Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Itália já confiscou R$ 840 milhões dos oligarcas russos

Confisco de iates e contas bancárias feito pelo ministério da Economia e das Finanças italiano já chegou aos 140 milhões de euros

italia oligarca russo
Iate do oligarca Alexei Mordashov avaliado em cerca de 50 milhões de euros foi apreendido pelas autoridades italianas | ilmattino

Os iates de luxo e algumas contas bancárias confiscadas pelas autoridades italianas já passaram da marca dos 140 milhões de euros – cerca de R$ 840 milhões.

Com uma costa habitualmente frequentada pelos milionários, o governo italiano montou operações para confiscar os bens dos oligarcas russos antes que conseguissem fazer os bens sair do país.

Está em curso a adoção de procedimentos de congelamento no território italiano de bens móveis e imóveis propriedade dos russos elencados na lista da União Europeia, explica o ministro da Economia, Daniele Franco, para a agência de notícias italiana ANSA.

O jornal La Repubblica relata também que nesta sexta-feira aconteceu uma operação que envolveu vários carros das autoridades e ainda um barco patrulha para evitar qualquer tentativa de fuga na hora de apreender o iate “Lady M” do oligarca Alexei Mordashov. 

A embarcação, batizada com a inicial do nome da esposa do oligarca tem 65 metros e está avaliada em 50 milhões de euros – aproximadamente R$ 300 milhões.

Segundo a Bloomberg, Alexei Mordashov era em 2021 o quarto homem mais rico da Rússia, muito próximo de Vladimir Putin.

Ao mesmo tempo, também o iate “Lena” de Gennady Timchenko, ancorado em Sanremo, foi apreendido. O barco com 40 metros está avaliado também em 50 milhões de euros.

Oleg Savchenko, que tinha o iate avaliado em cerca de três milhões de euros, aportado na Villa Lazzareschi na pitoresca cidade de Capannori, na Toscana, também foi afetado pelas apreensões das autoridades italianas.

O Ministério da Economia e Finanças italiano reuniu o comitê de segurança financeira, depois de um pedido da Banca d’Italia — o banco central italiano — para alinhar os procedimentos, com o objetivo de criar uma task force e garantir as “medidas de congelamento de fundos e recursos econômicos” dos oligarcas russos atingidos pelas sanções decretadas pela União Europeia.

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

A transmissão da cidadania italiana jure sanguinis pode ser comprovada por qualquer meio, diz a Corte de Cassação da Itália

Cotidiano

Prefeito perde batalha contra ítalo-brasileiros: A lei falou mais alto. Parece que o jogo virou, não é mesmo, senhor prefeito?

Cidadania Italiana

Ao contratar um advogado para processo de cidadania italiana, opte por um que mantenha representante no Brasil.

Cidadania Italiana

Cidadania italiana irregular: 92 cidades da província de Nápoles entram em investigação.

Cidadania Italiana

Silmara Fabotti, líder de esquema de cidadania italiana falsa, planejava fugir da Itália, relata juiz.

Cidadania Italiana

Passaporte em todo lugar: A partir de julho, correios italianos facilitam renovação e emissão

Cidadania Italiana

Descaso com o Codice Fiscale: Conselheiro do CGIE denuncia "Gaming the System" nos consulados.

Cidadania Italiana

A crescente diáspora italiana: Migração em massa em busca de melhores oportunidades e realização pessoal.

Itália no Brasil

Aviso por correio convoca os eleitores para participarem das eleições do Parlamento Europeu de 2024.

Itália no Brasil

Um voo histórico de solidariedade: A ajuda humanitária da Itália ao Rio Grande do Sul.

Cidadania Italiana

Investigação revela esquema de corrupção envolvendo falsos certificados de residência em troca de dinheiro e favores sexuais.

Cidadania Italiana

Rodrigo Faro se defende de acusações de envolvimento em esquema de falsificação de documentos para cidadania italiana