Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Comer e beber

Como é feita a azeitona em conserva?

colheita de azeitonas
Como é feita a azeitona em conserva?

É temporada de colheita de azeitonas na Itália. Veja como é feita a conserva

As azeitonas em conserva são práticas, saborosas e servem de ingrediente para vários pratos típicos. Como petiscos, recheio de empadas e tortas, bacalhoadas, pizzas, saladas, sendo pretas ou verdes, em vidro ou a granel, são facilmente encontradas nos supermercados. Mas como é feita a azeitona em conserva? 

Ação Contra as filasAção Contra as filas

Turistas que chegam à Itália ficam fascinados pelas oliveiras – plantadas em muitas casas, como símbolo de vitória e paz.

Ao lado do Coliseu em Roma, por exemplo, há várias oliveiras nas calçadas. Curiosos apanham o fruto e tentam comê-lo.

Azeitonas frescas vendidas em feira-livre na Itália

A experiência é bastante desagradável: uma azeitona fresca da árvore é superamarga. E isso tem uma explicação química.

A azeitona fresca possui 14% do peso total formado um composto amargo chamado oleuropeína, que resulta no sabor extremamente amargo e ruim ao nosso paladar. 

É preciso um processo de cura da azeitona para que possamos consumi-la.

Como é feita a azeitona em conserva?

Após a colheita, limpeza, escolha e calibragem por tamanho das azeitonas, o método mais simples para remover a oleuropeína das azeitonas ainda verdes é a imersão em água por pelo menos uma semana com trocas diárias do líquido. Só então, se já estiverem sem o amargor, podem ser imersas em uma solução de salmoura – para conservação.

Um método semelhante já permite que as azeitonas sejam curtidas na salmoura. O princípio é semelhante, mas, neste caso, os frutos ficam imersos já em uma solução de água e sal por uma semana, sem trocas. Ao fim do processo, a salmoura é trocada por outra, mais salgada.

Um processo que utiliza hidróxido de sódio tornou a cura da azeitona mais ágil e padronizada. Foi inventado na Califórnia, nos Estados Unidos, e é utilizado até hoje por grandes indústrias. Devemos a invenção dele à exportação do produto a lugares mais distantes por causa também do alto poder de conservação dos frutos. 

E como funciona esse processo californiano? O hidróxido de sódio acelera a gradação química da amarga oleuropeína e faz com que o sabor da azeitona se torne agradável e com que ela fique pronta para o consumo em menos de uma semana de processo.

Após a cura da azeitona, há um processo de fermentação que pode durar de três a seis meses. Nas azeitonas verdes, ocorre a fermentação láctica por ação de bactérias; já nas azeitonas pretas, as concentrações de sal não permitem o desenvolvimento de muitos micro-organismos. 

A etapa seguinte é a fase de embalagem que ocorre com o tratamento térmico (esterilização e pasteurização) ajudando na conservação. Está pronta a azeitona para o consumo! 

LEIA TAMBÉM

Conheça a raríssima azeitona branca ‘ressuscitada’ na Itália

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Destinos

Episódio ocorreu em meio a onda de calor na Itália, neste domingo. Turista é da Espanha

Turismo

Relatório da WTTC revela ainda que o setor de viagens e turismo crescerá a uma taxa média anual de 2,5% nos próximos 10 anos

Destinos

Patrícia Poeta abre álbum de fotos de viagem à Itália: "Não é linda?"

Cotidiano

Primeiro voo entre São Paulo e Roma vai decolar no dia 2 de junho

Vida & Estilo

Seminário Teológico Italiano Chinês (ICTS) foi inaugurado em abril, em Roma, ao lado do Vaticano

Celebridades

Kobe Bryant passou sete anos na Itália, onde iniciou sua trajetória como astro do basquetebol

Cotidiano

Monumentos da Itália foram iluminados em solidariedade ao povo ucraniano

Destinos

Serão três voos semanais com aeronaves Boeing 777. Passagens começarão a ser vendidas nos próximos dias

História

Linda, inteligente, elegante, ela cuidou tão bem da sua imagem que se tornou uma influencer para as mulheres de seu tempo

Cotidiano

Vários monumentos italianos passaram a noite desta quinta-feira (10) às escuras em forma de protesto contra o aumento do preço da energia. Deixa o...

Una buona notizia!

Olivia, a primeira criança nascida em Roma, nasceu na Casa de Saúde da Sagrada Família. É também o primeiro nascimento na Itália em 2022

Cotidiano

Roma prevê multas de até 500 euros (R$ 3,2 mil) para quem desrespeitar a norma