Praga ‘bíblica’ atinge Itália; Sardenha é invadida por gafanhotos

Uma grave praga de gafanhotos está afetando esta região italiana ameaçando destruir colheitas. Foto: thesocialpost

Uma grave praga de gafanhotos está afetando esta região italiana ameaçando destruir colheitas

Hordas de insetos invadiram a ilha italiana da Sardenha, posto em risco as pastagens e culturas agrícolas locais. Os habitantes descrevem isso como a pior invasão de insetos das últimas seis décadas, escreveu o La Stampa.

Os gafanhotos já devastaram cerca de 2.500 hectares de terras agrícolas na província de Nuoro, no centro e leste da ilha da Sardenha.

Não obstante os insetos serem inofensivos para os humanos, eles representam uma ameaça para as pastagens e culturas agrícolas.

O surgimento desta praga está ligado a um forte aumento da temperatura depois de um mês de maio relativamente frio. Muitos insetos saíram das terras não cultivadas e dirigiram-se às terras cultivadas para se alimentarem.

Coldiretti, a principal associação de agricultores na Itália, solicitou a assistência das autoridades de todos os níveis para resolver o problema, mas há preocupação de que já nada possa ser feito.

Leonardo Salis, o presidente regional da associação, declarou que deveriam ser tomadas medidas preventivas tendo em conta a próxima época. Ele propôs lavrar as terras não cultivadas para prevenir a colocação de ovos e a reprodução.

“Estão devorando tudo o que encontram em seu caminho e, como resultado, estão deixando os animais sem pasto e, em alguns casos, estão comprometendo a colheita de forragem e danificando a casca das plantas”, disse ele.

A razão principal da invasão de gafanhotos é o brusco aumento de temperatura nesse mês.