Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Estudar na Itália

Itália reabre escolas com passe sanitário para professores

Obrigatória a apresentação de certificado sanitário para professores e funcionários escolares

italia passe sanitário
Itália reabre escolas com passe sanitário para professores

Começou nesta segunda-feira (13) o ano letivo 2021/22 para quase 4 milhões de estudantes da Itália, cujo governo tornou obrigatória a apresentação de um passe sanitário por professores e outros funcionários escolares.   

A volta às aulas envolve 3,9 milhões de alunos das regiões de Abruzzo, Basilicata, Emilia-Romagna, Lazio, Lombardia, Piemonte, Úmbria, Vale de Aosta e Vêneto, além da província autônoma de Trento.   

Crianças e adolescentes já haviam voltado às escolas em 6 de setembro na província autônoma de Bolzano. Já na Sardenha, o ano letivo começa nesta terça (14); e nas regiões de Campânia, Ligúria, Marcas, Molise e Toscana, na quarta (15).   

O Friuli Veneza Giulia e a Sicília reabrem os colégios em 16 de setembro, enquanto as últimas regiões a voltar às aulas serão Calábria e Puglia, na próxima segunda (20).   

Passe sanitário obrigatório para professores na Itália

Professores e funcionários das escolas são obrigados a apresentar o chamado “passe verde”, certificado do governo italiano concedido a pessoas totalmente vacinadas contra a Covid-19 ou que tenham tomado a primeira dose há pelo menos 15 dias; curados da doença há no máximo seis meses; ou indivíduos que tenham testado negativo em exames PCR ou de antígeno há no máximo 48 horas.   

Docentes que não levarem o certificado poderão ter o salário suspenso ou pagar multas de até mil euros (R$ 6,2 mil).   

Pais de alunos e outros adultos que tenham acesso aos colégios também precisam mostrar o passe, que, por outro lado, não é exigido de estudantes, mesmo aqueles que já podem tomar vacinas anti-Covid (12 anos ou mais).   

Segundo o ministro da Educação da Itália, Patrizio Bianchi, mais de 900 mil verificações foram feitas na plataforma do “passe verde” apenas entre 7h e 8h da manhã desta segunda.   

“93% do pessoal escolástico está vacinado. Se houver riscos, vamos intervir de forma mirada, seremos cirúrgicos nas medidas”, acrescentou Bianchi, descartando a hipótese de fazer regiões inteiras voltarem ao ensino a distância que vigorou durante quase toda a pandemia.   

O uso de máscaras nas salas de aula é obrigatório para crianças com seis anos ou mais, porém o governo estuda relaxar a medida caso todos os alunos da mesma classe tenham sido vacinados. (Ansa)

E aí, gostou do artigo? Então compartilhe nas suas redes sociais e traga seus amigos, colegas e seguidores para a discussão. Em caso de dúvidas a respeito do assunto, não hesite em deixar seu comentário.

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Mais de Italianismo

Cotidiano

Poderão entrar no país europeu os turistas que receberam os imunizantes da Janssen, AstraZeneca, Moderna e Pfizer.

Cotidiano

Medida pode beneficiar milhares de cidadãos italianos residentes no Brasil, e que receberam a Coronavac

Comer e beber

O green pass não é apenas o tema principal do verão 2021, agora é também um sabor de sorvete na Itália

Cotidiano

Itália ainda não explicou se o passe verde poderá ser usado por italianos residentes em países de risco, como o Brasil

Cotidiano

Itália criou um "Passe verde" para locais fechados, que entra em vigor a partir de 6 de agosto

Estudar na Itália

O prazo para se candidatar segue até o dia 31 de maio.

Cotidiano

O Green Pass será lançado na Europa a partir de 1º de junho, antes da data programada.

Cotidiano

A história de Fiammetta que segue seu pai pastor montanha acima para ter aulas online

Itália no Brasil

Natural de Bento Gonçalves, comunicador travava luta contra o câncer.

Itália no Brasil

É descendente de italiano? Vai viajar para a Itália? Quer aprender uma nova língua e crescer na carreira? Ou é um curioso nato? Selecionamos...

Cotidiano

Algumas das medidas de segurança sanitária prometidas pelo governo italiano não foram cumpridas Deixa o seu comentário:

Estudar na Itália

Diretrizes também preveem uso de máscaras para maiores de 6 anos