Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Estilo de vida

Itália se recusa a reconhecer opositor na Venezuela. 160 mil italianos vivem no país

Governo italiano se recusa a reconhecer o opositor Guaidó. 160 mil italianos vivem no país

A Itália anunciou nesta quinta-feira (31) que não reconhece Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela porque “não concorda em interferir nos assuntos internos de outro país”.

“Somos totalmente contrários ao fato de que um país ou um grupo possa determinar a política interna de outro país. É o princípio de não ingerência, reconhecido pelas Nações Unidas”, justificou o subsecretário de Relações Exteriores da Itália, Manilo Di Stefano.

Di Stefano integra o Movimento Cinco Estelas (M5S), partido que governa a Itália em coalizão com a Liga. Ele anunciou anunciou o posicionamento do país sobre a situação ao comentar a abstenção dos deputados dos dois partidos na votação da Eurocâmara que reconheceu Guaidó como presidente interino da Venezuela.

“O maior interesse que temos é evitar uma guerra na Venezuela. Evitar que cometam o mesmo erro já cometido na Líbia e que agora todos reconhecem. Devemos evitar que ocorra o mesmo na Venezuela”, explicou o diplomata italiano.

A abstenção dos eurodeputados do M5S e da Liga Norte, no entanto, não causou mais polêmica do que a decisão de alguns integrantes do Partido Democrático (PD) – do ex-primeiro-ministro italiano Matteo Renzi – de seguir o caminho adotado pelos compatriotas na votação.

“É gravíssima a abstenção de uma parte dos deputados do PD, que deveriam ter apoiado a democracia”, escreveu o senador Ernesto Magorno em mensagem divulgada no Twitter.

Cerca de 160 mil italianos vivem na Venezuela, segundo dados registrados nos dois consulados (Caracas e Maracaibo). Desses, 65% têm dupla cidadania. A comunidade italiana no país conta ainda com cerca de 1 milhão de descendentes.

A Itália fica em cima do muro, mas diversos países cujos governos condenam o regime de Nicolás Maduro reconheceram Juan Guaidó como presidente interino da Venezuelaapós o discurso em que o líder da Assembleia Nacional disse que tem o objetivo de estabelecer um governo de transição e organizar eleições livres.

Veja abaixo quais são:

  • Brasil
  • Estados Unidos
  • Argentina
  • Canadá
  • Chile
  • Colômbia
  • Costa Rica
  • Equador
  • Guatemala
  • Honduras
  • Panamá
  • Paraguai
  • Peru
  • Reino Unido
  • Austrália
  • Israel

De outro lado, alguns países apoiaram a permanência de Maduro:

  • Rússia
  • Cuba
  • México
  • Bolívia
  • Nicarágua
  • Turquia
  • China
  • Irã

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

O ranking mostra o posicionamento, o número de famílias e o número de municípios em que os sobrenomes italianos estão espalhados.

Destaque do Editor

Descubra como obter a cidadania italiana de forma segura e eficiente!

Estilo de vida

A Festa della Mamma foi introduzida no calendário na década de 1950

Cidadania Italiana

Ao contratar um advogado para processo de cidadania italiana, opte por um que mantenha representante no Brasil.

Cidadania Italiana

Senador Roberto Menia reforça críticas sobre reconhecimento da cidadania italiana no Brasil.

Itália no Brasil

Consulado Geral da Itália em São Paulo: Uma pequena itália na maior metrópole brasileira.

Economia

Consultoria fez estudo sobre taxa de sobrevivência de companhias.

Cidadania Italiana

Passaporte em todo lugar: A partir de julho, correios italianos facilitam renovação e emissão

Esporte

Eventos em memória do brasileiro vão durar até o início de junho.

Cidadania Italiana

Caixa de pandora sul-americana: reconhecimento de cidadanias italianas sob suspeita.

Cidadania Italiana

Descaso com o Codice Fiscale: Conselheiro do CGIE denuncia "Gaming the System" nos consulados.

Cidadania Italiana

Escândalo no reconhecimento da Cidadania Italiana na América do Sul. Nicola Occhipinti é chamado às pressas.