Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Turismo

Alpes italianos pedem indenização à China por crise no turismo

Cortina d'Ampezzo
Cortina d'Ampezzo perdeu a temporada turística de inverno | Foto: Kayak

Província na região das Dolomitas entra com ação pelos danos provocados pela pandemia

A província de Belluno, na região do Vêneto, entrou com um processo contra o Ministério da Saúde da China para pedir uma indenização pelos danos provocados pela pandemia do novo coronavírus no setor turístico da cadeia montanhosa das Dolomitas, nos Alpes italianos.   

Ação Contra as filasAção Contra as filas

A audiência foi agendada para o próximo dia 21 de dezembro de 2020 no Tribunal de Belluno.

No documento, o governo chinês é acusado de “não ter comunicado imediatamente à Organização Mundial da Saúde (OMS) o estado da propagação do vírus e seus sérios efeitos letais entre novembro e dezembro de 2019”, além de “não ter tomado as medidas de controle necessárias nos aeroportos que partem da China”.

LEIA TAMBÉM

Milão e Cortina d’Ampezzo sediarão Jogos de Inverno de 2026

Museu na Itália tem acervo com carros do século 19 até os atuais

7 canais italianos de TV para assistir online e grátis

Palco dos Jogos Olímpicos de inverno

“O distrito teve o maior dano no bloco imediato de todos os considerados ‘projetos-piloto’, incluindo a construção do aeroporto de Cortina d’Ampezzo, antecipando o afluxo de pessoas esperado para os Jogos Olímpicos de 2026”, diz um trecho da convocação assinada pelo advogado Marco Vignola, de Bari.

No processo, a região pede o ressarcimento pela “perda de ganhos devido ao fechamento antecipado de todas as estruturas do setor turístico, no auge da temporada de esqui no inverno”, quando as estruturas estavam “totalmente lotadas”.   

O advogado italiano também leva em consideração a premiação do Campeonato Mundial de Esqui em Cortina em 2021 e antecipa o fato de o local sediar as Olimpíadas de Inverno de 2026.   

“Eventos culturais e esportivos internacionais já haviam sido preparados, inclusive com investimento de enormes recursos econômicos e aspectos organizacionais da rede de negócios”, acrescenta o texto.

Segundo a defesa de Belluno, “o fechamento precoce e repentino trouxe consequências desastrosas, como a demissão necessária de todo o pessoal, além do cancelamento dos contratos com fornecedores, de todas as estruturas dos 64 municípios pertencentes ao distrito.

A China é o país onde o novo coronavírus apareceu pela primeira vez no fim do ano passado. Até o momento, a pandemia aparentemente está controlada.

Segundo a Universidade Johns Hopkins, o território chinês tem 84.063 casos confirmados da doença e 4.638 mortos.

Por Agência Ansa

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Destinos

Publicação tem o objetivo de ajudar turistas a descobrir os segredos e itinerários secretos da cidade italiana

Turismo

Objetivo do projeto é levar os italo-descendentes para férias na Itália, mas também para aquecer os negócios

Cotidiano

Cinco regiões do norte de Itália estão em estado de emergência devido à seca

Destinos

Há anos Veneza discute o que fazer com a quantidade cada vez maior de turistas que vão à cidade de maneira simultânea

Cotidiano

Soave tem sua paisagem marcada por vinhedos emoldurados pelas muralhas de um castelo que data do século 10

Comer e beber

Conheça receitas típicas de Páscoa na Itália, de norte a sul.

Arte & Cultura

Para o presidente do Conselho Regional de Veneto, "La Sposa" é ofensiva para a região

Cotidiano

A Itália bateu nesta quinta-feira (6) um novo recorde de casos diários de Covid-19 e superou pela primeira vez a marca de 200 mil...

Cotidiano

Recorde absoluto de novos contágios pelo terceiro dia consecutivo com recorde de testes feitos; 156 mortos

Cotidiano

Novo pico de casos: nunca tantos desde o início da emergência. Na Lombardia, são 16 mil

Cotidiano

A Itália registrou 36.293 novos casos de Covid-19, totalizando 5.472.469 contágios, informou o boletim diário do Ministério da Saúde. Deixa o seu comentário:

Cotidiano

Nas últimas 24 horas, a Itália registrou mais 20.677 casos de covid-19 e outras 120 mortes, o maior número desde maio