Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Negócios

Itália contabiliza milhares de vagas de trabalho vazias. Em Milão há 73 mil

Estudo mostrou que há milhares de vagas no país que não despertam interesse dos trabalhadores 

A Itália convive há mais de meia década com taxas de desemprego acima dos 10%, mas um estudo divulgado na semana passada mostrou que há milhares de vagas no país que não despertam interesse dos trabalhadores.

O levantamento foi feito pela União das Câmaras de Comércio da Itália (Unioncamere) e revela que os restaurantes abriram 11 mil vagas para garçons em janeiro, mas que 23% desses postos permanecem vazios.

Outras categorias de trabalhos braçais ou que exigem menos qualificação também convivem com déficit de mão de obra. Entre os ajudantes de cozinha, esse índice é de 42%; entre os representantes de vendas, 51%; para os pizzaiolos, 97%.

Apenas em Milão, há cerca de 73 mil vagas abertas. Na outra ponta do mercado de trabalho, a Confederação Geral da Indústria Italiana (Confindustria) estima que o país abrirá 200 mil postos nas posições mais qualificadas no triênio 2019-2021, mas que um terço deles corre o risco de ficar vazio devido à falta de talentos.

Isso faz com que muitas empresas recorram à mão de obra estrangeira. Os setores mais afetados serão os de tecnologia da informação, mecânica, têxtil, alimentar, químico e moveleiro, alguns dos principais motores do “made in Italy”.   

Recentemente, o governo italiano aprovou a criação da renda de cidadania, programa social que prevê o pagamento de bolsas mensais para a população de baixa renda, com a contrapartida de que os beneficiários não recusem três ofertas de trabalho seguidas nos centros de emprego espalhados pelo país.

O projeto entrará em vigor em abril e é uma das apostas do governo para reaquecer a economia italiana, que entrou em recessão técnica.

Por Agência Ansa

E aí, gostou do artigo? Então compartilhe nas suas redes sociais e traga seus amigos, colegas e seguidores para a discussão. Em caso de dúvidas a respeito do assunto, não hesite em deixar seu comentário.

Deixa o seu comentário:

Mais de Italianismo

Itália no Brasil

Prefeito de Milão, Giuseppe Sala, defendeu parcerias entre Milão e Rio para políticas de transformação urbana

Cotidiano

Cerca de 70 famílias moravam no local e tiveram tempo de fugir; 20 pessoas inalaram fumaça. Não há vítimas graves

Cotidiano

A difusão da rede móvel de nova geração está em constante evolução e as ofertas tornam-se cada vez mais atraentes na Itália

Cotidiano

A consultoria Mercer traçou o ranking das cidades mais caras para se viver: nenhuma italiana entre as 10 primeiras, duas entre as 50 primeiras

História

Pesquisadores querem entender quais produtos foram usados para mumificar corpo

Cotidiano

O ex-primeiro Ministro da Itália pagou mais de 220 milhões de reais para manter mansões.

Negócios

O setor produtivo corre o risco de ficar sem latas: o aumento dos preços das matérias-primas repercute nos custos.

Cotidiano

O café no bar é um ritual para muitos italianos: aqui estão as cidades onde uma xícara custa mais e aquelas onde o preço...

Cotidiano

O jornal britânico Financial Times compartilhou uma lista dos 50 melhores empórios gastronômicos do mundo. Neste ranking, 7 endereços estão na Itália

Esporte

Time aplica goleada histórica na equipe de Turim. Vaga na Champions pode ser confirmada no fim de semana.

Cotidiano

Cruz Vermelha planeja fazer até 3 mil testes rápidos e gratuitos por dia em 11 cidades da Itália.

Cotidiano

Cidade italiana na região metropolitana de Milão vota polêmica lei sobre vestimentas.