Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Cotidiano

ITA Airways pode dar lucro até 2025, diz acionista Lufthansa

A alemã Lufthansa acredita que a italiana ITA Airways pode se tornar lucrativa em 2025.

ITA Airways Lufthansa
A alemã Lufthansa acredita que a italiana ITA Airways pode se tornar lucrativa em 2025 | Foto: CAPTAIN RAJU, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

A Lufthansa, que adquiriu uma participação na ITA Airways, está confiante que a empresa italiana será lucrativa até 2025.

Carsten Spohr, executivo-chefe do Grupo Lufthansa, compartilhou sua visão otimista, destacando planos estratégicos para impulsionar o desempenho financeiro da ITA Airways.

A ITA Airways teve um prejuízo líquido de € 486 milhões (R$ 2,6 bilhões) em 2022, influenciado pelos altos custos de combustível e pelos impactos contínuos da pandemia, conforme os dados disponíveis.

No entanto, Spohr acredita que a empresa tem potencial para alcançar o retorno sobre o investimento esperado assim que a Lufthansa assumir o controle operacional, o que está previsto para ocorrer em aproximadamente seis meses.

Spohr salienta que a aquisição total da operação está condicionada ao desempenho da ITA Airways. Segundo ele, “o mecanismo de opção garante que não podemos ser forçados a uma aquisição total enquanto as metas do plano de negócios conjunto não forem alcançadas”.

O executivo também destaca a intenção de melhorar os ganhos e reduzir a dependência da Lufthansa em relação aos mercados domésticos. Ele promete impulsionar o posicionamento estratégico do grupo, visando transformá-lo em uma operadora nacional sólida capaz de conectar a Itália ao mercado global.

O pagamento pela participação minoritária está programado para setembro de 2023, seguido da possível aquisição de controle total ou parcial, dependendo do desempenho da ITA Airways.

O acordo firmado entre as empresas prevê que a Lufthansa adquira 41% da ITA Airways por meio de um aumento de capital de € 325 milhões, enquanto o Ministério das Finanças italiano detém os demais ativos da empresa.

Durante uma teleconferência com analistas, Spohr fez questão de diferenciar a ITA Airways de sua antecessora, a Alitalia, afirmando que “a ITA não tem nada em comum com a antiga Alitalia além de seu mercado”.

Com base nas estratégias planejadas pela Lufthansa e na confiança em seu investimento, espera-se que a ITA Airways alcance a lucratividade até 2025, impulsionando o cenário da aviação na Itália e fortalecendo sua presença no mercado global.

A ITA se juntará a um grupo de companhias aéreas nacionais já sob o quarda-chuva da Lufthansa, incluindo Swiss e Austrian Airlines.

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Itália no Brasil

Programa percorre cidades brasileiras para mostrar a influência e o legado do povo italiano no país.

Cidadania Italiana

Projeto de Lei no Senado Italiano gera debate sobre possíveis mudanças na cidadania italiana.

Cidadania Italiana

Val di Zoldo: Desafios administrativos, protestos e o embate com a cidadania ítalo-brasileira.

Cotidiano

Facilite sua vida na Itália em 2024 com esses 16 aplicativos essenciais.

Cotidiano

Itália desafia limites: Quer a construção da ponte suspensa mais longa do mundo.

Cidadania Italiana

Subsecretário italiano afirma que a Lei 91 de 92, que rege a cidadania no país, está adequada e não deve ser alterada.

Cidadania Italiana

As regras para obtenção de cidadania italiana por meio de ascendência vão mudar em 2024? O que dizem os profetas do medo?

Arte & Cultura

Russell Crowe revela orgulho por suas raízes italianas durante o Festival de Sanremo.

Destinos

Preparando o terreno: estratégias inteligentes para economizar nas reservas de voos para a Itália.

Cidadania Italiana

A italianidade que corre nas veias: por que limitar o direito à cidadania?

Estilo de vida

Descubra as razões por trás da diferença entre o Dia dos Namorados no Brasil e na Itália.

Cotidiano

Deputado Fabio Porta insta governo italiano a agir com urgência no acordo de conversão de CNH com o Brasil.