Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

Italianismo

Cotidiano

Números polêmicos da vacina contra o covid-19 na Itália

Números vacina covid-19 Itália
Números polêmicos da vacina contra o covid-19 na Itália

27 de dezembro marcou a estreia simbólica da vacina contra o covid-19 na Itália: confira os números da esperada (não por todos) vacina.

O Itália tem uma meta ambiciosa: encerrar a campanha de vacinação até o verão. A ideia é conseguir imunidade coletiva que cubra a maior parte do país, antes da reabertura das escolas em setembro.


Bendita Cidadania


Bendita Cidadania

Mas ao longo do caminho ainda existem vários pontos de interrogação: a data de chegada das outras vacinas e própria distribuição das doses, a duração da vacinação e o número de pessoas que aceitarão ser vacinadas.

A Itália recebeu 9.750 doses da vacina, a Alemanha 150 mil

As doses entregues aos países da União Europeia tem gerado polêmica.


PUBLICIDADE

A Itália, um dos países mais afetados do mundo por mortes proporcionais à população, recebeu 9.750 doses.

Enquanto isso, o ministro da Saúde alemão, Jens Spahn, falou de outros números muito mais substanciais: uma primeira carga de 151.125 doses chegou em 26 de dezembro. Outras três remessas, num total de 1,9 milhão de doses, devem chegar nos dias 28 e 30 de dezembro e durante a primeira semana de janeiro.

As doses devem ser proporcionais à população: a Itália tem cerca de 60 milhões de habitantes e a Alemanha mais de 83 milhões, mas isso deve se aplicar em um nível geral, ou seja, no total de 300 milhões de doses encomendadas pela UE à Biontech-Pfizer: não nas primeiras doses.

O Ministério da Saúde tentou acalmar os ânimos e afirmou que, após essas primeiras doses da estreia simbólica, o país deve receber 470 mil doses por semana.

Itália terá direito a mais de 202 milhões de doses

Com base nos acordos preliminares de compra, em 2021 a Itália terá direito a mais de 202 milhões de doses.

Um montante que permitirá cobrir toda a população e ter um estoque de reserva. Mas existem vários poréns.

No momento, a única vacina autorizada pelos órgãos reguladores europeus e italianos, Ema e Aifa, é justamente a da Pfizer com a qual a Itália iniciou a vacinação neste domingo.

E que, no entanto, é a mais complicada de distribuir, pois deve ser armazenada a uma temperatura de 70 graus abaixo de zero.

Para as demais vacinas ainda não há data de desembarque. O primeiro deve ser o da Moderna, que não necessita de uma rede de distribuição de ultrafrio.

Por este motivo, a situação do abastecimento permanece variável.

28 milhões de doses no primeiro trimestre de 2021

Estima-se que a Itália deve ter 28 milhões de doses no primeiro trimestre de 2021, entre janeiro e março.

Depois, deve dobrar para 57 milhões de doses, entre abril e junho, e depois estabilizar em 53 milhões entre julho e setembro.

Começaria então a descida, ainda permanecendo em volumes importantes: até 20 milhões de doses no segundo trimestre de 2022.

Números da vacinas contra o covid-19 na União Europeia

A agência de notícias Reuters, no dia 24 de dezembro, publicou a previsão dos números da vacina contra o covid-19 em vários países europeus. Confira:

Itália

As primeiras doses a chegar foram 9.750. As próximas doses serão 470 mil todas as semanas.

Alemanha

As doses iniciais foram superiores a 150 mil.

França

No dia 26 de dezembro chegaram 19.500 doses para 67 milhões de habitantes.

Espanha

O país receberá 350 mil doses por semana. As primeiras chegaram no dia 26 de dezembro.

Portugal

Até o final do ano serão entregues 80 mil doses da vacina.

Romênia, República Tcheca, Eslováquia e Bulgária

As primeiras doses – cerca de 10.000 – chegaram em 26 de dezembro.

Hungria

O primeiro-ministro, Viktor Orban, falou de um primeiro lote de doses de vacinas “suficientes para vacinar 35 mil pessoas”.

Dinamarca

No primeiro país onde a variante inglesa do vírus foi encontrada fora do Reino Unido, a primeira carga é de 40.000 doses.

Noruega e Suécia

A primeira carga é de cerca de 10 mil doses.

Sérvia

A primeira ministra Ana Brnabic falou de um primeiro lote de 4.875 doses.

Malta

A ilha recebeu no dia 26 de dezembro um carregamento inicial de 10.000 doses da vacina. O ministro da Saúde, Fearne, disse que espera ter três quartos da população vacinada até o início do verão de 2021.

Suíça

A Suíça – que não faz parte da União Europeia – iniciou sua campanha de vacinação com 107 mil doses.

Com informações de Reuters, Corriere e Repubblica

Deixa o seu comentário:

Mais de Italianismo

Cidadania Italiana

Como montar a árvore genealógica para cidadania italiana? Conheça serviços e novas tecnologias para realizar pesquisas genealógicas e encontrar dados sobre a história da...

Destinos

Uma viagem pelas obras-primas arquitetônicas mais fotografadas do mundo.

Cotidiano

Xuxa Meneghel mostra sua mansão no Rio e revela planos para morar na Toscana, na Itália.

Cotidiano

Ministro da Saúde assinou ordem que proíbe voos do Brasil e entrada de quem tenha transitado pelo país nos últimos 14 dias.

Cidadania Italiana

A nova carta de identidade italiana não usará mais termos como “pai” ou “mãe”, mas sim o gênero neutro. Deixa o seu comentário:

Cotidiano

Casa da Moeda faz homenagem a profissionais de saúde em moeda especial de 2 euros

Destinos

Empresa quer ocupar espaço deixado pela Air Italy, que faliu em 2020.

Cotidiano

Tudo o que você precisa saber, se pretende embarcar para a Itália: o guia completo