Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Comer e beber

Os melhores vinhos italianos baratos segundo o NY Times

O New York Times selecionou os melhores vinhos baratos do mundo abaixo de 20 euros: na lista estão cinco rótulos italianos

melhores vinhos italianos baratos
Os melhores vinhos italianos baratos segundo o NY Times

Quais os melhores vinhos italianos baratos? O crítico americano de comida e vinhos Eric Asimov selecionou os melhores vinhos do mundo por menos de 20 euros para o New York Times

A lista que premia a combinação de qualidade e preço inclui também cinco rótulos italianos.

Vinho tinto Odoardi Calabria 1480 L’Inizio 2015

Começamos com o vinho tinto Odoardi Calabria 1480 L’Inizio 2015, uma garrafa que pode ser adquirida a um custo de 14 euros. O vinho, produzido pela família Odoardi na Calábria, apresenta um blend tinto focado na casta Gaglioppo, fumado, tânico e um pouco selvagem, com um paladar concentrado e delicioso.

Feudo Montoni Sicília Catarratto Masso 2018

O segundo vinho italiano selecionado por Eric Asimov do New York Times é o Feudo Montoni Sicilia Catarratto Masso de 2018  Um vinho branco licoroso e doce, perfeito para ser apreciado em combinação com delicados peixes e mariscos. É produzido pela Feudo Montoni que cresce organicamente no centro da Sicília, dando vida a excelentes vinhos.

Verdicchio Fattoria San Lorenzo Marche Bianco por Gino 2019

Na lista de Eric Asimovc, não pode faltar Verdicchio, elogiado pelo New York Times como o “maior vinho branco de toda a Itália”. O incluído na lista dos melhores vinhos do momento abaixo de 20 euros é o Fattoria San Lorenzo Marche Bianco by Gino de 2019, um Verdicchio vivo, enérgico, salino e seco.

Grosjean Vallée d’Aoste Torrette 2019

Representando a Itália nos melhores vinhos baratos de acordo com o New York Times também está o Grosjean Vallée d’Aoste Torrette 2019: um tinto vivo, com boa acidez e sabores clássicos de frutas vermelhas secas italianas. Grosjean Vallée d’Aoste Torrette é 80% Petit Rouge, com o restante consistindo de outras uvas locais, como Fumin, Mayolet e Doucet.

Cascina Fontana Dolcetto d’Alba 2019

Eric Asimov, crítico de comida e vinhos do New York Times, define o dolcetto, um dos melhores vinhos do Piemonte, um dos produtos mais subestimados. 

Em sua lista inclui o Cascina Fontana Dolcetto d’Alba 2019, produzido pela Cascina Fontana, uma pequena vinícola familiar que produz vinhos caracterizados por deliciosos sabores de frutas escuras.

Os 5 melhores vinhos italianos baratos de acordo com o New York Times
  • Odoardi Calabria Vino Rosso 1480 L’Inizio 2015
  • Feudo Montoni Sicilia Catarratto Masso 2018
  • Verdicchio Fattoria San Lorenzo Marche Bianco di Gino 2019
  • Grosjean Vallée d’Aoste Torrette 2019
  • Cascina Fontana Dolcetto d’Alba 2019
Leia também

Comidas e vinhos italianos atraem mais os estrangeiros, diz pesquisa

Qual o time com maior torcida na Itália? Veja o ranking

Uma universidade italiana no Top 5 dos melhores MBAs da Europa

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Destaque do Editor

Descubra como obter a cidadania italiana de forma segura e eficiente!

Estilo de vida

A Festa della Mamma foi introduzida no calendário na década de 1950

Cidadania Italiana

A cidadania italiana de Giovanna Ewbank: uma narrativa de rápido sucesso ou marketing disfarçado?

Cidadania Italiana

Senador Roberto Menia reforça críticas sobre reconhecimento da cidadania italiana no Brasil.

Cidadania Italiana

Cidadania negada: Quando a sobriedade é muito mais que uma questão de etiqueta.

Itália no Brasil

Consulado Geral da Itália em São Paulo: Uma pequena itália na maior metrópole brasileira.

História

Roma: a cidade imponente, erguida sobre os alicerces da história, celebra seu aniversário em 21 de abril

Economia

Consultoria fez estudo sobre taxa de sobrevivência de companhias.

Cultura

Ranking foi divulgado pela versão espanhola da revista People

Turismo

Viajantes vão desfrutar de 266 milhões de pernoites.

Variedades

Mario Parlato afirmou que ficou feliz com a aquisição.

Cultura

Exposição curada por brasileiro Adriano Pedrosa começa em 20/4