Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Draghi confirma demissão e deixa Itália mais perto das eleições

Itália avança para eleições em outubro após renúncia de Draghi

Draghi eleições
Draghi confirma demissão e deixa Itália mais perto das eleições | Andreas Solaro / SIC

Depois de “um dia de loucura”, nas palavras do líder do centro-esquerda, Enrico Letta, o primeiro-ministro italiano Mario Draghi apresentou a demissão ao Presidente nesta quinta-feira (21).

Ação Contra as filasAção Contra as filas

Exatamente uma semana depois de o ter feito pela primeira vez, quando Sergio Mattarella a rejeitou e o convenceu a ir ao Parlamento “esclarecer” a situação política.

Após uma semana turbulenta, a coligação que apoiou este governo de “unidade nacional” está enterrada.

“A única forma de seguirmos em frente se queremos continuar juntos é reconstruir um novo pacto de governo com coragem, altruísmo e credibilidade”, disse Draghi aos senadores.

“Estão preparados? Não devem esta resposta a mim, mas a todos os italianos”, acrescentou “Super Mario“, como é conhecido, lembrando que a “Itália é forte quando está unida”.

O ex-presidente do Banco Central Europeu foi chamado em fevereiro de 2021 para liderar um governo de união nacional com todos os partidos – a exceção foram os Fratelli d’Italia (Irmãos da Itália), de Giorgia Meloni, de extrema-direita.

O fim do Executivo de unidade poderia, sobretudo, beneficiar a coalizão de Meloni, que segundo as pesquisas ganharia confortavelmente as eleições antecipadas, cogitadas para a primeira ou segunda semana de outubro.

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Cotidiano

Inicialmente prevista para março de 2023, antecipação de eleições italianas pegou de surpresa candidatos ítalo-brasileiros

Cotidiano

Movimento 5 Estrelas boicotou uma votação de moção de confiança e Draghi disse que seu governo não poderia continuar sem o apoio do grupo

Cotidiano

Episódio ocorreu em Castelguidone, no centro do país

Cotidiano

Durante o diálogo, o premiê cobrou a instituição de um cessar-fogo “o quanto antes”

Cotidiano

O primeiro-ministro da Itália, Mario Draghi, disse que ataque russo é virada decisiva na história europeia.

Cotidiano

Mario Draghi decidiu que o estado de emergência, cujo fim está marcado para 31 de março de 2022, não será prorrogado

Cotidiano

EUA alertaram que 'ataque' pode começar a qualquer momento

Cotidiano

Ainda sem acordo entre os partidos, o Parlamento faz nesta sexta a quinta votação para eleger o próximo presidente da República

Cotidiano

Medida foi tomada para 'unidade nacional', segundo o político. Ele agradece aos parlamentares que apoiaram sua candidatura

Cotidiano

Vacinação já era obrigatória para profissionais de saúde e outros trabalhadores

Cotidiano

Vencedor do Nobel da Física espera que prêmio incentive Itália a investir mais na ciência

Cotidiano

Edição de 2021 tem apenas um nome da Itália: o primeiro-ministro Mário Draghi. Ele está na categoria 'líderes' ao lado Biden e Trump