Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Região da Ligúria tem cidade com melhor clima da Itália

Imperia ocupa 1ª posição de ranking elaborado pelo iLMeteo.it

Imperia ocupa 1ª posição de ranking elaborado pelo iLMeteo.it
A Ligúria é uma das menores regiões da Itália | Foto: Descobrindo a Itália.

O município de Imperia, na região da Ligúria, é a cidade com o melhor clima da Itália, segundo a nova edição do Índice de Habitabilidade Climática, elaborado pelo iLMeteo.it, site que disponibiliza as condições climáticas da península, em parceria com o jornal “Corriere della Sera”.

A cidade italiana volta ao topo depois de dois anos, graças sobretudo ao impulso da Riviera di Ponente e de lugares como San Remo e Bordighera.

Já Biella, considerada uma verdadeira surpresa da 3ª edição do relatório após ter sido penalizada por uma grave seca nos últimos anos, aparece na segunda posição, enquanto Agrigento completa o pódio.

Em último lugar no ranking, porém, está Terni, principalmente porque as cidades planas das regiões centrais, na verdade, são muito afetadas pela combinação das altas temperaturas do verão e da umidade.

Quase todas as grandes cidades também estão mal colocadas no levantamento: Milão cai duas posições e agora ocupa o 77º lugar; Roma subiu 50 lugares e chegou ao 93º; e Nápoles caiu do 19º para o 79º lugar. Veneza (35º) e Bari (53º) também perderam pontos.

Os únicos municípios que melhoraram entre as capitais regionais são Turim, que passou do 86º lugar para o 51º, e Bolonha, que ganhou 50 posições e atingiu a 44ª.

Entre as surpresas negativas deste ano está Florença, penúltima no ranking, por ter o pior calor extremo, registrando em alguns dias temperaturas superiores a 35ºC.

Por sua vez, a cidade vencedora do ano passado, Macerata, caiu para o quinto lugar – precedida por Cuneo -, devido ao maior número de dias de chuva registrados em 2023.

“Também este ano, pela análise dos dados, verifica-se que o aquecimento global tem um forte impacto em nosso índice de habitabilidade climática”, explicou Lorenzo Tedici, meteorologista responsável pela mídia no iLMeteo.it.

Neste ano, o relatório acrescentou três novos indicadores aos 14 já presentes, destinados a avaliar e analisar as alterações climáticas de uma forma ainda mais aprofundada: eventos extremos, calor extremo e dias de geada.

“Todas as cidades da planície são afetadas pelo forte aumento do calor no século 21 e estão perdendo muitas posições. As pessoas vivem muito melhor nas colinas e nas montanhas ou nas costas amenizadas pela brisa do mar”, concluiu Tedici. (ANSA)

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

A cidadania italiana pode abrir portas em diversas situações, como a facilidade em trabalhar e estudar no Exterior

Cotidiano

CNH brasileira volta a valer na Itália: novo acordo facilita vida de milhares pessoas

Cotidiano

Brasileiros residentes no país europeu há menos de seis anos podem solicitar habilitação italiana sem necessidade de novos exames

Variedades

Agente de Registro Civil e intermediador são suspeitos

Turismo

Iniciativa é feita no aniversário dos 150 anos da imigração.

Cultura

Evento reúne o melhor da produção contemporânea do país europeu.

Economia

Dados registrados pela agência são do 1º trimestre de 2024

Variedades

Mostra e degustação contam história da iguaria desde as origens.

Cultura

O Sequestro do Papa' chegará aos cinemas do Brasil em 18/7

Economia

Meloni enviou mensagem para assembleia de associação de seguros.

Notícias

Sace apontou potencial no país latino para empresas italianas

Variedades

Iniciativa contará com 4 cachorros de 3 raças diferentes.