Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Vida & Estilo

Juventus é a maior torcida da Itália; Roma tem mais simpatizantes

maior torcida da Itália
Velha senhora é a que tem a maior torcida da Itália

Segundo pesquisa, juventinos seguem soberanos no topo da maior torcida do Belpaese.

Foi divulgada a pesquisa Sport Fans, encomendada pela agência Ipsos, em parceria com a StageUp, sobre as maiores torcidas do futebol italiano. Na pesquisa, realizada desde 2004 e entre torcedores entre 14 e 64 anos, apontou a que a Juventus – a maior torcida da Itália – segue sendo a equipe “mais amada” do país em número de torcedores, acompanhada por Milan, Internazionale, Napoli e Roma, respectivamente entre os primeiros colocados.

Nos últimos anos da pesquisa, a torcida do Napoli foi a que teve o maior crescimento, com um incremento de 61% a sua base de tifosi dentro da Itália.

Torcida do Napoli tem o maior crescimento da Itália

A pesquisa registrou que a torcida do Napoli teve o maior crescimento dos últimos cinco anos: os partenopei passaram de 1,8 milhão em 2011 para 2,9 milhões em 2016, com um aumento de 61%. “Isso se deve aos resultados afirmativos dos últimos anos dos napolitanos, mas também dos novos representantes do time, como o presidente De Laurentiis, e a campeões como Higuaín e Callejón“, informou a pesquisa.

Outros clubes que tiveram um crescimento de destaque foram o Bologna, que progrediu 58% (de 211 mil em 2011 a 334 mil em 2016), e a Lazio, que teve um aumento de 46% (passou de 425 mil em 2011 a 622 mil tifosi em 2016).

Torcida da Juventus segue no topo do país; Roma tem mais simpatizantes

A equipe bianconera segue sendo a maior torcida da Itália, com 8,3 milhões de torcedores, à frente do segundo colocado, Milan, com 4,2 milhões; da terceira Inter, com 3,9 milhões; do quarto colocado, Napoli, com 2,9 milhões; e da quinta colocada, Roma, com 1,9 milhão de adeptos. E no balanço dos torcedores, a Juve se prova uma torcida nacional: o local onde tem menos torcida é justamente no Piemonte, onde fica Turim, sua sede, com 13%. Os bianconeri possuem 17% no nordeste do país, 14% no centro, e incríveis 40% somando o sul da Itália e as ilhas do Belpaese.

A Juve não lidera o ranking de simpatizantes, mas está na segunda posição, com 3,08 milhões. O ranking foi medido pelos que têm as equipes como “segunda equipe”, em paralelo ao time do coração.

Quem o lidera é a Roma, com 3,4 milhões de simpatizantes, entre eles, 55% de mulheres, destaca a pesquisa. Atrás dos giallorossi e bianconeri, estão, respectivamente: Milan (2,637 milhões), Napoli (2,601 milhões) e Inter (2,572 milhões), entre os cinco primeiros dessa lista.

Romanistas são os maiores consumidores; Totti é o jogador mais conhecido da Itália

A pesquisa analisou também quem era o jogador de mais notoriedade no futebol italiano: o mais notório, além do líder da simpatia entre homens e mulheres era o capitão romanista Francesco Totti, que segundo a sondagem, tinha uma notoriedade feita em pesquisa espontânea, de 97%.

Outra análise feita pela pesquisa foi a dos comportamentos comerciais dos torcedores em relação a sua equipe. Entre elas, estava o número de torcedores que possuem assinatura de TV paga para acompanhar seus clubes: os líderes nessa relação foram os romanistas. Entre eles, 54% de seus torcedores possuem um pacote de TV paga para acompanhar os jogos do seu clube. Em seguida, vem os torcedores do Bologna, com 48%, e na terceira posição, da Atalanta, com 47%.

Federico Gaetano, presidente da StageUp, que encomendou a pesquisa Sports Fans, falou sobre a apuração: “A pesquisa Sports Fans mostra que a proximidade de um clube de futebol, ao contrário do que normalmente tendemos a pensar, é um fenômeno que muda ao longo do tempo. A análise sobre as tendências dos últimos cinco anos, nós interpretamos o desejo de italianos de assistir ao campeonato [italiano] independente de equilíbrio e show. É nesta perspectiva que recompensa Napoli e Roma como concorrentes dos principais do Norte, e vendo com muita simpatia clubes médios ambiciosos, e clubes bem administrados como Bologna e Torino“, afirmou.

É importante notar que ‘Sports Fans‘, uma pesquisa única no futebol, pode aprofundar a relação entre a torcida e o comportamento empresarial, um elemento essencial para o equilíbrio econômico dos clubes em busca através da busca da satisfação de produtos e serviços existentes, mas mesmo com a identificação de novas necessidades e oportunidades para o desenvolvimento dos clubes“, completou.

LEIA TAMBÉM
200

Deixa o seu comentário:
1 Comment

1 Comment

  1. mobile car detailing overland park

    12 de março de 2022 at 12:43

    I really enjoy the blog article.Much thanks again.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Esporte

Milan não ganhava título desde 2016, quando faturou a Supercopa da Itália, vencendo a Juventus nos pênaltis

Cotidiano

Rafaela Pimenta tocará a empresa do italiano a partir de agora

Esporte

Radu falha, Inter de Milão leva virada do Bologna, e Milan encaminha o título do Italiano

Cotidiano

Uma delas tem o design da bola usada na Copa do Mundo de 1978

Esporte

Campeões europeus, italianos estão eliminados do Mundial pela segunda edição seguida

Esporte

Em longa entrevista ao Il Sole 24 Ore, Giuseppe Marotta disse que governo abandonou os clubes

Itália no Brasil

AlmavivA aguarda assembleia de conselheiros para efetuar compra de 90% do Juventus, time de futebol tradicional de SP

Cotidiano

Brasileiro foi condenado a nove anos de prisão por violação sexual

Cotidiano

Ex-jogador do Milan, Robinho foi condenado em última instância a nove anos de prisão por estupro

Esporte

Conquista do Brasileirão pelo Atlético-MG ganha destaque nos principais meios de comunicação da Itália

Esporte

Dez seleções que terminaram em segundo lugar disputarão a repescagem em março do ano que vem

Esporte

Os grandes clubes da Itália que já foram rebaixados para a segunda divisão do Campeonato Italiano