Connect with us

Hi, what are you looking for?

Cotidiano

Padre é assassinado por imigrante já expulso na Itália

Sacerdote assassinado no norte da Itália: dava a vida pelos excluídos

A cidade de Como, no norte da Itália, está em choque. Um padre foi esfaqueado e morto nesta terça-feira (15) por um imigrante tunisiano, em uma praça da cidade.

De acordo com a polícia local, dom Roberto Malgesini, de 51 anos de idade, foi apunhalado durante a manhã na piazza San Rocco. Como sinais de problemas mentais, o imigrante de 53 anos se entregou à polícia após o crime.

O padre era conhecido em Como por seu compromisso em favor dos mais necessitados da cidade. O padre levava café da manhã para os sem-tetos e atendia algumas necessidades deles. O religioso morava a poucos passos do local onde foi assassinado.

A polícia informou que o padre foi morto logo após ter iniciado sua rodada de distribuição de cafés da manhã.

Segundo agências de notícias italianas, o assassino de Don Malgesini tem passagem pela polícia e já havia contra ele um pedido de expulsão da Itália, mas que foi adiado por conta da pandemia do Covid-19.

Em um comício em Bondeno, na região da Emilia-Romagna, o ex-ministro do Interior da Itália Matteo Salvini comentou sobre o caso.

“Às 7 horas da manhã, um pároco foi morto a facadas por um dos migrantes ilegais que se encontram em situação irregular neste país e que deveriam ser mandados para casa. Dom Roberto deixou de viver porque havia um que não tinha o direito de estar na Itália”, disse Salvini.

Como já viveu um acontecimento semelhante em 1999. Na Ponte Chiasso, o pároco Renzo Beretta foi morto a facadas por um migrante que ele acolheu.

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Facebook

Leia também:

Vida & Estilo

Vídeo postado na página da paróquia deixou a cidade indignada Deixa o seu comentário:

Arte & Cultura

Lenda diz que Santo Antonio de Pádua inspirou o dito Deixa o seu comentário:

Destinos

Diversas medidas de segurança estão sendo tomadas para recepcionar o democrata, Michelle e as filhas Deixa o seu comentário:

Arte & Cultura

Obra virou motivo de polêmica após crítica feita por senador, que chamou a escultura de “um horrível satanás” Deixa o seu comentário: