Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Estudar na Itália

Itália reabre escolas com passe sanitário para professores

Obrigatória a apresentação de certificado sanitário para professores e funcionários escolares

italia passe sanitário
Itália reabre escolas com passe sanitário para professores

Começou nesta segunda-feira (13) o ano letivo 2021/22 para quase 4 milhões de estudantes da Itália, cujo governo tornou obrigatória a apresentação de um passe sanitário por professores e outros funcionários escolares.   

A volta às aulas envolve 3,9 milhões de alunos das regiões de Abruzzo, Basilicata, Emilia-Romagna, Lazio, Lombardia, Piemonte, Úmbria, Vale de Aosta e Vêneto, além da província autônoma de Trento.   

Crianças e adolescentes já haviam voltado às escolas em 6 de setembro na província autônoma de Bolzano. Já na Sardenha, o ano letivo começa nesta terça (14); e nas regiões de Campânia, Ligúria, Marcas, Molise e Toscana, na quarta (15).   

O Friuli Veneza Giulia e a Sicília reabrem os colégios em 16 de setembro, enquanto as últimas regiões a voltar às aulas serão Calábria e Puglia, na próxima segunda (20).   

Passe sanitário obrigatório para professores na Itália

Professores e funcionários das escolas são obrigados a apresentar o chamado “passe verde”, certificado do governo italiano concedido a pessoas totalmente vacinadas contra a Covid-19 ou que tenham tomado a primeira dose há pelo menos 15 dias; curados da doença há no máximo seis meses; ou indivíduos que tenham testado negativo em exames PCR ou de antígeno há no máximo 48 horas.   

Docentes que não levarem o certificado poderão ter o salário suspenso ou pagar multas de até mil euros (R$ 6,2 mil).   

Pais de alunos e outros adultos que tenham acesso aos colégios também precisam mostrar o passe, que, por outro lado, não é exigido de estudantes, mesmo aqueles que já podem tomar vacinas anti-Covid (12 anos ou mais).   

Segundo o ministro da Educação da Itália, Patrizio Bianchi, mais de 900 mil verificações foram feitas na plataforma do “passe verde” apenas entre 7h e 8h da manhã desta segunda.   

“93% do pessoal escolástico está vacinado. Se houver riscos, vamos intervir de forma mirada, seremos cirúrgicos nas medidas”, acrescentou Bianchi, descartando a hipótese de fazer regiões inteiras voltarem ao ensino a distância que vigorou durante quase toda a pandemia.   

O uso de máscaras nas salas de aula é obrigatório para crianças com seis anos ou mais, porém o governo estuda relaxar a medida caso todos os alunos da mesma classe tenham sido vacinados. (Ansa)

E aí, gostou do artigo? Então compartilhe nas suas redes sociais e traga seus amigos, colegas e seguidores para a discussão. Em caso de dúvidas a respeito do assunto, não hesite em deixar seu comentário.

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Mais de Italianismo

Cotidiano

A multa para quem não respeitar a nova regra varia de 400 a 1.000 euros

Cotidiano

Às vezes, é preciso passar por uma porta estreita para entender as coisas como elas são, diz líder antivax

Itália no Brasil

Projeto visa ampliar não só ensino da língua, mas também de arte e cultura italianas no ensino médio

Cotidiano

Poderão entrar no país europeu os turistas que receberam os imunizantes da Janssen, AstraZeneca, Moderna e Pfizer.

Cotidiano

Medida pode beneficiar milhares de cidadãos italianos residentes no Brasil, e que receberam a Coronavac

Comer e beber

O green pass não é apenas o tema principal do verão 2021, agora é também um sabor de sorvete na Itália

Cotidiano

Itália ainda não explicou se o passe verde poderá ser usado por italianos residentes em países de risco, como o Brasil

Cotidiano

Itália criou um "Passe verde" para locais fechados, que entra em vigor a partir de 6 de agosto

Estudar na Itália

O prazo para se candidatar segue até o dia 31 de maio.

Cotidiano

O Green Pass será lançado na Europa a partir de 1º de junho, antes da data programada.

Cotidiano

A história de Fiammetta que segue seu pai pastor montanha acima para ter aulas online

Itália no Brasil

Natural de Bento Gonçalves, comunicador travava luta contra o câncer.