Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

Italianismo

Receitas

É tempo de torrone na Itália. Conheça a origem e a receita

torrone receita
É tempo de torrone na Itália. E tem receita para todos os gostos

O torrone é o doce típico italiano, presente nas mesas do Natal

Chega próximo do Natal e a Itália se abastece de torrone. Tem receita para todos os gostos: com pistache, frutas secas, chocolate, com avelãs, macio ou duro.

Os melhores torrones vêm de Cremona (também a terra do violino), cidade da Lombardia onde teria surgido esse doce em barra.


Bendita Cidadania


Bendita Cidadania

Segundo a história mais conhecida para explicar a sua origem, em 1441, por ocasião de um casamento importante que uniria duas famílias nobres, os confeiteiros da cidade fizeram um enorme bolo à base de mel e amêndoas.

Formato da torre

A iguaria teria sido modelada tal e qual o formato da torre mais importante da localidade, o Torrazzo (o campanário da catedral que na época era chamado de “Torrione”) – daí teria se perpetuado o nome torrone e a receita espalhada.


Bendita Cidadania

Outros acreditam que a receita – na qual também vai ovo – foi inspirada em um doce árabe de nome turun ou que existia desde o tempo dos romanos.

De acordo com essa versão, o nome derivaria do verbo latino torreo, que significa “torrar” (em referência às amêndoas e avelãs, que são tostadas).

Não importa quem, de fato, inventou o torrone, ou qual região tem a receita mais gostosa. Ele reina nas mesas do Natal, ao lado do panetone e do pandoro, para a alegria das crianças – pequenas ou grandes.


INGREDIENTES

302 gramas de açúcar refinado
250 gramas de glucose
200 gramas de água
110 gramas de claras
200 gramas de mel
150 gramas de frutas secas
300 g de castanha de caju picada (ou amendoim sem pele)
Amido de milho o quanto baste


PREPARO

Em uma panela, aqueça o mel até começar a ferver e deligue o fogo.

Coloque as claras em uma tigela de batedeira resistente à temperatura e bata em velocidade baixa.

Quando estiverem começando a formar uma espuma mais densa, aumente a velocidade para média e adicione aos poucos o 90g de açúcar.

Em outra panela, leve ao fogo 212g de açúcar refinado, a glucose e a água, ferva até atingir 150°C, adicione o mel quente e misture até incorporar.

Tire do fogo e derrame o líquido lentamente e com muito cuidado pela lateral da tigela da batedeira, ligada em velocidade média.

Com um maçarico ou soprador térmico vá aquecendo as laterais da tigela da batedeira enquanto a massa bate.

Quando a massa estiver desgrudando das bordas, desligue o maçarico e a batedeira.

Tire a massa do bowl e despeje em uma superfície polvilhada com amido de milho.

Adicione as frutas secas e as castanhas picadas e misture com as mãos.

Dê o formato desejado e deixe solidificar. Corte e embale em celofane.

LEIA TAMBÉM

Deixa o seu comentário:

Mais de Italianismo

Cotidiano

Regiões com maior percentual de doses aplicadas são Lazio, Toscana e Vêneto.

Cotidiano

Várias medidas de interesse para os italianos no exterior. Redução de impostos, fundos para língua, cultura e Made in Italy

Destinos

As igrejas da Itália são verdadeiras obras de arte. Aqui está um passeio entre as mais evocativas de toda a bota.

Cotidiano

A experiência começa nos aeroportos de Roma. Viajantes receberão resultados dos testes de Covid direto no celular.

Cotidiano

A Eurasia estima 55% de chance de o governo da Itália ser reformulado nos próximos dias. Deixa o seu comentário:

Destinos

Uma viagem pelas obras-primas arquitetônicas mais fotografadas do mundo.

Cotidiano

Xuxa Meneghel mostra sua mansão no Rio e revela planos para morar na Toscana, na Itália.

Cotidiano

Papa Francisco: "A vacina? É uma opção ética. Marquei e tem que ser feita"