Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Destinos

National Geographic celebra as maravilhas de Milão e Lombardia

O novo guia National Geographic homenageia a Lombardia incluindo 11 locais imperdíveis.

Produzido em mais de 30 idiomas, o prestigioso guia da National Geographic sobre as maravilhas da Unesco destaca na edição de abril as maravilhas de Milão e Lombardia.

No total, são 11 locais que apareceram no guia publicado pela icônica revista

“Lar de 11 locais do Patrimônio Mundial da UNESCO, mais do que qualquer outra região da Itália, a Lombardia é uma viagem ideal repleta de história, arquitetura e intriga”, diz a abertura do artigo principal.

A Última Ceia de Da Vinci

Entre as maravilhas da Unesco destacadas pela National Geographic está a Última Ceia, uma das obras-primas do Renascimento de Leonardo Da Vinci e mantida no Santuário de Santa Maria delle Grazie. 

A obra foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1980. A proteção não se limita apenas à tela, mas também à igreja e ao convento dominicano adjacente.

A Última Ceia de Da Vinci

A pintura de Da Vinci é talvez uma das mais famosas do mundo e graças também aos trabalhos de restauração e manutenção continua a encantar turistas de todo o mundo que vêm a Milão para poder admirá-la ao vivo.

A aldeia operária de Crespi d’Adda

A National Geographic recomenda também a aldeia operária de Crespi d’Adda, entre a província de Milão e a de Bérgamo.

A aldeia operária de Crespi d’Adda

O vilarejo nasceu para dar origem aos operários da indústria têxtil. Embora hoje não seja mais utilizada com o seu intuito original, a vila ainda é habitada e mantém um encanto intemporal. 

Mântua

Mântua é um ponto de partida perfeito para descobrir os locais históricos da Lombardia.

Patrimônio Mundial da UNESCO em 2008, Mântua (Mantova, em italiano) é o 42º sítio atribuído à Itália

A área premiada pela National Geographic é certamente o centro histórico, conhecido como caminho do príncipe.

Sabbioneta

Sabbioneta, na província de Mântua

Ainda na província de Mântua, Sabbioneta é um lugar imperdível segundo a revista. Seu centro histórico, com destaque para o antigo teatro, é recomendado para uma visita.

Parque Nacional Naquane della Val Camonica

Entre as maravilhas incluídas no guia National Geographic, também consta o Parque Nacional de Gravações Rochosas de Naquane della Val Camonica.

Estabelecido em 1955 e se tornou um Patrimônio Mundial da UNESCO em 1979

Parque Nacional Naquane della Val Camonica

Nele é possível voltar no tempo e descobrir as gravações pré-históricas e proto-históricas protegidas.

Museu do violino de Cremona

Entre os destinos indicados no roteiro das maravilhas da Unesco, no guia National Geographic, encontramos o Museu do Violino de Cremona.

Uma parada imperdível para os amantes da música.

Museu do violino de Cremona

Sacro Monte de Varese

Sacro Monte di Varese, incluído em 2003 entre o Patrimônio Mundial da Humanidade pertence ao grupo das nove montanhas sagradas da área de Piemonte e Lombardia.

Sacro Monte de Varese

Palafitas do Lago Ledro

Um mergulho no tempo. Assim é visitar o Palafitte do Lago Ledro. Sua área arqueológica com museu permite descobrir os antigos assentamentos humanos.

Palafitas do Lago Ledro

Assentamento de Longobardo de Castelseprio

No guia National Geographic, também é recomendado o assentamento lombardo de Castelseprio, onde é possível admirar as ruínas medievais do Castrum e o parque arqueológico.

Insediamento longobardo di Castelseprio

Ferrovia Bernina

Ferrovia Bernina

Entre o patrimônio lombardo da Unesco está a Ferrovia Bernina, conhecida por muitos como o “trem vermelho”. 

A National Geographic aconselha os viajantes a descobrirem a rota que conecta Tirano a Valtellina e depois chega à Suíça.

Muralhas venezianas de Bergamo

Muralhas venezianas de Bergamo

Desde 2017, patrimônio da Unesco, as muralhas venezianas de Bergamo levam você de volta no tempo. E é uma das maravilhas de Milão e Lombardia, segundo a National Geographic.

Originais do século XVI, possuem 14 baluartes, 2 pisos e 4 portões, incluindo o San Giacomo, apreciado pela sua vista panorâmica.

E aí, gostou do artigo? Então compartilhe nas suas redes sociais e traga seus amigos, colegas e seguidores para a discussão. Em caso de dúvidas a respeito do assunto, não hesite em deixar seu comentário.

Deixa o seu comentário:

Mais de Italianismo

Itália no Brasil

Prefeito de Milão, Giuseppe Sala, defendeu parcerias entre Milão e Rio para políticas de transformação urbana

Cotidiano

Cerca de 70 famílias moravam no local e tiveram tempo de fugir; 20 pessoas inalaram fumaça. Não há vítimas graves

Cotidiano

A difusão da rede móvel de nova geração está em constante evolução e as ofertas tornam-se cada vez mais atraentes na Itália

Cotidiano

A Pesca Magnética ou Pesca com Ímã é um esporte que começou a se espalhar pela Itália. Mas do que se trata exatamente?

Cotidiano

A consultoria Mercer traçou o ranking das cidades mais caras para se viver: nenhuma italiana entre as 10 primeiras, duas entre as 50 primeiras

História

Pesquisadores querem entender quais produtos foram usados para mumificar corpo

Arte & Cultura

Município deu nome ao tom rosa intenso após batalha sangrenta no século 19

Cotidiano

A partir desta quinta-feira (3), todos os italianos elegíveis poderão fazer o agendamento da vacinação anti-Covid. Deixa o seu comentário:

Cotidiano

O ex-primeiro Ministro da Itália pagou mais de 220 milhões de reais para manter mansões.

Cotidiano

O café no bar é um ritual para muitos italianos: aqui estão as cidades onde uma xícara custa mais e aquelas onde o preço...

Cotidiano

O jornal britânico Financial Times compartilhou uma lista dos 50 melhores empórios gastronômicos do mundo. Neste ranking, 7 endereços estão na Itália

Esporte

Time aplica goleada histórica na equipe de Turim. Vaga na Champions pode ser confirmada no fim de semana.