Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Cervo é encontrado com luzes de Natal nos chifres

Há quem o acha cômico e quem o afirma ser mais um símbolo da difícil convivência entre o homem e a natureza

cervo luzes de natal
Cervo é encontrado com luzes de Natal nos chifres

Um cervo vagueia pela floresta acima de Cortina D’Ampezzo, na província de Belluno, com um emaranhado de luzes de Natal em seus chifres. 

O animal selvagem foi imortalizado pelo fotógrafo Mario Barito, que publicou a foto nas redes sociais. E assim o “cervo de Natal” se tornou uma história. Uma história que ninguém conhece a fundo, mas que você só pode tentar imaginar.

As reações diante de uma fotografia desse tipo são diferentes. Há quem a acha cômico, enquanto há quem a interprete como mais um símbolo da difícil convivência entre o homem e a natureza. 

A reconstrução do que aconteceu é tudo menos detalhada. Na época do Natal essa área se enche de luzes e cores, as árvores são enfeitadas com luzes. 

Talvez o animal tenha sido atraído por aquelas luzes, até que se enredou nelas. Ou talvez os fios elétricos tenham sido jogados em algum aterro improvisado, novamente capturando a curiosidade do cervo. “Não sei como essa foto pode fazer você rir”, disse Anna Volcan em resposta aos comentários divertidos do pessoal do Facebook.

“Que dor, pobre animal, me consola que em breve ele perderá os chifres e estará livre dessa decoração pesada”. 

Há anos o fotógrafo Barito imortaliza os animais das florestas do Vêneto com sua câmera. “Não é difícil ver o veado, com essa coroa vistosa”, diz em entrevista ao jornal Corriere delle Alpi

“Quando me aproximei para fotografá-lo, ele nem se mexia: agora estão acostumados com as pessoas, no inverno ficam perto das casas onde encontram comida”. No entanto, pode ter sido essa proximidade excessiva para pregar peças nele.

Leia também

‘Adote uma vaca’, a campanha para salvar produtores no norte da Itália

Statale 51: a primeira rodovia inteligente na Itália

Nasce em Milão a “floresta comestível”

Milão e Cortina d’Ampezzo sediarão Jogos de Inverno de 2026

E aí, gostou do artigo? Então compartilhe nas suas redes sociais e traga seus amigos, colegas e seguidores para a discussão. Em caso de dúvidas a respeito do assunto, não hesite em deixar seu comentário.

Deixa o seu comentário:

Mais de Italianismo

Cotidiano

A primeira rodovia inteligente na Itália já está em operação. E o futuro da mobilidade, em constante evolução no país, passa pela encantadora Cortina d’Ampezzo. Deixa...

Destinos

Um percurso encantador, imerso em uma das vistas mais bonitas da Itália: essa é a ciclovia das Dolomitas. Deixa o seu comentário:

Destinos

No coração do Piemonte, a pequena cidade de Valleggia está lentamente voltando à vida graças à arte: mas ela ainda tem apenas 3 habitantes....

Cotidiano

Para os amantes das montanhas, aqui estão as 10 cidades mais altas da Itália. Vilas de tirar o fôlego. Deixa o seu comentário:

Cotidiano

A noite de Natal teve um pedido especial para os policiais da Arma dos Carabineiros de Vergato, em Bolonha, na Itália. Deixa o seu...

Comer e beber

Durante missa de Natal, padre na Itália, recomendou beber muito vinho porque, segundo ele “os sóbrios não vão para o céu”. Deixa o seu...

Itália no Brasil

A TV Band vai mostrar o especial de Natal “Silent Night: A Christmas Prayer”, com Andrea Bocelli. Deixa o seu comentário:

Cotidiano

O The Guardian elegeu as Dolomitas e a Sardenha como os melhores destinos em 2020. Deixa o seu comentário:

Comer e beber

Panettone do Esselunga é o que apresenta melhor qualidade, segundo a Altroconsumo Deixa o seu comentário:

Arte & Cultura

O presépio foi feito com cerca de sete mil rolhas. Ideia foi usar materiais sustentáveis Deixa o seu comentário:

Destinos

Projeto tem como objetivo repensar a arquitetura dos Alpes a partir da perspectiva das mudanças climáticas Deixa o seu comentário:

Cotidiano

Vinte e quatro janelinhas, cada uma com uma surpresa cheia de sabor dentro. A Itália se rende ao calendário do Advento Deixa o seu comentário: