Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cidadania Italiana

Merlo: “um grande erro limitar a cidadania italiana”

cidadania italiana
Merlo: um 'grande erro' limitar a cidadania italiana | Foto: Fabio Frustaci/ANSA

Projeto em andamento prevê limitar o direito para os descendentes de italianos

O tema “cidadania italiana” voltou a gerar apreensão nos últimos dias.

Tudo porque um projeto de Lei – apresentado em novembro do ano passado, mas que veio a público somente agora para a comunidade italiana – prevê limitar o direito à cidadania para os descendentes de italianos.

O projeto é de Elisa Siragusa, do partido de esquerda “Movimento 5 Stelle“, e está na comissão de constitucionalidade desde abril.

A proposta tem assinaturas de outras 6 deputadas, do mesmo partido do comediante Beppe Grillo.

Segundo o projeto, que visa a modificar a Lei 91/1992, a transmissão da cidadania italiana passaria a valer apenas para a primeira geração, ou seja, apenas para filhos.

A motivação? Porque esses descendentes de terceira ou quarta gerações não têm ligação cultural ou linguística com a Itália.

O deputado Luis Roberto Lorenzato, da Lega, acredita que o partido de Siragusa e seus aliados têm votos suficientes para aprovar o texto.

Ele chegou a postar um texto bastante agressivo contra a proposta. “Um governo comunista que prefere africanos clandestinos, 99% homens, entre os 18- 30 anos, ‘bem dotados’, para integrar a cultura islâmica na Itália”, escreveu o parlamentar em sua página “Vote pela Cidadania“, no Facebook.

Entretanto, Ricardo Merlo, senador e subsecretário do Ministério das Relações Exteriores da Itália, acredita que é um grande erro limitar o “direito de sangue” e que a proposta não seguirá adiante.

“Cortar gerações de ius sanguinis significa causar incalculáveis ​​danos econômicos e culturais ao país. O reconhecimento do ius sanguinis não só é sustentável, ao contrário do que dizem alguns, mas gera enormes lucros para a economia italiana”, disse em entrevista ao portal “Italia chiama Italia“.

Segundo ele, os que se propõem a limitar a transmissão da cidadania italiana fazem porque obviamente não conhecem a realidade dos fatos. 

Eleito na América Latina, com votos principalmente da Argentina, ele prometeu lutar contra a proposta.

LEIA TAMBÉM:

Interesse por cidadania italiana via judicial dispara, indica Google

‘Reforma na cidadania italiana estava pronta, mas nos faria perder votos’, diz senadora

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Cidadania Italiana

Requerente não precisa ficar na Itália até o fim do processo de cidadania, diz sentença

Cidadania Italiana

Deputado quer saber porque Itália desconsidera Certidões Negativas de Naturalização emitidas pelo Brasil

Cidadania Italiana

Consulado divulgou nota com instruções e os prazos para a confirmação de agendamento para entrega da documentação

Cidadania Italiana

O “codice fiscale” pode ser gerado a partir de informações básicas em um site na internet

Cidadania Italiana

24.100 brasileiros se tornaram cidadãos europeus em 2020, segundo dados do Eurostat

Cidadania Italiana

Qual é a importância do tradutor juramentado

Cidadania Italiana

Os custos para pedir a sua cidadania italiana podem variar de acordo com a linha genealógica da sua família e a modalidade escolhida

Cidadania Italiana

Funcionário público estava na folha de pagamento da assessoria, confirmou a polícia italiana

Cidadania Italiana

Itália criará grupo de trabalho para facilitar o reconhecimento da cidadania italiana aos argentinos

Cidadania Italiana

É o que prevê algumas das alterações propostas contidas nas 728 emendas à lei de reforma da cidadania

Cidadania Italiana

Proposta de mudanças na comissão da Câmara prevê a cidadania ius scholae

Cidadania Italiana

Proposta de Lei prevê o "Ius scholae": cidadania para menores estrangeiros após 5 anos de escola na Itália