Siga-nos

Olá, o que você está buscando?

Vida & Estilo

90% dos italianos que estavam no Exterior já retornaram

Repatriamento envolveu centenas de operações em vários países

Mais de 70 mil italianos atenderam ao chamado voluntário do governo italiano e já foram repatriados desde o início da pandemia do Covid-19. Os dados são da Farnesina, como é conhecido o Ministério das Relações Exteriores da Itália.

O órgão estima que entre 5 e 6 mil italianos ainda continuam no Exterior, e não sabe precisar quantos ainda devem permanecer nos países que os hospedam no momento, seja por motivo de trabalho ou alguma dificuldade em retornar.

No início do mês, a Embaixada da Itália fez um apelo para que todos os seus cidadãos que estavam no Brasil, por motivos de breve duração, retornassem “o quanto antes”.

Na ocasião, o site do Ministério das Relações Exteriores da Itália disponibilizou uma página de perguntas e respostas para esclarecer eventuais dúvidas sobre as condições para a volta à Itália.

O repatriamento envolveu centenas de operações em vários países como Brasil, Argentina, República Dominicana e México, por exemplo. “Entendemos a frustração e o sentimento de impotência que nossos compatriotas tem no exterior. Mas estamos lidando com uma emergência nunca vista antes e, apesar de não ter varinha mágica, garanto que estamos fazendo o impossível para resolver todos os casos que nos são relatados e organizar vôos de volta sempre que necessário”, disse o disse o subsecretário da Farnesina, senador Ricardo Merlo.

Itália destina verba para cidadãos no Exterior

Além da ajuda na repatriação, a governo italiano destinou 5 milhões de euros para ações de auxílio a cidadãos no exterior durante a pandemia do novo coronavírus.

A quantia está no decreto “Cura Itália”, editado pelo governo em março e aprovado pelo Parlamento na semana passada. Desse total, 4 milhões de euros serão alocados em medidas de assistência aos cidadãos italianos no exterior que estejam em condições de pobreza ou necessidade.

“Trata-se de uma quantia destinada especificamente para enfrentar a emergência ligada ao coronavírus”, disse Merlo. 

Deixa o seu comentário:
Click to comment

Deixe uma resposta

Publicidade

Facebook

Leia também:

Cotidiano

Número é o menor desde o início da pandemia no país Deixa o seu comentário:

Destinos

Bloco lista 14 países que terão entrada permitida após 1º de julho. Brasil, EUA, Rússia e Turquia estão fora Deixa o seu comentário:

Cotidiano

Sul baixa a guarda por causa do menor impacto na população. A volta do turismo pode alterar a situação Deixa o seu comentário:

Cidadania Italiana

Tribunal volta a julgar casos de cidadania italiana. Audiência presencial é descartada Deixa o seu comentário: