, o sobrenome Ferrari tem variações de outros países da Europa. É um sobrenome que se disseminou e foi ganhando traduções em diferentes países. Além das traduções, novas famílias foram formadas com outros brasões, fazendo os Ferrari ganharem identidade própria.

Outras variações para Ferrari são Ferrarotto, Ferriero, Ferrai, Ferrarone e Ferraron.

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Cotidiano

Série vai trazer origem e histórias curiosas sobre os principais sobrenomes da Itália

Cotidiano

Ferrari SF90 Stradale de R$ 7 milhões cai do caminhão em São Paulo

Cotidiano

Depois dessa fica fácil de entender porque o Fiat Panda é o carro mais vendido da Itália

Economia

Ainda sem preço final definido, o veículo vai rodar com um motor V6 dianteiro híbrido e tração nas quatro rodas.

Economia

O Hongqi S9 é um hipercarro de mais de 1.400 cv de potência para acelerar da imobilidade aos 100 km/h em 1,9 segundo.

Cotidiano

Oficial: primeiro supercarro totalmente elétrico da Ferrari vai chegar em 2025

Economia

As generosas empresas italianas que recompensaram funcionários durante a pandemia.

Cotidiano

"Lavei seu carro, mas tem um probleminha: acabei com ele"

Vida & Estilo

O conversível que faltava em Maranello. O preço? R$ 3,2 milhões Deixa o seu comentário:

Cidadania Italiana

A Itália é o país com a maior quantidade de sobrenomes do mundo

Esporte

Mick Schumacher vai participar dos treinos livres de sexta-feira na Fórmula 1 Deixa o seu comentário:

Esporte

Grande Prêmio da Toscana de Fórmula 1 será neste domingo, na casa da Ferrari Deixa o seu comentário: