Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Eleições 2022

Como Meloni desmontou a esquerda na Itália

Irritado com a estrondosa derrota nas eleições, o PD & cia colocou a líder do Fratelli d’Italia na sua mira

Meloni
Irritado com a estrondosa derrota nas eleições, o PD & cia colocou Giorgia Meloni na sua mira

As eleições deram um resultado claro, categórico e límpido: a centro-direita com a tração de Giorgia Meloni venceu. 

Um resultado que causou várias dores de estômago na esquerda: artistas, supostos intelectuais e influenciadores começaram a balbuciar sobre o risco do fascismo, da ditadura. 

O papo furado de sempre de quem não tem ideias para o país. E nos últimos dias o ataque à coalizão formada por FdI, Forza Italia e Lega aumentou exponencialmente com azia.

Meloni silencia a esquerda

A esquerda começou o jogo do massacre antes mesmo da formação do governo e da instalação das câmaras. Enquanto o país tem que lidar com problemas sérios, PD e cia iniciaram o ataque contra o centro-direita. 

O caso do líder do PD, Enrico Letta, é sensacional – se não ridículo –: depois de propor a mudança do nome de seu partido e de um novo Partido Democrático, ele profetizou que o novo governo não durará mais de três meses

Ataques que não agradaram a Giorgia Meloni, que hoje em dia está ocupada em construir o novo governo.

Nem sequer sabemos os nomes dos ministros, mas o executivo já está sendo atacado: intolerável.

“Vivemos um paradoxo em que a esquerda – atualmente no governo – está tomando as ruas contra ‘as políticas do governo Meloni’ que ainda não foram formadas”, disse a futura primeira-ministra no Instagram: “Compreendo o desejo de protestar após anos de executivos inconclusivos que nos conduziram à atual situação desastrosa, mas o nosso objetivo será restaurar o futuro, a visão e a grandeza da Itália. Em breve iremos finalmente virar a página”.

Esquerda atingida e afundada.

O triunfo nas eleições – livres e democráticas – permitirá ao centro-direita governar durante os próximos cinco anos, apesar dos habituais alarmes sobre alegados rumos autoritários e programas contra a Lei Orçamentária.

A esquerda grita e não dá paz para Meloni, mas esquece de abrir a boca para criticar as palavras da ministra francesa Borne (que disse que vai “vigiar” a Itália).

Por Massimo Balsamo, colunista do jornal Il Giornale

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

A transmissão da cidadania italiana jure sanguinis pode ser comprovada por qualquer meio, diz a Corte de Cassação da Itália

Cotidiano

Prefeito perde batalha contra ítalo-brasileiros: A lei falou mais alto. Parece que o jogo virou, não é mesmo, senhor prefeito?

Cidadania Italiana

Cidadania italiana irregular: 92 cidades da província de Nápoles entram em investigação.

Cidadania Italiana

Silmara Fabotti, líder de esquema de cidadania italiana falsa, planejava fugir da Itália, relata juiz.

Cidadania Italiana

A crescente diáspora italiana: Migração em massa em busca de melhores oportunidades e realização pessoal.

Cidadania Italiana

Descaso com o Codice Fiscale: Conselheiro do CGIE denuncia "Gaming the System" nos consulados.

Itália no Brasil

Um voo histórico de solidariedade: A ajuda humanitária da Itália ao Rio Grande do Sul.

Cidadania Italiana

Investigação revela esquema de corrupção envolvendo falsos certificados de residência em troca de dinheiro e favores sexuais.

Cidadania Italiana

Rodrigo Faro se defende de acusações de envolvimento em esquema de falsificação de documentos para cidadania italiana

Cidadania Italiana

Apresentador de TV, empresários e jogadores de futebol têm processos de cidadania italiana cancelados na região de Nápoles.

Itália no Brasil

Diante do público cada vez maior, desafio é garantir boa estrutura para atender bem os visitantes.

Cotidiano

Meloni apresentou queixa antimáfia sobre fluxos migratórios.