Siga-nos

Olá, o que você está buscando?

Cotidiano

‘Sabemos pouco da eficácia da cloroquina, mas conhecemos bem os danos’, diz agência da Itália

Diretor da Agência de Medicamentos foi questionado sobre o andamento dos estudos relativos ao remédio

O diretor-geral da Agência Italiana de Medicamentos (Aifa), Nicola Magrini, disse nesta sexta-feira que ainda há poucas informações sobre a eficácia da hidroxicloroquina contra o novo coronavírus .

Em coletiva de imprensa em Roma, Magrini foi questionado sobre o andamento dos estudos relativos ao remédio, geralmente usado contra malária e lúpus e que é citado por Donald Trump e Jair Bolsonaro como possível cura para a covid-19.

Leia também

Só será possível erradicar o coronavírus com vacina, diz autoridade italiana

Dados do INSS mostram que Itália teve o dobro de mortes por Covid-19

Sabemos pouco sobre sua eficácia, mas estamos bastante seguros sobre os possíveis danos e a falta de segurança em alguns limitados subgrupos de pacientes“, declarou o diretor da Aifa, agência do governo da Itália responsável pela liberação de medicamentos.

As autoridades sanitárias do país autorizaram testes com cloroquina e hidroxicloroquina no tratamento contra o novo coronavírus, mas nenhum estudo produziu resultados conclusivos até o momento. No Brasil, o governo Bolsonaro orientou seu uso em todos os tipos de casos, apesar da falta de comprovação científica da sua eficácia.

Por Ansa

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Facebook

Leia também:

Vida & Estilo

Segundo publicação, a Itália continua no bom caminho e vem colhendo os frutos após meses de sacrifício e confinamento Deixa o seu comentário:

Cotidiano

INPS: “Dados sobre mortalidade divulgados pela Proteção Civil não confiáveis” Deixa o seu comentário:

Vida & Estilo

Jovem tem fotos sobre isolamento social selecionadas pela revista italiana Deixa o seu comentário:

Cotidiano

Itália registra o número de mortes mais baixo desde o início do confinamento, em 10 de março Deixa o seu comentário: