Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cidadania Italiana

Nápoles abre a caixa preta da cidadania italiana ilegal

Cidadania italiana irregular: 92 cidades da província de Nápoles entram em investigação.

cidadania italiana ilegal napoles
Prefeito Michele di Bari determina investigação rigorosa em todos os 92 municípios da província de Nápoles | Foto: il Riformista/Arquivo

Em uma operação sem precedentes, o prefeito Michele di Bari determinou nesta sexta-feira (8) uma investigação rigorosa em todos os 92 municípios da província de Nápoles para identificar cidadanias italianas iure sanguinis irregulares.

A medida urgente surge após a prisão de seis indivíduos em Villaricca, incluindo dois brasileiros, acusados de integrarem um esquema de fraude. A lista VIP de clientes beneficiados pela organização criminosa inclui nomes de peso como o apresentador de TV, Rodrigo Faro, e o jogador de futebol Bruno Duarte da Silva, que atua atualmente em um clube português.

Michele di Bari: prefeito linha dura contra a corrupção se volta para a cidadania italiana ilegal | Foto: Depositphotos Foto: La Repubblica

Prefeito enfrenta a máfia da cidadania italiana ilegal

Michele di Bari, conhecido por sua postura rígida contra a corrupção, ordenou uma revisão minuciosa nos processos de cidadania italiana nos 92 escritórios de registro civil (Stato Civile, em italiano) de toda a província, nos próximos 45 dias. A missão do prefeito provincial é desmascarar todas as irregularidades e punir os responsáveis com a força da lei.

Equipes da prefeitura provincial serão responsáveis por analisar meticulosamente os requerimentos de cidadania em busca de anomalias ou falhas administrativas que possam ter comprometido a legitimidade dos atos administrativos nos últimos anos.

A investigação da cidadania italiana ilegal estará focada em identificar:

  • Certidões falsas ou ausentes relacionadas ao antepassado italiano emigrado;
  • Requerentes que reivindicam o mesmo antepassado;
  • Certificados de residência fraudulentos, onde o solicitante finge morar na Itália por um período;
  • Unidades habitacionais com diversos núcleos familiares sem laços de parentesco;
  • Indivíduos que declararam residência em hotéis ou alojamentos turísticos.

A investigação, da Prefettura di Napoli, abrange uma área mais ampla, pois muitas outras irregularidades administrativas e relações de parentesco entre vereadores, assessores e prefeitos na região norte da província também despertam preocupações.

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

A transmissão da cidadania italiana jure sanguinis pode ser comprovada por qualquer meio, diz a Corte de Cassação da Itália

Cotidiano

Prefeito perde batalha contra ítalo-brasileiros: A lei falou mais alto. Parece que o jogo virou, não é mesmo, senhor prefeito?

Cidadania Italiana

Ao contratar um advogado para processo de cidadania italiana, opte por um que mantenha representante no Brasil.

Cidadania Italiana

Silmara Fabotti, líder de esquema de cidadania italiana falsa, planejava fugir da Itália, relata juiz.

Cidadania Italiana

Passaporte em todo lugar: A partir de julho, correios italianos facilitam renovação e emissão

Cidadania Italiana

Descaso com o Codice Fiscale: Conselheiro do CGIE denuncia "Gaming the System" nos consulados.

Cidadania Italiana

A crescente diáspora italiana: Migração em massa em busca de melhores oportunidades e realização pessoal.

Itália no Brasil

Aviso por correio convoca os eleitores para participarem das eleições do Parlamento Europeu de 2024.

Itália no Brasil

Um voo histórico de solidariedade: A ajuda humanitária da Itália ao Rio Grande do Sul.

Cidadania Italiana

Investigação revela esquema de corrupção envolvendo falsos certificados de residência em troca de dinheiro e favores sexuais.

Cidadania Italiana

Rodrigo Faro se defende de acusações de envolvimento em esquema de falsificação de documentos para cidadania italiana

Cidadania Italiana

Apresentador de TV, empresários e jogadores de futebol têm processos de cidadania italiana cancelados na região de Nápoles.