Siga-nos

Olá, o que você está buscando?

Turismo

‘Bônus férias’ de 500 euros é aprovado na Itália

‘Bônus férias’ de 500 euros é aprovado na Itália

Medida está prevista em decreto econômico aprovado nesta quarta. 55 bilhões de euros para reaquecer a economia italiana

Como antecipado pelo Italianismo, a Itália disponibilizará um bônus de até 500 euros para famílias fazerem turismo dentro do país. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (13) pelo primeiro-ministro Giuseppe Conte.

A medida visa incentivar o reaquecimento da economia do país, fortemente abalada pela pandemia do coronavírus (Sars-CoV-2).

Leia também

Fique 3 noites e pague duas: cidades italianas disputam turistas com bônus

Quem poderá usar

Famílias com renda anual de até 40 mil euros poderão utilizar o bônus nos serviços de hotelaria, incluindo B&B, de 1 de julho até 31 dezembro de 2020.

Restaurantes e estabelecimentos balneários terão alguns impostos isentos, segundo o ministro da Economia, Roberto Gualtieri.

A Itália reservou 2,4 bilhões de euros para ajudar as empresas do setor turístico.

Ao todo, o decreto assinado hoje prevê 55 bilhões de euros para reaquecer a economia do país, nos setores da agricultura, indústria e comércio.

“Existem 25,6 bilhões de euros para os trabalhadores”, adiantou o primeiro-ministro Conte.

Deixa o seu comentário:

Publicidade

Facebook

Leia também:

Cotidiano

Número é o menor desde o início da pandemia no país Deixa o seu comentário:

Destinos

Bloco lista 14 países que terão entrada permitida após 1º de julho. Brasil, EUA, Rússia e Turquia estão fora Deixa o seu comentário:

Cotidiano

Sul baixa a guarda por causa do menor impacto na população. A volta do turismo pode alterar a situação Deixa o seu comentário:

Negócios

A deflação é um sintoma importante de desaquecimento da economia Deixa o seu comentário: