Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Destinos

Palmarola: um paraíso perto de Roma que até os italianos desconhecem

Esqueça Capri, Santorini ou Córsega. Palmarola é considerada por muitos a ilha mais bonita do Mediterrâneo.

Palmarola é um pequeno paraíso a pouco mais de uma hora de Roma e um dos segredos mais bem guardados da Itália. é desconhecida também para a maioria dos italianos.

Na ilha, não irá encontrar casas, hotéis, bares, lojas ou carros. Nem multidões. No local, há apenas um restaurante – que abre apenas durante o verão – e alguns curiosos que espreitam a beleza selvagem de Palmarola. Ao invés de confusão – que domina as restantes ilhas do Mediterrâneo –, poderá, sim, esperar peixe acabado de ser pescado e uma vista inigualável.

A natureza primitiva e o azul turquesa do mar fazem com que se sinta um verdadeiro Indiana Jones, pronto para explorar um novo mundo com um passado pré-histórico. O tempo parece ter parado na era Jurássica.

O ponto mais alto da ilha é a Punta Tramontana, de onde é possível admirar as ruínas assustadoras de um mosteiro medieval e de uma aldeia pré-histórica.

Roxo, vermelho, castanho, verde, branco, amarelo e cor-de-rosa são algumas das cores que se veem nos penhascos. As rochas brilham devido aos cristais e minerais que as formam, e a água é translúcida. Nadar nas grutas é uma experiência imperdível.

O turista pode optar por passar a noite em Palmarola, numa gruta formada pelas rochas – que era uma antiga moradia de um dos pescadores que habitaram a ilha em tempos passados – ou acampado numa tenda. O único restaurante aberto na ilha – O’ Francese – tem alguns quartos para alugar, mas costumam estar sempre ocupados.

O’ Francese tem uma história curiosa. O francês que dá nome ao restaurante vivia em Ponza antes de se mudar para França, onde constituiu família. Mas a ilha onde passou alguns anos da sua infância, vivendo numa caverna de pescadores com o seu pai, não lhe saía da cabeça. Foi então que decidiu regressar a Palmarola com a mulher, e construir uma barraca de madeira, que acabou sendo transformada em restaurante.

Para chegar a Palmarola, a única opção é ir até Terracina, uma cidade a pouco mais de 100 quilómetros de Roma, e viajar de barco até à ilha de Ponza. Aí terá de pegar um outro barco que o levará até ao local.

Por Mafalda Magrini/Volta ao Mundo

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

A transmissão da cidadania italiana jure sanguinis pode ser comprovada por qualquer meio, diz a Corte de Cassação da Itália

Cotidiano

Prefeito perde batalha contra ítalo-brasileiros: A lei falou mais alto. Parece que o jogo virou, não é mesmo, senhor prefeito?

Cidadania Italiana

Cidadania italiana irregular: 92 cidades da província de Nápoles entram em investigação.

Cidadania Italiana

Silmara Fabotti, líder de esquema de cidadania italiana falsa, planejava fugir da Itália, relata juiz.

Cidadania Italiana

Passaporte em todo lugar: A partir de julho, correios italianos facilitam renovação e emissão

Cidadania Italiana

Descaso com o Codice Fiscale: Conselheiro do CGIE denuncia "Gaming the System" nos consulados.

Cidadania Italiana

A crescente diáspora italiana: Migração em massa em busca de melhores oportunidades e realização pessoal.

Itália no Brasil

Aviso por correio convoca os eleitores para participarem das eleições do Parlamento Europeu de 2024.

Itália no Brasil

Um voo histórico de solidariedade: A ajuda humanitária da Itália ao Rio Grande do Sul.

Cidadania Italiana

Investigação revela esquema de corrupção envolvendo falsos certificados de residência em troca de dinheiro e favores sexuais.

Cidadania Italiana

Rodrigo Faro se defende de acusações de envolvimento em esquema de falsificação de documentos para cidadania italiana

Cidadania Italiana

Apresentador de TV, empresários e jogadores de futebol têm processos de cidadania italiana cancelados na região de Nápoles.