Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Quantos vacinados na Itália? Site informa dados em tempo real

Um relatório em tempo real mostra o número de quantos já foram vacinados na Itália contra o Covid-19.

Todos os dados podem ser encontrados no site «Report Vaccini anti Covid-19», criado pelo governo italiano.

A tela mostra os números da campanha de vacinação, quantos italianos foram vacinados, quantas vacinas foram entregues para cada região, a porcentagem de vacinados, a faixa de idade dos que receberam a vacina, entre outros dados.

Os números de quantos foram vacinados na Itália

Às 13h01 do dia 01 de janeiro, os italianos vacinados eram 32.969.

A Lombardia é a região italiana com o maior número de doses da vacina anti-Covid entregues: 80.595. As doses administradas até agora são 2.171 (2,7%).

No pódio da região que mais administrou as doses está Lazio, com 6.170 (13,5%). Seguida do Piemonte com 5.077 (12,4%) e do Vêneto com 4.035 doses (10,4%).

Números dos vacinados na Itália. Atualizado às 13h01, 01/01/21

Itália descarta obrigatoriedade da vacina contra o Covid

A vacinação contra o Covid-19 não será obrigatória na Itália, adiantou o primeiro-ministro, Giuseppe Conte. Apesar disso, ele acredita que haverá uma grade procura pelos italianos, mas de forma voluntária.

“Não estamos cogitando (tornar a vacinação obrigatória), descartamos isso”, disse Conte aos repórteres em sua coletiva de imprensa de fim de ano.

Onde fazer e por quem os italianos serão chamados?

O ministro da Saúde, Roberto Speranza, deu sinais claros que os “médicos de família” farão parte do plano de imunização em toda a Itália.

“Na segunda fase da vacinação, quando tivermos concluída a vacinação entre profissionais da saúde e hóspedes das residências para idosos, não poderemos ignorar a indispensável colaboração dos médicos de família”, disse o ministro.

Ainda é cedo para traçar uma estratégia e é preciso levar em conta muitas variáveis. Só em Março será a vez dos idosos com mais de 80 anos receberem a vacina. 

E nessa altura, diz Speranza, será necessário valer-se dos números daqueles “que melhor conhecem bem os seus pacientes”. 

Os médicos podem receber a incumbência de ligar para seus pacientes e organizar a vacinação. O governo avalia ainda criar um aplicativo para fazer a gestão dessas listas de chamadas.

Com informações do Corriere e Repubblica

* * * * *

Gostou do artigo? Então comente ou compartilhe nas suas redes sociais.

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Cotidiano

Vacinação já era obrigatória para profissionais de saúde e outros trabalhadores

Comer e beber

A nova classificação dos vinhos italianos mais pesquisados ​​na web: aqui está o Top 100

Cotidiano

A Itália registrou mais 153 mortes e 30.798 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

Cotidiano

Terremoto em Milão, epicentro na província de Bergamo: magnitude estimada em 4,4

Cotidiano

As regras estão em uma circular publicada pelo chefe da Polícia de Estado do país

Cotidiano

Itália atingiu nesta sexta-feira o pico da quarta onda, com 20.497 novos casos de Covid

Comer e beber

A Birra Olea é produzida com folhas de oliveira, que o cervejeiro diz dar um sabor defumado

Cotidiano

Meteorologista alerta para tempestade de neve no Piemonte, Lombardia, Ligúria e Vêneto

Cotidiano

Em amarelo apenas 7 regiões da Itália. Os outros são vermelhos ou vermelho escuro

Cotidiano

Comissão Europeia vai avançar com nova recomendação sobre viagens entre os Estados-membros

Cotidiano

Organização afirmou que alta nos casos gera 'preocupações'

Esporte

Os grandes clubes da Itália que já foram rebaixados para a segunda divisão do Campeonato Italiano