Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Comer e beber

Azeite de oliva italiano será enviado ao espaço em 2022

Astronauta italiana levará azeites de oliva extra virgens para ver como eles se comportam no espaço

Azeite de oliva italiano
Azeite de oliva italiano será enviado ao espaço em 2022, por Samantha Cristoforetti, comandante da missão

Em abril, uma seleção de azeites de oliva extra-virgens italianos será enviada para a Estação Espacial Internacional (ISS).

Os azeites serão levados à ISS, localizada a cerca de 400 quilômetros acima da superfície da Terra, pela astronauta italiana Samantha Cristoforetti, comandante da missão.

A Agência Espacial Italiana confirmou que os astronautas devem consumir o azeite de oliva extra virgem com as refeições. Um óleo será usado para estudar o impacto de estar no espaço em azeite de qualidade.

Altas doses de radiação (cósmica e solar) no espaço podem modificar alguns elementos do azeite. Ao mesmo tempo, a falta de gravidade, também chamada de ambiente de microgravidade, também pode fazer com que os óleos se aglutinem e se agreguem.

Como parte de seu pequeno estoque de alimentos que os astronautas têm permissão para levar para a ISS para contribuir com sua dieta missionária padrão, Cristoforetti escolheu três azeites de oliva extra virgens monovarietais, feitos de espécies italianas tradicionais: Frantoio, Bosana e Biancolilla.

Além disso, Unaprol, o consórcio italiano de produtores de oliva e um dos parceiros do projeto, disse que quatro azeites de oliva extra virgem monovarietal separados seriam oferecidos a outros astronautas com refeições específicas.

Estação Espacial Internacional (ISS)

“Os azeites extra virgens que serão enviados para a ISS são da mais alta qualidade, vindos de diferentes regiões da Itália”, disse Nicola di Noia, diretor geral da Unaprol.

O experimento permitirá aos pesquisadores entender como o conteúdo e o perfil do azeite de oliva podem mudar no espaço. Algumas amostras de azeite de oliva extra virgem serão trazidas de volta à Terra depois de seis meses, 12 meses e 18 meses na ISS.

De volta à Terra, a equipe científica internacional estudará os perfis químicos de cada amostra de azeite extra virgem para estabelecer possíveis mudanças que ocorreram no espaço. Os azeites também serão degustados para determinar como sua qualidade foi afetada pelo tempo passado no espaço.

Os azeites extra virgens selecionados por Coldiretti e Unaprol compartilham um alto perfil antioxidante que é especificamente relevante para aqueles que enfrentam condições psicofísicas de estresse intenso, como astronautas, acrescentou a agência.

Samantha Cristoforetti está programada para chegar à ISS em 15 de abril de 2022, em uma cápsula SpaceX Dragon.

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Estudar na Itália

Inscrições estão abertas até 17 de janeiro de 2022

Comer e beber

Pesquisa da Altroconsumo com 30 marcas revela que teste foi aprovado em apenas 19 garrafas

Cotidiano

98,8% das mortes desde fevereiro não haviam concluído o ciclo de vacinação

Cotidiano

Cultivo é desenvolvido em várias regiões do Estado com bons resultados.

Destinos

Árvore monumental fica na Sardenha e tem 12 metros de circunferência

Comer e beber

A melhor escolha para cozinhar ou fritar é o azeite extra virgem. E não apenas porque tem um gosto melhor Deixa o seu comentário:

Vida & Estilo

Presidente do ISS: "O quadro confirma o cenário dos últimos dias e nos dá indicações da eficácia das medidas"

Comer e beber

Tradicional premiação realizada na Itália escolheu o azeite da Olivas do Sul como o melhor monovarietal do Hemisfério Sul Deixa o seu comentário:

Comer e beber

Geada e praga geram a maior queda da produção dos últimos 25 anos Deixa o seu comentário:

Comer e beber

Produzido na região da Apúlia, azeite é capaz de regular a proliferação de células cancerígenas  Deixa o seu comentário: