Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

Italianismo

Cotidiano

Itália prende suspeito de planejar ação terrorista

Itália prende suspeito de planejar ação terrorista
Itália prende suspeito de planejar ação terrorista

Interceptações telefônicas mostraram que italiano participava de grupos jihadista

A polícia da Itália prendeu nesta sexta-feira (27), em Cosenza (Calábria), no sul do país, um homem de 30 anos acusado de planejar ação terrorista.

O acusado é um cidadão italiano com quem foram encontrados manuais de instrução para a fabricação de bombas e tutoriais para a realização de atentados.   


Bendita Cidadania


Bendita Cidadania

Além disso, os investigadores apreenderam vídeos de execuções feitas pelo Estado Islâmico, revistas oficiais do grupo terrorista e da Al Qaeda e documentos em língua árabe produzidos pelo suspeito.   

Segundo o inquérito, interceptações telefônicas mostraram que o italiano tinha contas em diversas redes sociais, como Telegram, Rocket Chat e Riot, nas quais participava de grupos fechados de conotação jihadista.   


PUBLICIDADE

“A operação demonstra que, mesmo em tempos de pandemia, os riscos ligados a eventos terroristas são concretos“, disse o porta-voz da Associação Nacional de Funcionários de Polícia (ANFP), Girolamo Lacquaniti. (ANSA).

LEIA TAMBÉM

Deixa o seu comentário:

Mais de Italianismo

Cidadania Italiana

Como montar a árvore genealógica para cidadania italiana? Conheça serviços e novas tecnologias para realizar pesquisas genealógicas e encontrar dados sobre a história da...

Destinos

As igrejas da Itália são verdadeiras obras de arte. Aqui está um passeio entre as mais evocativas de toda a bota.

Destinos

Uma viagem pelas obras-primas arquitetônicas mais fotografadas do mundo.

Cotidiano

Xuxa Meneghel mostra sua mansão no Rio e revela planos para morar na Toscana, na Itália.

Cotidiano

Papa Francisco: "A vacina? É uma opção ética. Marquei e tem que ser feita"

Cotidiano

A partir da próxima semana, a aplicação das vacinas deve ser acelerada.

Destinos

Empresa quer ocupar espaço deixado pela Air Italy, que faliu em 2020.

Cotidiano

Ministro da Saúde assinou ordem que proíbe voos do Brasil e entrada de quem tenha transitado pelo país nos últimos 14 dias.