Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Sobrenome italiano

Bruno Gagliasso: conheça origem do sobrenome do ator e empresário

Atualmente morando em Portugal, o ator Bruno Gagliasso é descendente de italianos por parte de mãe

sobrenome italiano gagliasso
Atualmente morando em Portugal, o ator Bruno Gagliasso é descendente de italianos por parte de mãe

O ator Bruno Gagliasso, 40 anos, é uma das personalidades mais conhecidas da televisão brasileira. Assim como indica seu sobrenome, ele é descendente de italianos por parte de mãe.

De acordo com o site Cognomix, o sobrenome Gagliasso deriva de uma modificação do nome Galeazzo ou do termo piemontês Gajass, utilizado para denominar os laços usados para unir feixes de trigo.

Gagliasso é um sobrenome tipicamente piemontês, de Turim e Moncalieri, na província de Turim; de La Morra, na província de Cuneo, e de Roatto, na província de Asti.

Cidade de Roatto, onde o sobrenome Gagliasso é o mais popular
Cidade de Roatto, onde o sobrenome Gagliasso é o mais popular

Popularidade

O Cognomix aponta que existem hoje aproximadamente 118 famílias Gagliasso na Itália, senso que as maiores concentrações estão nas regiões do Piemonte (106), Lazio (4) e Lombardia (4).

Esse sobrenome é o 3004º em popularidade na região do Piemonte, sendo o 1057º mais comum na província de Cuneo e o mais popular na cidade de Roatto, na província de Asti.

Bruno Gagliasso em Chiquititas: primeira novela

Trajetória de Bruno Gagliasso

Bruno Gagliasso Marques nasceu no Rio de Janeiro em 13 de abril de 1982. Seus pais são Paulo César Marques e Lucia Gagliasso, famosa chef de cozinha no Rio de Janeiro.

Enquanto o pai tem ascendência portuguesa, Lucia já disse em várias entrevistas que aprendeu a cozinhar ainda jovem com a mãe, a sogra e a comadre, honrando a tradição de seus familiares que vieram da Itália.

O casal Paulo e Lucia se divorciou quando Bruno ainda era criança e ela se casou com Fernando Ferreira, padrasto com quem Bruno sempre teve ótima relação. Seu irmão Thiago Gagliasso, que também é ator e se elegeu deputado estadual pelo Rio de Janeiro nas últimas eleições, é filho de Lucia e Fernando.

Bruno e Giovanna Antonelli contracenaram em Sol Nascente

Bruno Gagliasso nas novelas

Bruno iniciou sua carreira em 1999, aos 17 anos, após alguns trabalhos de publicidade e figurações. Ele participou do episódio “Papai é Gay!”, do programa Você Decide, na TV Globo e logo depois foi para o SBT, onde se destacou na novela Chiquititas.

De volta para a Globo, em 2001 assinou contrato com a emissora, onde ficou até 2020. Entre os primeiros trabalhos estão o papel do jovem Caetano na minissérie A Casa das Sete Mulheres (2003) e do problemático Inácio na novela Celebridade (2003).

Em 2005, Bruno interpretou o personagem Júnior, na novela América e, no ano seguinte, deu vida ao garoto do interior Ricardo, no remake da novela Sinhá Moça.

O ator ganhou em 2007 seu primeiro vilão em novelas, o Ivan, de Paraíso Tropical, e em 2010 interpretou o papel do italiano bígamo Berillo Rondelli na novela Passione. No ano seguinte, interpretou o perverso coronel Timóteo na novela Cordel Encantado.

Bruno Gagliasso em cena do filme Marighella

Cinema e séries

Em 2013, Bruno Gagliasso protagonizou o filme Mato sem Cachorro, ao lado de Leandra Leal, e a novela Joia Rara, contracenando com Bianca Bin. A trama ganhou o prêmio Emmy Internacional de melhor novela.

Em 2014, o ator foi convidado para protagonizar o seriado de Glória Perez, Dupla Identidade, no qual interpretou o serial killer Edu. No ano seguinte, trabalhou na novela Babilônia, no papel do traficante e cafetão Murilo.

Em 2016, viveu o protagonista Mário, na novela Sol Nascente, e em 2018 interpretou o protagonista Gabriel em outra novela, O Sétimo Guardião.

No ano de 2021, o ator atuou no filme Marighella, dirigido por Wagner Moura. No mesmo ano, ele anunciou sua mudança para Portugal com a esposa, a também atriz Giovanna Ewbank, com quem é casado desde 2010, e os filhos.

Ele adquiriu a cidadania europeia por via do pai, que tem ascendência portuguesa.

Lucia Gagliasso, mãe de Bruno, com Titi, Bless e Zyan

Racismo em Portugal

Bruno e a esposa, Giovanna Ewbank, adotaram em 2016 uma menina de quatro anos chamada Chissomo, apelidada de Titi, que nasceu em Malawi, na África.

Em 2019, o casal adotou o menino Bless, também de quatro anos, novamente em Malawi. Em julho de 2020, Giovana deu à luz o terceiro filho do casal, Zyan.

Em 2017, ficou famoso o caso de racismo envolvendo a “socialite” Day McCarthy, que publicou um vídeo em suas redes sociais chamando Titi, a filha adotiva de Bruno e Giovana, de “macaca”. “A menina é preta, cabelo horrível, e o povo fala que a menina é linda?”, teria dito a agressora, entre outras declarações.

Bruno Gagliasso foi à delegacia e prestou queixa por injúria racial.

Giovanna e Bruno, com os filhos Zyan, Titi e Bless

Empreendedorismo e militância

O ator Bruno Gagliasso também é dono de três restaurantes, pousada e academia e militante contra o preconceito racial e de pessoas LGBTQI+.

Na premiação GQ Men of The Year 2015, o ator deu um beijo na boca do ator João Vicente de Castro. “Aos machistas de carteirinha, hipócritas de plantão e preconceituosos, o nosso carinho e nosso amor de homem com H! Que venha 2016”, escreveu Gagliasso, ao postar a foto do beijo em seu Instagram.

Bruno Gagliasso: ator, empresário e defensor de causas sociais

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

O ranking mostra o posicionamento, o número de famílias e o número de municípios em que os sobrenomes italianos estão espalhados.

Destaque do Editor

A transmissão da cidadania italiana jure sanguinis pode ser comprovada por qualquer meio, diz a Corte de Cassação da Itália

Cotidiano

Prefeito perde batalha contra ítalo-brasileiros: A lei falou mais alto. Parece que o jogo virou, não é mesmo, senhor prefeito?

Cidadania Italiana

Ao contratar um advogado para processo de cidadania italiana, opte por um que mantenha representante no Brasil.

Cidadania Italiana

Cidadania italiana irregular: 92 cidades da província de Nápoles entram em investigação.

Cidadania Italiana

Silmara Fabotti, líder de esquema de cidadania italiana falsa, planejava fugir da Itália, relata juiz.

Cidadania Italiana

Descaso com o Codice Fiscale: Conselheiro do CGIE denuncia "Gaming the System" nos consulados.

Cidadania Italiana

Passaporte em todo lugar: A partir de julho, correios italianos facilitam renovação e emissão

Cidadania Italiana

A crescente diáspora italiana: Migração em massa em busca de melhores oportunidades e realização pessoal.

Itália no Brasil

Um voo histórico de solidariedade: A ajuda humanitária da Itália ao Rio Grande do Sul.

Itália no Brasil

Aviso por correio convoca os eleitores para participarem das eleições do Parlamento Europeu de 2024.

Cidadania Italiana

Investigação revela esquema de corrupção envolvendo falsos certificados de residência em troca de dinheiro e favores sexuais.