Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

Italianismo

Itália no Brasil

Itália prolonga suspensão de voos vindos do Brasil

Itália voos Brasil
Itália prolonga suspensão de voos vindos do Brasil | Aeroflap

O ministro da Saúde da Itália, Roberto Speranza, anunciou neste sábado (30) que suspenderá por mais 15 dias os voos vindos do Brasil.

A medida é para evitar a entrada da nova cepa que surgiu no norte do país.


Bendita Cidadania


Bendita Cidadania

O ministro italiano da Saúde, Roberto Speranza, anunciou neste sábado (30) que suspenderá por mais 15 dias os voos vindos do Brasil, para evitar a chegada da nova cepa que surgiu no norte do país.

A suspensão poderá ser renovada, disse um porta-voz do ministro. Segundo Speranza, o decreto também proíbe a entrada na Itália de todas as pessoas que estiveram no Brasil nos últimos dias 14 dias.

O ministro anunciou a decisão no Facebook e acrescentou que a Itália “continuará a acompanhar a situação com prudência“.

Flexibilização de medidas  

A Itália decidiu nesta sexta-feira (29) diminuir as restrições contra o coronavírus em algumas regiões, apesar dos alertas de especialistas em saúde pública.

Apúlia, Sardenha, Sicília, Umbria e a província autônoma de Bolzano passarão a partir de domingo (31) ao nível de alerta “laranja” (risco médio), enquanto o resto do país passará para o nível “amarelo”, segundo o Ministério da Saúde.

SIGA O ITALIANISMO


O nível amarelo permite a abertura de bares, cafés e restaurantes durante o dia e flexibiliza circulação entre as regiões.

Além disso, os museus podem reabrir, mas apenas durante a semana.

A flexibilização contraria a tendência geral dos demais países europeus de implementar medidas mais severas.

A Organização Mundial de Saúde alertou na quinta-feira que é “muito cedo” para suspender algumas medidas, devido à presença “ainda muito elevada” do vírus. “Sim, a Itália vai contra a tendência geral”, reconheceu Walter Ricciardi, especialista em saúde pública e assessor do Ministério da Saúde sobre a pandemia.

Alta taxa de incidência

Segundo o especialista, as medidas restritivas adotadas na itália durante o Natal e o Ano Novo ajudaram a estabilizar os números do vírus, sem reduzi-los.

A Itália é um dos países mais afetados pelo coronavírus, com mais de 87.858 mortes e uma recessão recorde.

De acordo com o GIMBE, um grupo de especialistas independentes, a Itália registrou 799 casos de vírus por 100.000 habitantes entre 20 e 26 de janeiro – uma taxa de incidência que indica descontrole sobre a epidemia. (Com informações da AFP

Deixa o seu comentário:

Mais de Italianismo

Cotidiano

Como está Codogno, símbolo da tragédia da covid na Itália

Cotidiano

“Vou pedir a Speranza um bloqueio total”. Essas são as palavras do conselheiro do Ministério da Saúde da Itália, Walter Ricciardi. Deixa o seu...

Cotidiano

A Itália não informou até quando vale a nova decisão.

Cotidiano

Grupo busca apoio para pressionar as autoridades italianas. Governo ainda não respondeu

Cotidiano

Rejeição à vacina contra a Covid-19 chega a 25% nos EUA e 40% na França. Resistência é mais baixa na Itália (12%)

Cotidiano

Casa da Moeda faz homenagem a profissionais de saúde em moeda especial de 2 euros

Cotidiano

Istat: um aumento de 85.624 mortes em 2020. Mas "apenas" 55.576 para o vírus

Cotidiano

Olfato apurado provou ser mais eficaz do que um teste rápido. E muito mais eficaz.