Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Meloni critica reação ‘injustificável’ da França sobre migrantes

A primeira-ministra italiana criticou a “resposta agressiva” da França no caso do navio de resgate humanitário de refugiados.

Meloni critica França
Meloni critica reação ‘injustificável’ da França sobre migrantes | ilgazzettino

A primeira-ministra da Itália, Giorgia Meloni, criticou nesta sexta-feira (11) a reação da França ao caso do navio humanitário Ocean Viking e disse que Paris agiu de forma “incompreensível e injustificável”.   

A embarcação da ONG SOS Méditerranée havia resgatado 234 pessoas no Mar Mediterrâneo no fim de outubro, mas não recebeu autorização para atracar na Itália ou em Malta, que seriam os portos seguros mais próximos.   

Após mais de duas semanas de impasse e em meio à deterioração das condições a bordo, o Ocean Viking navegou por cerca de mil quilômetros para chegar a Toulon, no sul da França, onde os migrantes puderam desembarcar.   

No entanto, em retaliação, o governo de Emmanuel Macron suspendeu um acordo para acolher 3,5 mil solicitantes de refúgio que vivem na Itália e aumentou os controles na fronteira entre os dois países.   

“Fiquei muito impressionada com a reação agressiva do governo francês, incompreensível e injustificável”, afirmou Meloni durante coletiva de imprensa nesta sexta-feira, em Roma. No poder há menos de um mês, a premiê já protagoniza uma crise que opõe duas das três maiores economias da União Europeia.   

O ministro francês do Interior, Gérald Darmanin, chegou a dizer na última quinta (10) que Roma agiu de maneira “incompreensível” e que o caso provocaria “consequências graves para as relações bilaterais”, além de ter pedido que outros países da UE suspendessem a realocação de solicitantes de refúgio abrigados na Itália.   

“O pedido para isolar a Itália revela uma dinâmica curiosa. Falam de solidariedade… Quero esperar que isso não aconteça, não seria inteligente”, rebateu Meloni. Segundo a premiê, a Itália “não é mais capaz de se ocupar” da crise migratória e não pode ser o “único porto de desembarque para os migrantes do mediterrâneo”.   

“Nós já acolhemos 90 mil neste ano. O acordo prevê que 8 mil pessoas fossem realocadas, mas até agora só 117 foram redistribuídas, sendo 38 na França. Algo não está funcionando”, acrescentou. (com informações da Ansa)

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

A transmissão da cidadania italiana jure sanguinis pode ser comprovada por qualquer meio, diz a Corte de Cassação da Itália

Cotidiano

Prefeito perde batalha contra ítalo-brasileiros: A lei falou mais alto. Parece que o jogo virou, não é mesmo, senhor prefeito?

Cidadania Italiana

Cidadania italiana irregular: 92 cidades da província de Nápoles entram em investigação.

Cidadania Italiana

Silmara Fabotti, líder de esquema de cidadania italiana falsa, planejava fugir da Itália, relata juiz.

Cidadania Italiana

A crescente diáspora italiana: Migração em massa em busca de melhores oportunidades e realização pessoal.

Itália no Brasil

Um voo histórico de solidariedade: A ajuda humanitária da Itália ao Rio Grande do Sul.

Cidadania Italiana

Investigação revela esquema de corrupção envolvendo falsos certificados de residência em troca de dinheiro e favores sexuais.

Cidadania Italiana

Rodrigo Faro se defende de acusações de envolvimento em esquema de falsificação de documentos para cidadania italiana

Cidadania Italiana

Apresentador de TV, empresários e jogadores de futebol têm processos de cidadania italiana cancelados na região de Nápoles.

Cotidiano

Meloni apresentou queixa antimáfia sobre fluxos migratórios.

Cidadania Italiana

Suspensão temporária das audiências durante o período eleitoral e possível greve dos juízes afeta ítalo-brasileiros.

Economia

Relatório Brand Finance Italy 100 de 2024 revela as marcas italianas de maior valor: Gucci lidera