Novo sistema de agendamento para processos de cidadania italiana em teste

Novo sistema de agendamento é semelhante ao adotado pelo consulado de São Paulo. Foto: MAIE

Novo sistema de agendamento é semelhante ao adotado pelo consulado de São Paulo

A partir de junho, o Consulado Geral de Buenos Aires adotará, em modo experimental, um novo modelo para agendamento de processos de cidadania italiana ius sanguinis (por direito de sangue). 

O agendamento será feito por meio de vídeochamada através do aplicativo WhatsApp.

A medida divulgada por Ricardo Merlo, subsecretário de Relações Exteriores da Itália, prevê o combate a máfia do agendamento. “Este sistema irá reforçar ainda mais a batalha contra o que já definimos como a máfia do agendamento, que nós vamos começar a exterminar”, disse ele.

Sistema semelhante foi adotado para o agendamento de emissão ou renovação de passaporte no consulado italiano em São Paulo.

Desde que foi implantado o serviço na capital paulista, conseguir o documento se transformou em uma missão quase impossível.

Em tese, por meio da videochamada, um operador do consulado faz a checagem da identidade do cidadão italiano e dos documentos necessários. Há relatos de pessoas que tentam há meses ser atendidas, sem sucesso.

Merlo não divulgou se o novo sistema para agendamento de processos de cidadania italiana será aplicado nos consulados no Brasil.

Leia também:

Passaporte italiano: novo sistema para ‘exterminar a máfia do agendamento’ 

Contra as filas, cresce busca por processos de cidadania italiana via judicial