Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Comunidade ítalo-brasileira perde Walter Taverna

Walter Taverna era neto de sicilianos e nasceu na Bela Vista, em São Paulo, região que defendeu a vida toda

Walter Taverna
Comunidade ítalo-brasileira perde Walter Taverna | Foto: Thais Taverna/Arquivo pessoal

A comunidade ítalo-brasileira perdeu no último domingo (29) o empresário Walter Taverna, que morreu aos 88 anos em decorrência de uma pneumonia. Ele fundou a tradicional Cantina da Concheta e era um dos responsáveis pelo Bolo do Bixiga, tradição do aniversário da cidade de São Paulo.

Ação Contra as filasAção Contra as filas

O empresário estava internado desde quinta-feira (26) no Hospital Sancta Maggiore, no bairro do Paraíso, Zona Sul de São Paulo. Seu corpo foi velado na manhã de segunda-feira (30) no Teatro Sérgio Cardoso, na Bela Vista, e enterrado à tarde no Cemitério do Araçá, no Pacaembu.

Walter Taverna: proprietário de cantina e defensor da cultura italiana

Trajetória

Neto de sicilianos, Walter Taverna nasceu em 1933 nos fundos de uma casa da rua 13 de Maio, na Bela Vista, em São Paulo. Foi presidente da Sociedade de Defesa das Tradições da Bela Vista (SODEPRO), que teve como primeira iniciativa o retorno da Festa de Nossa Senhora Achiropita para as ruas do bairro.

Ele foi também um dos fundadores do Bloco Esfarrapado, em 1947, considerado o bloco de carnaval mais antigo de São Paulo.

Em 1983, Walter Taverna foi um dos responsáveis pelo lançamento da Feira de Antiguidades e Trocas do Bixiga, que funciona até hoje, todos os domingos, na Praça Dom Orione.

Na Praça Dom Orione, deixou como herança o coreto, construído em 1984, que leva o nome de seu pai, Carmelo Taverna.

Batalhou também pela restauração dos Arcos do Bixiga, junto ao prefeito Jânio Quadros, em 1987, e solicitou junto às autoridades a zeladoria da Praça dos Artesãos Calabreses.

Em 1997, criou o Super Pão, tradicional atração para as crianças, com 560 metros.

Walter assumiu o Bolo do Bixiga em 1995

Bolo do Bixiga

A história do Bolo do Bixiga começou em 1986, quando São Paulo completou 432 anos. A festa foi idealizada por Armando Puglisi, o Armandinho do Bixiga, e, inicialmente, cada morador levava um bolo.

Em 1995, após a morte de Armandinho, Walter Taverna assumiu a organização da festa, que incluía o bolo com um metro para cada ano da cidade.

O bolo do Bixiga chegou a entrar para o Guiness, o livro dos recordes, por conta de sua extensão e por ser consumido em cerca de 30 segundos.

Nos últimos dois aniversários da São Paulo, o bolo não foi servido para evitar aglomerações devido à pandemia. Em 2022, a festa foi substituída por doações a famílias carentes da cidade.

Walter Taverna também foi um dos personagens que mais lutaram pelo tombamento histórico do bairro do Bixiga, maior território de bens com valor cultural protegido no estado de São Paulo.

A equipe do portal Italianismo envia as mais sinceras condolências aos familiares e amigos desse gigante da comunidade ítalo-brasileira.

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Celebridades

Deolane Bezerra queria gravar vídeos dentro da loja da Dolce & Gabbana, o que é proibido pela marca

Itália no Brasil

Domenico Fornara, participou de vários encontros na região de São José do Rio Preto, no interior de São Paulo

Itália no Brasil

Principal representante da Itália no Brasil, Francesco Azzarello tem agenda intensa em São Paulo

Cidadania Italiana

O Consulado Geral da Itália em São Paulo fará nova convocação em 2022 para o reconhecimento da cidadania italiana

Cidadania Italiana

Apesar da pandemia, o órgão concluiu 33,7 cidadanias italianas por dia, em média, no ano passado

Itália no Brasil

Consulados devem unir esforços para que os serviços paralisados durante a pandemia sejam agilizados

Cotidiano

O Brasil voltará a ser palco de mais uma tradicional prova do ciclismo mundial

Comer e beber

Apesar da queda de produção de 9% (44,5 milhões de hectolitros), a Itália continua como maior produtora mundial do setor

Itália no Brasil

Em nota oficial publicada no Twitter, o diplomata expressou, “com profunda comoção”.

Itália no Brasil

“Mulheres e migração”, série do Museu da Imigração, vai destacar o processo migratório vivenciado pelas figuras femininas ao longo do tempo. Deixa o seu...

Itália no Brasil

Fabricante de fábricas, italiano cresceu nas crises e ajudou a construir o capitalismo brasileiro Deixa o seu comentário:

Itália no Brasil

Voos para a América do Sul garantirá maior oportunidade de transporte de cargas com a Europa Deixa o seu comentário: