Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Estilo de vida

Morre na Itália a mulher mais velha do mundo, aos 117 anos

Emma Morano, nascida em 1899, morreu enquanto descansava em sua poltrona.

A italiana Emma Morano, a última sobrevivente conhecida do século XIX e supostamente a mulher mais idosa do mundo, morreu neste sábado, aos 117 anos, em sua residência em Verbania, no norte da Itália, anunciou a imprensa local.

Ela nasceu em 29 de novembro de 1899, na cidade de Civiasco. Emma ocupava o primeiro lugar da lista das pessoas de maior idade do planeta, elaborada pelo americano “Gerontology Research Group”.

A idosa passou por duas guerras mundiais, 11 Papas, três reis e 12 presidentes.

— Ela teve uma vida extraordinária e sempre nos recordaremos de sua força para seguir adiante — declarou o prefeito de Verbania, citado pela imprensa.

O médico Carlo Bava disse à agência Associated Press, por telefone, que a cuidadora da idosa o ligou para dizer que, na tarde deste sábado, a mulher havia falecido, enquanto descansava em uma poltrona em sua casa em Verbania, cidade no Lago Maggiore.

Bava disse que visitou Emma pela última vez na sexta-feira, dia 14.

— Ela me agradeceu e segurou minha mão, como de costume — contou ele.

DIETA INUSITADA

Emma Morano tinha uma genética privilegiada: sua mãe morreu aos 91 anos e algumas irmãs se tornaram centenárias. Mas ela também creditava sua longevidade a uma dieta alimentar peculiar:

— Eu como dois ovos por dia e só. E alguns biscoitos, mas eu não como muito porque não tenho dentes — contou Emma, ao “Guardian” em novembro passado.

Apesar de lúcida, a idosa passou a maior parte do último ano na cama, por conta de problemas de saúde. Ela estava surda, falava com dificuldade e não enxergava bem o suficiente para assistir a televisão, então ficava, durante boa parte do tempo, apenas dormindo ou comendo.

AGREDIDA PELO MARIDO, PERDEU ÚNICO FILHO

Emma era uma pessoa solitária, e prezava por isso. Ela deixou o marido violento em 1938, logo após a morte ainda de seu único filho, ainda criança. Desde então, ela vivia sozinha, trabalhando numa fábrica de sacos de juta para se manter. Porém, há dois anos — portanto quando ela já estava com 115! —, Emma passou a ter a companhia de uma cuidadora.

POR O GLOBO / COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:
1 Comment

1 Comments

  1. mobile auto detailing overland park

    12 de março de 2022 at 08:28

    I really enjoy the article post.Really looking forward to read more. Awesome.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaques do editor

Destaque do Editor

A transmissão da cidadania italiana jure sanguinis pode ser comprovada por qualquer meio, diz a Corte de Cassação da Itália

Cotidiano

Prefeito perde batalha contra ítalo-brasileiros: A lei falou mais alto. Parece que o jogo virou, não é mesmo, senhor prefeito?

Cidadania Italiana

Ao contratar um advogado para processo de cidadania italiana, opte por um que mantenha representante no Brasil.

Cidadania Italiana

Cidadania italiana irregular: 92 cidades da província de Nápoles entram em investigação.

Cidadania Italiana

Silmara Fabotti, líder de esquema de cidadania italiana falsa, planejava fugir da Itália, relata juiz.

Cidadania Italiana

Passaporte em todo lugar: A partir de julho, correios italianos facilitam renovação e emissão

Cidadania Italiana

A crescente diáspora italiana: Migração em massa em busca de melhores oportunidades e realização pessoal.

Cidadania Italiana

Descaso com o Codice Fiscale: Conselheiro do CGIE denuncia "Gaming the System" nos consulados.

Itália no Brasil

Aviso por correio convoca os eleitores para participarem das eleições do Parlamento Europeu de 2024.

Itália no Brasil

Um voo histórico de solidariedade: A ajuda humanitária da Itália ao Rio Grande do Sul.

Cidadania Italiana

Investigação revela esquema de corrupção envolvendo falsos certificados de residência em troca de dinheiro e favores sexuais.

Cidadania Italiana

Rodrigo Faro se defende de acusações de envolvimento em esquema de falsificação de documentos para cidadania italiana