Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Consulado italiano em BH é o mais bem avaliado; a embaixada, a pior

Google My Business mostra a avaliação dos serviços prestados pelos órgãos consulares italianos no Brasil

Consulado italiano pior
Consulado italiano em BH é o mais bem avaliado; a embaixada, a pior | Foto: Google Maps / Prof. Ricardo Pacanaro

O Consulado da Itália em Belo Horizonte é o mais bem avaliado entre todas as agências consulares italianas no Brasil, segundo o Google My Business, uma ferramenta grátis de “pesquisa de satisfação” dos serviços prestados.

O consulado italiano em Minas Gerais soma 4 estrelas (o máximo é cinco). Por outro lado, Porto Alegre é a unidade consular com a pior avaliação: 2,7 estrelas. A mesma pontuação da Embaixada da Itália no Brasil, que tem a missão de avaliar a qualidade dos serviços dos seu comandados, e mais do que isso, dar exemplo de boa assistência aos italianos no Brasil.

Se estivessem atuando no meio corporativo, tanto a agência consular no Rio Grande do Sul quanto a embaixada seriam descartadas pelo cliente.

Segundo estudo revelado pela própria gigante americana, os clientes sequer seguem pesquisando por uma empresa se a avaliação dada em média por outros usuários for inferior a 3 estrelas.

Isso porque a nota atribuída à empresa é de acordo com a experiência pelo serviço contratado. 

Em São Paulo, os usuários atribuíram 3,5 estrelas para o Consulado, que atende também os estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Acre. A maior agência consular italiana no Brasil soma ainda 476 comentários no Google, a maioria reclamando da falta de atendimento.

Já em relação ao pequeno consulado em Recife, a nota é ainda mais baixa: 3,2. “Péssimo! Não respondem emails, não atendem o telefone, impossível obter uma simples informação! O cidadão italiano completamente desamparado!! Vergognoso!! (sic)“, escreveu Taissa Grisi. O comentário feito há 10 meses vem acompanhado de uma estrela. O consulado nunca respondeu.

Clientes e usuários, na maioria dos casos, “dão um Google” antes de fazer novos negócios e buscar por um serviço. Antes de se dirigir ao Consulado Italiano no Rio, os italianos já preveem o que vão encontrar: o órgão tem 3 estrelas.

Via de regra, os usuários atribuem nota à empresa de acordo com a experiência que tiveram anteriormente. É o que acontece com o Consulado da Itália em Curitiba, que está abaixo das três estrelinhas: 2,9.

Porto Alegre é o consulado com a menor média: 2,7. Há duas semanas, o usuário Andre S. publicou: “Atendimento confuso e mal educado. Não respondem email, não aceitam réplicas. Minha filha solicitou passaporte com tempo hábil e pelo jeito vai obtê-lo alguns anos após viajar. Isto depois de um processo de cidadania que levou uma década. Parece estar faltando gerenciamento e algumas lições de como lidar com o público. Por que os funcionários se mostram tão mal humorados?”.

O consulado conta com 185 feedbacks deixados pelos clientes, quase todos com reclamações sobre os serviços.

Por fim, com também 2,7 estrelas de média, a Embaixada da Itália em Brasília, a principal representação diplomática italiana no Brasil, sofre com a baixa pontuação herdada de outra administrações.

Os últimos comentários mostram que a qualidade no atendimento parece estar mudando. “Depois que renovaram a equipe, o atendimento passou a ser muito bom. São educados e solícitos, da portaria aos funcionários internos. Gostei muito”, escreveu Allan Zaparoli, três semanas atrás.

Bom para todos.

Na América do Sul

Segundo o Google My Business, os usuários atribuíram uma média de 4,5 estrelas para a Embaixada da Itália em Assunção, no Paraguai, a mais alta de todas. Na Argentina, a média é de 4 estrelas. Já em Bogotá (Colombia) e Montevidéu (Uruguai) a média é de 3,7 e 3,6, respectivamente.

A surpresa fica para a precária Venezuela. Lá, os ítalo-descendentes recebem um bom serviço da unidade consular: a média dada é de 3,9 estrelas.

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

O ranking mostra o posicionamento, o número de famílias e o número de municípios em que os sobrenomes italianos estão espalhados.

Destaque do Editor

A transmissão da cidadania italiana jure sanguinis pode ser comprovada por qualquer meio, diz a Corte de Cassação da Itália

Cotidiano

Prefeito perde batalha contra ítalo-brasileiros: A lei falou mais alto. Parece que o jogo virou, não é mesmo, senhor prefeito?

Cidadania Italiana

Ao contratar um advogado para processo de cidadania italiana, opte por um que mantenha representante no Brasil.

Cidadania Italiana

Cidadania italiana irregular: 92 cidades da província de Nápoles entram em investigação.

Cidadania Italiana

Silmara Fabotti, líder de esquema de cidadania italiana falsa, planejava fugir da Itália, relata juiz.

Cidadania Italiana

Descaso com o Codice Fiscale: Conselheiro do CGIE denuncia "Gaming the System" nos consulados.

Cidadania Italiana

Passaporte em todo lugar: A partir de julho, correios italianos facilitam renovação e emissão

Cidadania Italiana

A crescente diáspora italiana: Migração em massa em busca de melhores oportunidades e realização pessoal.

Itália no Brasil

Um voo histórico de solidariedade: A ajuda humanitária da Itália ao Rio Grande do Sul.

Itália no Brasil

Aviso por correio convoca os eleitores para participarem das eleições do Parlamento Europeu de 2024.

Cidadania Italiana

Investigação revela esquema de corrupção envolvendo falsos certificados de residência em troca de dinheiro e favores sexuais.