Connect with us

Hi, what are you looking for?

Vida & Estilo

Estudo avalia a dieta mediterrânea na redução da obesidade juvenil

Objetivo é demonstrar a eficiência da dieta na redução de peso e dos fatores de risco cardiovasculares

Demonstrar que uma alimentação inspirada na dieta mediterrânea, com pouca energia e enriquecida com produtos típicos como romã, grão de bico e frutas secas, por exemplo, é mais eficaz na redução do peso corporal e dos fatores de riscos cardiovasculares associados à obesidade juvenil em comparação com uma dieta convencional de baixa energia. 

Esse é o objetivo do projeto europeu Med4Youth, que durará quatro meses e será realizado em 240 adolescentes, com idades entre 13 e 16 anos, e que sofrem de obesidade e residentes na Itália, Espanha e Portugal.

A Med4Youth envolve a Universidade de Parma, o centro de tecnologia Eurecat (Espanha, coordenador do projeto), a Universidade de Coimbra (Portugal), Shikma Field Crops (Israel), o Centro Científico de Alimentos (Jordânia) e Novapan (Espanha). 

De acordo com dados da OMS de 2016, a obesidade juvenil quadruplicou nos últimos 30 anos, enquanto 18% das crianças e adolescentes entre 5 e 19 anos estão com sobrepeso ou obesidade, com uma incidência particularmente alta em países mediterrâneos como a Itália, Espanha e Portugal. 

Esta é a primeira vez que uma investigação deste tipo vai ser realizada com participantes de diferentes países do Mediterrâneo.

Com informações da agência Lusa e Ansa

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Facebook

Leia também:

Comer e beber

Berço da dieta mediterrânea, Itália sofre com aumento no número de obesos Deixa o seu comentário:

Cidadania Italiana

Dieta mediterrânea é a receita que pode contribuir para esse recorde de centenários  Deixa o seu comentário:

Vida & Estilo

Talvez haja algo no gazpacho ou na paella, já que a Espanha superou a Itália e se tornou o país mais saudável do mundo...

Comer e beber

Dieta mediterrânea ajuda a ter uma vida mais longa na terceira idade Deixa o seu comentário: