Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Comer e beber

Restaurante italiano serve ar frito para os clientes

No Itália, italiano estoca vendo e serve como aperitivo aos clientes

Italiano levou a proposta de “estocar e comer vento” ao extremo

Ação Contra as filasAção Contra as filas

O chef Nicola Dinato do Feva Restaurant em Castelfranco Veneto, uma cidadezinha italiana, criou um aperitivo chamado aria fritta ou simplesmente ar frito.

As guloseimas crocantes são na verdade feitas com goma de tapioca que é primeiro assada e depois frita, expandindo seu interior com ar oferecendo a impressão de ar frito.

Depois que a tapioca é assada e frita, ela é infundida com ozônio por 10 minutos, o que dá às guloseimas um perfume especial. Após a infusão especial, o ar frito crocante é colocado em uma camada de algodão doce, que Dinato diz ser feito para levar os clientes às nuvens.

Não se sabe com certeza se o ar frito é cobrado no restaurante. Segundo algumas fontes, o valor pedido se aproxima aos 110 reais enquanto Dinato diz que a guloseima é oferecida gratuitamente aos clientes.

No Brasil, é comum os brasileiros fazerem piada sobre a quantidade de ar inserida em diversos pacotes de salgadinhos e bolachas.

Estocar vento 

Em 2015, durante coletiva de imprensa após participação na Assembleia-Geral da ONU, a ex-presidente do Brasil, Dilma Rousseff, explicou aos jornalistas presentes, qual era seu projeto para o setor de energia. Na ocasião, sugeriu ‘estocar vento’ e virou piada na internet.

“A energia hidrelétrica é a mais barata, em termos do que ela dura com a manutenção e também pelo fato da água ser gratuita e da gente poder estocar. O vento podia ser isso também, mas você não conseguiu ainda tecnologia para estocar vento”, disse ela na época.

E não é que Dilma estava no caminho certo?

Por Matheus Fragata / Bastidores

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Itália no Brasil

Acostumados com as bizarrices feitas contra as intocáveis receitas italianas, web brinca com feijoada de batatas vendida pelo Lidl

Economia

Itália perdeu 6.875 bares e cafés em dois anos, segundo informação da Unioncamere e InfoCamere

Destinos

A maioria dos viajantes concorda: a melhor parte de uma viagem à Itália é a comida. Mas fuja da armadilha gastronômica

Comer e beber

Aqui está o ranking dos “crimes alimentares” mais graves, segundo os italianos

Comer e beber

O ranking completo dos melhores restaurantes italianos do mundo em 2022 apresentado pelo guia online 50 Top Itália

Una buona notizia!

Chef ítalo-egípcio abre em Genebra no início de 2022 um restaurante popular inspirado em uma ideia surgida na Itália

Comer e beber

Bottura elaborou um menu ad hoc para a véspera de Ano Novo na Osteria Francescana

Comer e beber

O Natal na Itália é um tempo de celebração, e um dos elementos mais importantes das tradições de Natal na Itália é a gastronomia.  Deixa o seu...

Comer e beber

O ranking dos 100 melhores chefs do mundo conta com 11 italianos presentes no ranking. Em 2019 eram 9

Comer e beber

Pandemia colocou em risco excelentes alimentos italianos. Associações e produtores correm para salvá-los

Comer e beber

A data homenageia uma das invenções culinárias mais apreciadas por todo o mundo, em especial pelos brasileiros

Comer e beber

O estudo foi realizado em maio de 2021 em uma amostra nacional de 1.000 italianos, entre 18 e 74 anos.