Siga o Italianismo

Olá, o que deseja procurar?

ItalianismoItalianismo

Turismo

Itália lança rede de cidades medievais para atrair visitantes

Iniciativa conta com 28 municípios divididos em 10 regiões

Iniciativa conta com 28 municípios divididos em 10 regiões
Gradara vilarejo medieval | Foto: Depositphotos

A Agência Nacional de Turismo da Itália (Enit) e os municípios do país criaram uma rede de cidades medievais para atrair visitantes ao “Belpaese” e às suas ilhas e organizar percursos que transportam os turistas para outra época.  

Além disso, uma lei para promover reconstituições históricas também será introduzida em breve. A rede de cidades medievais italianas inclui 28 municípios divididos em 10 regiões, caracterizadas por um importante patrimônio material e imaterial da Idade Média.   

As cidades medievais que fazem parte da rede são: Pistoia, Prato, Fucecchio, Calenzano, Volterra, Incisa Scapaccino, Ariano Irpino, Fermo, Monteriggioni, Serravalle Pistoiese, San Gimignano, Sutri, Civita di Bagnoregio, Cairo Montenotte, Anagni, Boville Ernica, Stroncone, Vitorchiano, Tarquinia, Mandas, San Gemini, Viterbo, Narni, Bevagna, Perugia, Santa Fiora, Scurcola Marsicana e Pandino

O projeto, assinado com a Enit, visa desenvolver e digitalizar o turismo focado na autenticidade medieval dos locais, bem como promover um calendário de eventos e recriações históricas de absoluta excelência.   

“Esta é uma associação importante que quer tornar a Idade Média acessível e popular através de eventos históricos e recreações, de abril a outubro”, explicou Renato Chiti, diretor de destinos da “Itália Medieval”. 

Tendo Viterbo, com o seu bairro medieval e o antigo palácio papal que remonta ao século XIII, como líder da rede, a Enit dará o seu apoio no planejamento das pesquisas, organizando workshops na área temática do “turismo tradicional” e comunicação.  

Além disso, o município de Viterbo apresentará a 6ª edição do Festival de Lugares Medievais no dia 22 de março no Palazzo dei Priori.   

“Queremos valorizar as especificidades, a singularidade de cada território e alargar o protocolo a outras localidades, porque os dados mais recentes mostram um grande interesse pelos territórios do interior e pelas recriações históricas que oferecem”, acrescentou Sandro Pappalardo, conselheiro da Enit.   

Já Daniele Sabatini, assessor da região do Lazio, reforçou que “a Idade Média é um elemento atrativo também para os turistas que chegam do exterior”.   

“O acordo com a Enit e o nascimento da rede proporcionarão mais recursos para podermos aproveitar ao máximo as recriações históricas. 

Em breve teremos uma lei sobre as recriações”, acrescentou Eleonora Pace, conselheira da região da Úmbria, enfatizando acreditar “que é fundamental ter um quadro regulamentar e um modelo de referência a nível nacional”. (ANSA)

Siga o Italianismo no Instagram

Deixa o seu comentário:

Destaques do editor

Cotidiano

CNH brasileira volta a valer na Itália: novo acordo facilita vida de milhares pessoas

Variedades

Cidade foi devastada pela erupção do Vesúvio, assim como Pompeia.

Cotidiano

Brasileiros residentes no país europeu há menos de seis anos podem solicitar habilitação italiana sem necessidade de novos exames

Cotidiano

Imperia ocupa 1ª posição de ranking elaborado pelo iLMeteo.it

Notícias

Grupo de 8 companhias participa de feira de fundição em SP.

Esporte

O ítalo-brasileiro assumiu o cargo de técnico da Juventus, firmando um contrato de três temporadas, válido até meados de 2027.

Cultura

Mostra 'Oltreoceano' ocorre no Salão Negro do Congresso Nacional.

Notícias

Atualmente, 15% da pesquisa colaborativa é realizada por cientistas paulistas e italianos.

Gastronomia

Referência da gastronomia, TasteAtlas partilha os seus rankings com base na experiência do consumidor.

Variedades

Agente de Registro Civil e intermediador são suspeitos

Gastronomia

'Espaguete da meia-noite' é tradição após shows ou festas.

Cultura

Evento reúne o melhor da produção contemporânea do país europeu.