Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo
Imprensa italiana repercute decisão de Bolsonaro de não publicar os números reais do coronavírus

Cotidiano

Jornais italianos repercutem decisão do Brasil de ocultar dados da pandemia

Toda imprensa italiana repercute a decisão de Bolsonaro de não publicar os números reais do coronavírus

Todos os principais jornais e portais de notícias da Itália, de todos os espectros políticos, repercutiram neste domingo (07), a atitude do presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, de dar menos publicidade aos números reais do covid-19 no país.

Um dos principais jornais do país, o Corriere della Sera destacou na manchete que Bolsonaro “mandou ocultar os dados”. Na mesma linha, o La Repubblica, de Roma, abriu a notícia com o título: “Coronavírus, novo caso no Brasil: “O governo oculta dados globais sobre infecções e vítimas”.

Com a manchete “O Brasil testará a vacina de Oxford. Mas, enquanto isso, oculta os dados das vítimas de coronavírus”, o Il Fatto Quotidiano desatacou que o Brasil, “um país desesperado, desprovido de uma estratégia governamental adequada para enfrentar a mais grave epidemia do planeta, aceitou ser cobaia para testar uma nova vacina”.

Já o La Stampa trouxe na manchete que “Bolsonaro quer rever o número de mortos no Covid-19 e obscurecer os dados”, e escreveu:  “Já distante da ciência, Jair Bolsonaro decidiu empreender a guerra dos números sobre o impacto da Covid na Brasil”.

O jornal lembrou ainda que “o Brasil é o país do mundo onde as pessoas mais morrem de coronavírus e a tendência de crescimento parece não ter fim, ainda longe do pico das infecções”. 

A RAI News, do grupo estatal de notícias, disse que “há uma guerra de números no Brasil”, e que “o Brasil paga a atitude de “negação” de Bolsonaro, que nos últimos dias, nos moldes de Donald Trump, acusou a OMS de uma abordagem “ideológica”, ameaçando deixar a organização das Nações Unidas”.

Até os jornais esportivos repercutiram a decisão do governo brasileiro, dizendo que “o presidente tenta ocultar o verdadeiro impacto da doença na população“, como publicou o Corriere dello Sport.

Já o Tutto Sport trouxe na manchete: “Coronavírus, polêmica no Brasil: “Bolsonaro esconde o número de mortos”.

O portal da Sky TG24, um dos principais canais de notícias da Itália, abriu a notícia com a controversa decisão de Bolsonaro: “Esconde os dados”.

Já a versão italiana do Yahoo Notícias publicou que “Bolsonaro obscurece os dados sobre coronavírus e protesto explode”.

(Para ver as reportagens em suas referidas fontes, basta clicar no nome do jornal ou portal)

* * * * *

Gostou do artigo? Então comente ou compartilhe nas suas redes sociais.

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Cidadania Italiana

O capitão, o ex-juiz e o governador de SP são cidadãos italianos por direito de sangue, desde que nasceram

Cotidiano

A Itália bateu nesta quinta-feira (6) um novo recorde de casos diários de Covid-19 e superou pela primeira vez a marca de 200 mil...

Cotidiano

Recorde absoluto de novos contágios pelo terceiro dia consecutivo com recorde de testes feitos; 156 mortos

Cotidiano

Novo pico de casos: nunca tantos desde o início da emergência. Na Lombardia, são 16 mil

Cotidiano

A Itália registrou 36.293 novos casos de Covid-19, totalizando 5.472.469 contágios, informou o boletim diário do Ministério da Saúde. Deixa o seu comentário:

Cotidiano

Nas últimas 24 horas, a Itália registrou mais 20.677 casos de covid-19 e outras 120 mortes, o maior número desde maio

Cotidiano

A multa para quem não respeitar a nova regra varia de 400 a 1.000 euros

Cotidiano

“A todos vocês, a minha continência. Ontem, hoje e sempre, Brasil e Itália sempre juntos”, disse Bolsonaro   

Cotidiano

Presidente do Brasil visita a região depois de um encontro do G20 em Roma

Cotidiano

Na Itália, Bolsonaro participa do G20 e recebe título em Anguillara Veneta

Cidadania Italiana

O título é uma honraria e o homenageado precisa dizer o que fez em defesa do povo da localidade

Cotidiano

Itália ainda não explicou se o passe verde poderá ser usado por italianos residentes em países de risco, como o Brasil