Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Arte & Cultura

Projeto quer tornar ‘Bella Ciao’ música oficial da Itália

Iniciativa quer tornar Bella Ciao, símbolo de resistência, em cântico de caráter institucional

bella ciao hino da itália música
Criança toca instrumento de brinquedo em momento de quarentena na Itália | Foto: Wired

Iniciativa quer tornar símbolo de resistência em cântico de caráter institucional

Um deputado da Itália apresentou um projeto para transformar a música de resistência “Bella ciao” em uma canção “institucional”.

A canção seria ensinada nas escolas e tocada depois do hino nacional em 25 de abril, dia que celebra a queda do nazifascismo no país.

A proposta é de autoria do deputado Gian Mario Fragomeli, do Partido Democrático (PD). Segundo ele, a canção é a “expressão popular dos mais elevados valores que estão na base do nascimento da República Italiana”.

“Apresentei uma proposta de lei para o reconhecimento oficial da canção ‘Bella ciao’ e seu ensino nas escolas de qualquer grau como cântico de caráter institucional”, disse Fragomeli.

A música é tradicionalmente identificada com a esquerda, mas o deputado afirmou que a letra expressa a “luta pela liberdade pessoal e do próprio país contra todas as formas de opressão”.

LEIA TAMBÉM:

Bombeiros ingleses cantam “Bella Ciao” em solidariedade aos colegas italianos – Vídeo

Itália se mantém como o país mais idoso da União Europeia

“Os temas da luta contra a opressão e do valor da democracia a tornaram um hino de diversos movimentos populares em todo o mundo. Devemos dar à canção ‘Bella ciao’ o reconhecimento de canto institucional”, concluiu.

Associada ao movimento partigiano

Curiosamente, a música não era muito conhecida durante a Segunda Guerra Mundial e passou a ser associada ao movimento “partigiano” apenas no fim dos anos 1940. A partir de então, ganhou o mundo ao longo das décadas seguintes, virando um hino de liberdade.

Até hoje sua origem não foi muito bem esclarecida, mas há quem sustente que ela tenha se baseado em uma canção entoada por camponesas da Emilia-Romagna no início do século 20.

No entanto essa hipótese já foi desacreditada por especialistas no assunto, que acreditam que ela seja um conjunto de influências de músicas populares do norte da Itália.

Durante os mandatos de Silvio Berlusconi como primeiro-ministro, a música antifascista era frequentemente cantada em forma de protesto por partidos de esquerda.

Entre os que já emprestaram sua voz à canção estão o cantor e compositor Giorgio Gaber, a banda Modena City Ramblers e o francês Yves Montand, alguns dos principais responsáveis por sua disseminação.

Mais recentemente, a música apareceu na série “La casa de papel”, que lhe deu novo impulso no mundo.

Por agência Ansa

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Itália no Brasil

Programa percorre cidades brasileiras para mostrar a influência e o legado do povo italiano no país.

Cidadania Italiana

Projeto de Lei no Senado Italiano gera debate sobre possíveis mudanças na cidadania italiana.

Cidadania Italiana

Val di Zoldo: Desafios administrativos, protestos e o embate com a cidadania ítalo-brasileira.

Cotidiano

Facilite sua vida na Itália em 2024 com esses 16 aplicativos essenciais.

Cotidiano

Itália desafia limites: Quer a construção da ponte suspensa mais longa do mundo.

Cidadania Italiana

Subsecretário italiano afirma que a Lei 91 de 92, que rege a cidadania no país, está adequada e não deve ser alterada.

Cidadania Italiana

As regras para obtenção de cidadania italiana por meio de ascendência vão mudar em 2024? O que dizem os profetas do medo?

Arte & Cultura

Russell Crowe revela orgulho por suas raízes italianas durante o Festival de Sanremo.

Destinos

Preparando o terreno: estratégias inteligentes para economizar nas reservas de voos para a Itália.

Cidadania Italiana

A italianidade que corre nas veias: por que limitar o direito à cidadania?

Estilo de vida

Descubra as razões por trás da diferença entre o Dia dos Namorados no Brasil e na Itália.

Cotidiano

Deputado Fabio Porta insta governo italiano a agir com urgência no acordo de conversão de CNH com o Brasil.