Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cidadania Italiana

Como montar a árvore genealógica para cidadania italiana

Confira algumas dicas de como montar a árvore genealógica para a cidadania italiana

Como montar a árvore genealógica para cidadania italiana
Como montar a árvore genealógica para cidadania italiana

Como montar a árvore genealógica para cidadania italiana? Conheça serviços e novas tecnologias para realizar pesquisas genealógicas e encontrar dados sobre a história da sua família.

Traçar a genealogia aprofundada de uma família é uma tarefa difícil: com o passar dos anos, documentos se perdem, grafias de nomes mudam, sem falar na falta de continuidade da história oral passada entre gerações.

Mas não é impossível realizar esse trabalho e, especialmente com o avanço da tecnologia, há diversas ferramentas que podem ser úteis na missão.

Confira algumas dicas de como montar a árvore genealógica para a cidadania italiana:

Buscas online

Do conforto do próprio sofá, é possível acessar sites gratuitos de pesquisa genealógica, como o Family Search, organização operada pela Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (mais conhecidos como Mórmons), no qual é possível encontrar documentos de imigrantes que chegaram ao Brasil entre 1902 e 1980.

Há também o Geneanet, uma comunidade com mais de 3 milhões de membros e 6 bilhões de pessoas em árvores genealógicas.

Bibliotecas de genealogia

Algumas cidades no mundo têm bibliotecas específicas sobre genealogia, como a Biblioteca Genealógica de Lisboa e a de Salt Lake City, maior biblioteca de genealogia do mundo, que oferece serviços gratuitos de busca com guias e genealogistas — são cerca de 3,3 bilhões de nomes de pessoas dos cinco continentes, indexados por 150 mil indexadores que trabalham em 128 países.

O acervo do Museu da Imigração na cidade de São Paulo guarda registros de imigrantes que chegaram ao Brasil entre os séculos 19 e 20 e pode ser útil na investigação.

Arquivo Nacional

No Arquivo Nacional, no Rio de Janeiro, é possível encontrar a lista de imigrantes que chegaram ao Brasil de navio entre 1875 e 1910, e pedidos de naturalização desde 1823. O fornecimento dos documentos é gratuito (mas é necessário pagar por cópias autenticadas de documentos) e é possível fazer consultas online.

Associações de genealogia

O Brasil tem grupos e associações específicos de pesquisa genealógica, entre elas a Associação Brasileira de Pesquisadores de História e Genealogia (Asbrap), que fornecem auxílio à pesquisa genealógica.

Quais documentos vou precisar para tirar a cidadania italiana

Agora que você sabe como montar a árvore genealógica para a cidadania italiana é hora de saber quais são os documentos necessário.

Para o processo de cidadania, o requerente precisa das certidões originais e em inteiro teor de todas as pessoas na linha de ascendência, partindo do italiano até chegar em você. Veja a seguir quais os documentos para cidadania italiana são necessários:

Certidão italiana de nascimento
Certidão de nascimento em inteiro teor
Certidão de casamento em inteiro teor
Certidão de óbito em inteiro teor
Certidão Negativa de Naturalização
Tradução de todos os documentos brasileiros
Apostila de todos os documentos brasileiros (original + tradução)
  • Certidão italiana de nascimento do antepassado emigrado ao Brasil (documento que é emitido pelo comune (município) de nascimento na Itália. Se na época do nascimento dele ainda não existia registro civil, o documento será o certificado de batismo emitido pela paróquia.
  • Certidões brasileiras de nascimento de toda a linha de descendência (se na época do nascimento dele ainda não existia registro civil, o documento será a certidão de batismo emitida pela paróquia).
  • Certidões de casamento de toda a linha de descendência (fique atento: caso seu antenato tenha se casado na Itália, você vai precisar pedir esse documento lá).
  • Certidões de óbito (apenas a do antepassado italiano).
  • CNN – Certidão Negativa de Naturalização do seu antepassado italiano, que é emitida no site da Ministério da Justiça.

Todos os documentos brasileiros devem ser traduzidos por tradutor juramentado e apostilados.

Requerentes divorciados

Os cidadãos italianos divorciados devem apresentar a documentação para transcrição no competente Comune italiano.

Para caso de divórcio estabelecido por sentença, o requerente deve apresentar:

  • Certidão de Objeto e Pé relativa ao processo de divórcio, acompanhada de Apostila, devidamente traduzida para a língua italiana por um tradutor juramentado. A tradução também deverá estar acompanhada de Apostila.
  • Fotocópia autenticada do processo judicial de divórcio, desde a petição inicial até a sentença final, com carimbo do trânsito em julgado. Em todas as páginas do processo deverá constar a rubrica do funcionário ou do diretor do Cartório do Tribunal de Justiça.Certidão de Objeto e Pé relativa ao processo de divórcio, acompanhada de Apostila, devidamente traduzida para a língua italiana por um tradutor juramentado. A tradução também deverá estar acompanhada de Apostila.
  • Fotocópia autenticada do processo judicial de divórcio, desde a petição inicial até a sentença final, com carimbo do trânsito em julgado. Em todas as páginas do processo deverá constar a rubrica do funcionário ou do diretor do Cartório do Tribunal de Justiça.
  • Tradução juramentada, acompanhada de Apostila, das seguintes peças principais:
    – Petição Inicial
    – Ata de Instrução e Julgamento
    – Sentença
    – Trânsito em Julgado (em geral, trata-se de um carimbo em uma das últimas páginas da sentença)
    – Uma via original da Declaração anexa preenchida com a data em que a sentença transitou em julgado e assinada pelo interessado.

Para caso de divórcio por via administrativa (Lei n. 11441, de 04/01/2007), o requerente de apresentar:

  • Segunda via original e recente da Escritura Pública de Divórcio Consensual, emitida pelo Tabelionato de Notas em que ela foi lavrada, acompanhada de Apostila, devidamente traduzida para a língua italiana por um tradutor juramentado. A tradução também deverá estar acompanhada de Apostila.
  • Uma via original da Declaração anexa preenchida com a data em que a sentença transitou em julgado e assinada pelo interessado.Os documentos originais têm que ser traduzidos por um tradutor juramentado.

Leia também

Conheça os 1000 sobrenomes italianos mais comuns

Quem tem direito à cidadania italiana

O que é apostila de HAIA

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

A cidadania italiana pode abrir portas em diversas situações, como a facilidade em trabalhar e estudar no Exterior

Cotidiano

CNH brasileira volta a valer na Itália: novo acordo facilita vida de milhares pessoas

Cotidiano

Brasileiros residentes no país europeu há menos de seis anos podem solicitar habilitação italiana sem necessidade de novos exames

Esporte

O ítalo-brasileiro assumiu o cargo de técnico da Juventus, firmando um contrato de três temporadas, válido até meados de 2027.

Variedades

Agente de Registro Civil e intermediador são suspeitos

Turismo

Iniciativa é feita no aniversário dos 150 anos da imigração.

Cultura

Evento reúne o melhor da produção contemporânea do país europeu.

Variedades

Mostra e degustação contam história da iguaria desde as origens.

Economia

Dados registrados pela agência são do 1º trimestre de 2024

Cultura

O Sequestro do Papa' chegará aos cinemas do Brasil em 18/7

Notícias

Sace apontou potencial no país latino para empresas italianas

Variedades

Iniciativa contará com 4 cachorros de 3 raças diferentes.