Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo
Santa Felicidade realiza festa dos 141 anos da imigração italiana | Divulgação

Cidadania Italiana

Santa Felicidade realiza festa dos 141 anos da imigração italiana

Muita comida italiana, músicas típicas e apresentações de danças folclóricas

Começou nesta sexta-feira a festa que comemora os 141 anos da imigração italiana em Curitiba.

Com alegria, fé, cultura, muito frango, polenta e vinho os 141 anos da imigração italiana e a construção de Santa Felicidade, bairro criado em 1.878 por famílias europeias, vindas da região do Vêneto, Norte da Itália.

A festa popular vai até domingo, na Avenida Manoel Ribas, que terá um trecho fechado especialmente para a programação comemorativa.

As barracas serão montadas em um trecho de 300 metros, da Avenida Toaldo Tulio até Rua Madre Clélia Merloni.

História e tradição

“Queremos repetir o sucesso da festa do ano passado quando milhares de pessoas entre famílias da região e turistas vieram prestigiar nossa história e tradição”, diz a administradora regional de Santa Felicidade, Simone Chagas Lima.

O convite para esse ano, destaca Simone, é para mais três dias de confraternização entre os moradores locais e os visitantes. “É uma belíssima reunião de famílias à moda antiga, com brincadeiras, apresentações, culinária e muita reverência aos homens e mulheres que trabalharam para construir Santa Felicidade”, reforça a administradora.

Lambari frito

A dupla frango e polenta, tradicional na gastronomia do bairro italiano marcará presença, mas também haverá outras iguarias preparadas seguindo as receitas dos nonas e das nonas: lambari frito, pão com bife, queijos, salames e vinhos produzidos na região. Para quem prefere os doces as opções também serão fartas com cucas, caçarolas italianas, tortas e doces preparados no capricho.

A animação ficará por conta dos corais e grupos folclóricos que vão se revezar no palco para não deixar ninguém parado.

Herança italiana

A herança da imigração italiana em Santa Felicidade está na arquitetura neoclássica, colonial, visível nos casarões preservados, na gastronomia, com restaurantes típicos, nas pequenas fábricas de vinho, na venda de artesanato e é claro, na maneira de falar dos moradores.

Serviço:
Festa de 141 anos da Imigração Italiana
Sábado (23) – 10h às 21h
Barracas de comidas típicas e apresentações culturais
Domingo (24)
10h30 – Missa celebrada pelo padre Cláudio Ambrósio
Barracas de comidas típicas e apresentações culturais

Leia também

* * * * *

Gostou do artigo? Então comente ou compartilhe nas suas redes sociais.

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

+ no Italianismo

Comer e beber

Conhecida por sua rica gastronomia, a Itália tem uma variedade incrível de doces típicos de Natal. Deixa o seu comentário:

Cidadania Italiana

Passaporte italiano é o terceiro mais poderoso do mundo; Brasil cai para 20º lugar

Comer e beber

O ranking completo dos melhores restaurantes italianos do mundo em 2022 apresentado pelo guia online 50 Top Itália

Cotidiano

Nunca a Itália contou com tantas ofertas de emprego. Há cerca de 505.000 postos de trabalho aguardando um candidato. Deixa o seu comentário:

Destinos

Casa está localizada nas Montanhas Dolomitas e é da Primeira Guerra Mundial

Negócios

Embora o aplicativo esteja presente no país desde 2013, parece que ninguém nunca ouviu falar dele

Destinos

Comprar casa na Itália por apenas 1 euro é irresistível. Mas compradores precisam cumprir uma série de compromissos

Herança italiana

O italiano Mário Pozzani veio de Verona ainda criança e mais tarde iniciou uma das maiores empresas de transporte rodoviário do país

Cotidiano

Produção conta as histórias originais dos italianos que chegaram na colônia imperial de Azambuja, em 1877

Destinos

Do Brasil não é possível entrar na Itália por motivos de turismo

Cidadania Italiana

Representantes de leis e políticas migratórias debatem a desatualizada lei da cidadania italiana

Negócios

Pela primeira vez, a Itália pode estar arrastando a economia do continente