Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

Itália volta ao lockdown nesta segunda-feira

Itália volta ao lockdown
Palácio Montecitorio, sede da Câmara da Itália, diante de praça quase vazia em Roma por causa da pandemia do coronavírus, em foto de 9 de fevereiro — Foto: Yara Nardi/Reuters

As regiões mais populosas do norte da península, entre elas Lombardia com Milão, e Lazio com Roma, serão classificadas como “áreas vermelhas” para tentar conter a pandemia.

A Itália, em grande parte confinada a partir desta segunda-feira (15) para frear a propagação do coronavírus, aposta em uma melhora “na segunda metade da primavera” boreal, disse neste domingo (14) o ministro da Saúde, Roberto Speranza.

“A implementação de medidas mais rigorosas e o aumento progressivo de pessoas vacinadas nos levam a pensar que teremos números melhores na segunda metade da primavera”, declarou o ministro em entrevista publicada neste domingo no jornal La Repubblica.

“O fato novo são as variantes, a inglesa especialmente que prevalece no nosso país (…) e representa 54% dos casos, apesar de esperarmos um número mais alto” no futuro, afirmou.

Cada dose de vacina injetada é um passo na direção para uma saída da crise“, comentou Speranza.

A maior parte da Itália deverá permanecer confinada a partir de segunda-feira devido às novas restrições pelo aumento dos casos de coronavírus.

Segundo a classificação por cores, a área vermelha é a mais contagiosa e envolve o fechamento de escolas e universidades, assim como de bares, cafeterias e restaurantes (exceto para levar).

As outras regiões foram declaradas área laranja, de contágio intermediário, segundo o ministério.

Somente a ilha da Sardenha é área branca, ou seja, sem contágios, depois de ter submetido toda a população a testes anticovid.

Um Conselho de Ministros realizado na sexta-feira decidiu que, de 15 de março a 6 de abril, as regiões “onde o número semanal de contágios superar os 250 por 100.000 habitantes passarão a ser consideradas vermelhas”.

A Itália, com 102.145 mortes desde o início da pandemia, teve neste domingo em 24 horas 21.315 casos e 264 novas mortes.

200

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Série

Rádio e TV italiana

Siga o Italianismo

Destaques do editor

Cotidiano

A Itália bateu nesta quinta-feira (6) um novo recorde de casos diários de Covid-19 e superou pela primeira vez a marca de 200 mil...

Cotidiano

Recorde absoluto de novos contágios pelo terceiro dia consecutivo com recorde de testes feitos; 156 mortos

Cotidiano

Novo pico de casos: nunca tantos desde o início da emergência. Na Lombardia, são 16 mil

Cotidiano

A Itália registrou 36.293 novos casos de Covid-19, totalizando 5.472.469 contágios, informou o boletim diário do Ministério da Saúde. Deixa o seu comentário:

Cotidiano

Nas últimas 24 horas, a Itália registrou mais 20.677 casos de covid-19 e outras 120 mortes, o maior número desde maio

Cotidiano

A multa para quem não respeitar a nova regra varia de 400 a 1.000 euros

Cotidiano

Itália ainda não explicou se o passe verde poderá ser usado por italianos residentes em países de risco, como o Brasil

Cotidiano

Proibição abre exceção para residentes no país europeu. Não há previsão para flexibilizar normas

Cotidiano

Uso de proteção ainda é necessário em locais onde haja aglomeração, como mercados, feiras, ou filas

Cotidiano

A Itália deve iniciar a vacinação contra a Covid-19 de todas as pessoas acima dos 16 anos em 3 de junho. Deixa o seu...

Cotidiano

Mais de 9,85 milhões de pessoas já receberam as duas doses; Dois terços das vacinas foram destinados a maiores de 60 anos

Cotidiano

Mais de 25 milhões de doses aplicadas. Até o final do mês, a decisão de imunizar jovens entre 12 e 15 anos.