Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Casellati ou Draghi? Quem será o novo presidente da Itália

Ainda sem acordo entre os partidos, o Parlamento faz nesta sexta a quinta votação para eleger o próximo presidente da República

Casellati ou Draghi
Casellati ou Draghi? Quem será o novo presidente da Itália

Quem será o novo presidente da Itália? Será Mario Draghi, atual primeiro-ministro, ou Maria Elisabetta Alberti Casellati?

Ação Contra as filasAção Contra as filas

Os dois nomes são os mais cotados neste momento para ocupar o cargo de 13º presidente da República Italiana.

Ainda sem acordo entre os partidos, o Parlamento da Itália faz nesta sexta-feira (28) a quinta votação para eleger o próximo presidente da República.

Nas primeiras quatro votações, os principais partidos orientaram o voto em branco ou a abstenção, mas a coalizão de direita decidiu mudar de postura nesta sexta-feira e votar na presidente do Senado, Elisabetta Casellati, da legenda Força Itália (FI), de Silvio Berlusconi.

Nascida em Rovigo, de pai partidário e mãe professora primária, Maria Elisabetta Alberti estudou direito em Pádua e depois se especializou em direito canônico na Pontifícia Universidade Lateranense. Pesquisadora universitária e advogada matrimonial na cidade do Santo, casou-se com o colega Giambattista Casellati, com quem teve dois filhos, Ludovica e Alvise.

No Forza Itália desde a sua fundação, foi eleita para o Parlamento pela primeira vez em 1994. Após uma pausa de cinco anos, retornou ao Senado em 2001 e foi nomeada vice-líder do grupo do partido de Silvio Berlusconi, do qual é muito próxima.

“Uma mulher das instituições no Quirinale. É uma honra indicá-la”, escreveu Matteo Salvini no Facebook. A Itália nunca teve uma mulher presidente em 75 anos de república.

O colégio eleitoral é formado por 1.009 integrantes, sendo 630 deputados, 321 senadores e 58 delegados regionais, mas nenhum campo político tem os 505 votos necessários para eleger sozinho o próximo presidente.

Em teoria, Casellati pode conseguir aproximadamente 450 votos, mas um resultado acima desse número fortaleceria a aliança de direita nas negociações. Porém, se ficar abaixo, a coalizão entre Salvini, Meloni e Berlusconi ficaria enfraquecida.

Por outro lado, uma eventual vitória da presidente do Senado à revelia da centro-esquerda e do M5S provocaria uma ruptura no governo Draghi e poderia até levar a Itália a eleições legislativas antecipadas. “Se Casellati passar, a legislatura termina”, escreveu no Twitter o deputado Alessandro Zan, do Partido Democrático (PD).

O grupo decentro-esquerda pretendeorientar o voto emMario Draghi.

Pelo jeito, o dia será quente em Roma.

Com informações da Ansa

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Cotidiano

Durante o diálogo, o premiê cobrou a instituição de um cessar-fogo “o quanto antes”

Cotidiano

O primeiro-ministro da Itália, Mario Draghi, disse que ataque russo é virada decisiva na história europeia.

Cotidiano

Mario Draghi decidiu que o estado de emergência, cujo fim está marcado para 31 de março de 2022, não será prorrogado

Cotidiano

EUA alertaram que 'ataque' pode começar a qualquer momento

Cotidiano

O presidente da Itália, Sergio Mattarella, 80, foi reeleito neste sábado (29) para mais sete anos de mandato. Deixa o seu comentário:

Cotidiano

Mattarella aceitou neste sábado (29) a proposta de reelegê-lo para mais sete anos de mandato

Cotidiano

Segundo informações de bastidores, o próprio Draghi teria feito um apelo para Mattarella continuar no Palácio do Quirinale

Cotidiano

Terminou sem vencedor a primeira votação no Parlamento da Itália para eleger o próximo presidente da República, realizada nesta segunda-feira (24).    Deixa o seu...

Cotidiano

Medida foi tomada para 'unidade nacional', segundo o político. Ele agradece aos parlamentares que apoiaram sua candidatura

Cotidiano

Vacinação já era obrigatória para profissionais de saúde e outros trabalhadores

Cotidiano

Vencedor do Nobel da Física espera que prêmio incentive Itália a investir mais na ciência

Cotidiano

Edição de 2021 tem apenas um nome da Itália: o primeiro-ministro Mário Draghi. Ele está na categoria 'líderes' ao lado Biden e Trump