Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

História

Cristóvão Colombo não era italiano? Novo teste de DNA vai dizer

Cristóvão Colombo era genovês, português ou espanhol? O DNA dos ossos vai tentar resolver o enigma.

cristovao colombo dna
Cristóvão Colombo não era italiano? Novo teste de DNA vai dizer

Cristóvão Colombo, o descobridor das Américas, não era italiano? Em Granada, na Espanha, alguns pesquisadores se preparam para reexaminar o DNA do grande navegador.

Eles querem esclarecer a origem: Colombo, nascido oficialmente em Gênova em 1451 (e falecido em Valladolid, Espanha, em 1506), era na verdade espanhol? Português?

Os resultados da pesquisa, realizada em colaboração com a Universidade de Florença e a American University of North Texas, são esperados para o mês de outubro.

Novo exame do DNA de Colombo: a explicação do especialista

Em entrevista à AFP, José Carlos Lorente, Professor de Medicina Legal, Toxicologia e Antropologia Física da Universidade de Granada, disse: “Em 2003, exumamos os ossos de Colombo e de seu filho Fernando. Ambos estão localizados na Catedral de Sevilha. Pouco antes, tínhamos obtido as de Diego Colombo, irmão de Cristóvão. A partir daí começamos a examinar os ossos do ponto de vista antropológico e genético”.

Em seguida, o professor José Carlos Lorente acrescentou: “A simples visão dos ossos mostra que todos se encontram em mau estado de conservação. Os de Fernando estava um pouco melhores, mas os de Cristóvão e seu irmão Diego estavam em péssimas condições, o que é um problema para a análise genética, porque claramente se o osso está degradado, tudo no osso, inclusive o DNA, também está muito degradado”.

No entanto, uma nova tecnologia, utilizando pequenos fragmentos de DNA extraídos dos ossos de Cristóvão Colombo mantidos em uma câmara de segurança da Universidade de Granada, permitirá que sejam comparados com alguns presumíveis membros da família de Colombo e com o DNA de pessoas vivas que carregam o mesmo sobrenome em diferentes partes do mundo (como Colòn na Espanha e Colombo em Portugal).

Lorente explicou: “Hoje você pode trabalhar com menos DNA e pode purificar ou limpar melhor o DNA extraído. Se antes podíamos apenas extrair um pouco de informação, hoje temos uma espécie de lente mais potente que nos permite ler todo tipo de informação, por menor que sejam os códigos”.

E aí, gostou do artigo? Então compartilhe nas suas redes sociais e traga seus amigos, colegas e seguidores para a discussão. Em caso de dúvidas a respeito do assunto, não hesite em deixar seu comentário.

Deixa o seu comentário:

Mais de Italianismo

Arte & Cultura

O menino que nasce de um boneco de madeira com um nariz que cresce quando mente

Estudar na Itália

O levantamento é a principal referência em qualidade universitária na Itália

Arte & Cultura

Os herdeiros, que não foram identificados, são todos homens e vivem próximos da cidade natal do polímata italiano

Turismo

Movido por uma locomotiva a vapor, o "trem de Dante" vai percorrer a antiga ferrovia aberta há mais de 100 anos.

Cotidiano

A atriz recebeu as chaves da cidade e inaugurou o restaurante que leva seu nome.

Cotidiano

O café no bar é um ritual para muitos italianos: aqui estão as cidades onde uma xícara custa mais e aquelas onde o preço...

Estudar na Itália

O prazo para se candidatar segue até o dia 31 de maio.

Cotidiano

O Ministério da Universidade e da Pesquisa da Itália publicou o regulamento para quem quer estudar no país no próximo ano acadêmico. Deixa o...

Cotidiano

Veja 6 cidades onde você pode comprar um imóvel por 500 euros por mês.

Arte & Cultura

A arquitetura italiana é o berço de diferentes escolas europeias. Estilos como o renascentista e o barroco influenciaram arquitetos mundo afora. Deixa o seu comentário:

Negócios

Florença se prepara para comemorar os 70 anos da moda italiana reabrindo as portas do salão de baile da Villa Torrigiani. Deixa o seu...

Cotidiano

As bolsas estão sendo oferecidas para todos os programas de graduação da universidade.