Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cultura

Exposição em Brasília homenageia 150 anos da imigração italiana

Mostra ‘Oltreoceano’ ocorre no Salão Negro do Congresso Nacional.

Mostra 'Oltreoceano' ocorre no Salão Negro do Congresso Nacional.
Mostra 'Oltreoceano' | Foto: Divulgação.

A exposição inédita “Oltreoceano – 150 anos de arte ítalo-brasileira” é uma homenagem ao aniversário dos 150 anos da imigração italiana no Brasil.

Organizada pela Embaixada da Itália em Brasília, em colaboração com a Frente Parlamentar Mista Brasil-Itália, a mostra no Salão Negro do Congresso Nacional será aberta aos visitantes no próximo dia 26 de junho, indo até 14 de julho.

Graças à colaboração do Museu de Arte de Brasília (MAD) e de colecionadores privados, a exposição apresenta obras de artistas icônicos como Alfredo Volpi, Eliseu Visconti, Fulvio Pennacchi, Mario Zanini, Aldo Bonadei, Victor Brecheret, Anita Malfatti, Alfredo Ceschiatti, Glênio Bianchetti, Sergio Romagnolo, Lina Bo Bardi, entre outros.

O embaixador da Itália no Brasil, Alessandro Cortese, se declarou orgulhoso de poder apresentar as obras-primas ao público.
“O grande patrimônio da arte italiana, desde o mundo antigo até o contemporâneo, é herança e tradição, é motivo de orgulho e traço identitário valioso para quem, entre Itália e Brasil, encontrou na arte a forma de expressão de sua natureza de modernos Ulisses, de seres ‘em trânsito’, sempre em viagem e em diálogo entre dois países, dois hemisférios e infinitas maneiras possíveis de estar no mundo’, afirmou.

“Oltreoceano” demonstra a vigorosa e contínua troca cultural entre Brasil e Itália. Para o presidente da Frente Parlamentar Brasil-Itália, Luiz Fernando Faria, “celebrar os 150 anos da chegada dos primeiros imigrantes italianos é reconhecer o quanto eles e seus descendentes contribuíram para o nosso desenvolvimento artístico e cultural”.

 “É uma chance para todos nós apreciarmos e pensarmos sobre as influências que ajudaram a moldar o Brasil que conhecemos e amamos hoje”, acrescentou.

A influência na história da arte brasileira é o fio condutor da exposição, idealizada pelo curador Marcelo Gonczarowska Jorge, ex-Diretor do MAB. Desde os pioneiros do século 19 até os modernistas e contemporâneos, a exposição revela como artistas italianos e seus descendentes ajudaram a moldar a identidade e a cultura do Brasil.

Segundo o curador, “não há, efetivamente, arte brasileira sem a contribuição dos italianos”: “Desde o impressionismo até a arte contemporânea, os italianos e seus descendentes vêm realizando uma inflexão significativa na cultura brasileira, sempre provocando mudanças e aprimorando a produção local”.

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

A cidadania italiana pode abrir portas em diversas situações, como a facilidade em trabalhar e estudar no Exterior

Cotidiano

CNH brasileira volta a valer na Itália: novo acordo facilita vida de milhares pessoas

Cotidiano

Brasileiros residentes no país europeu há menos de seis anos podem solicitar habilitação italiana sem necessidade de novos exames

Cotidiano

Imperia ocupa 1ª posição de ranking elaborado pelo iLMeteo.it

Esporte

O ítalo-brasileiro assumiu o cargo de técnico da Juventus, firmando um contrato de três temporadas, válido até meados de 2027.

Variedades

Agente de Registro Civil e intermediador são suspeitos

Cultura

Evento reúne o melhor da produção contemporânea do país europeu.

Turismo

Iniciativa é feita no aniversário dos 150 anos da imigração.

Variedades

Mostra e degustação contam história da iguaria desde as origens.

Cultura

O Sequestro do Papa' chegará aos cinemas do Brasil em 18/7

Notícias

Sace apontou potencial no país latino para empresas italianas

Economia

Dados registrados pela agência são do 1º trimestre de 2024