Acabou. Cesare Battisti está na Itália para cumprir prisão perpétua

Cesare Battisti é escoltado nesta segunda-feira (14), após descer de avião que o trouxe da Bolívia até Roma, na Itália — Foto: Alberto Pizzoli / AFP

Battisti chega à Itália após quase 40 anos foragido e será levado a presídio em Roma

O terrorista Cesare Battisti já está em solo italiano. O italiano desembarcou no aeroporto de Ciampino, em Roma.

Depois de 38 anos de fuga, sendo 15 no Brasil com a ajuda de Lula e sua turma, ele finalmente vai cumprir sua pena.

Nos próximos seis meses, Battisti ficará em uma cela sozinho, na solitária, e depois será enviado para a ala de terroristas.

Cesare Battisti chegou a Roma, na Itália, na manhã desta segunda-feira (14) — Foto: Alberto Pizzoli / AFP

O avião com o italiano Cesare Battisti chegou ao aeroporto de Ciampino, em Roma, nesta segunda-feira (14) às 8h40 pelo horário de Brasília. Ele desceu do avião escoltado por policiais e sem algemas. Battisti foi entregue pela polícia boliviana às autoridades da Itália na cidade de Santa Cruz de La Sierra, onde foi preso no sábado (12).

Ministros do Interior, Matteo Salvini, e da Justiça, Alfonso Bonafede, acompanham o desembarque de Cesare Battisti — Foto: Alberto Pizzoli / AFP

Battisti será levado para um presídio na periferia de Roma. No trajeto, patrulhas fecharão os acessos para que o comboio chegue rapidamente ao local, segundo o jornal “Corriere della Sera”. O ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, foi ao aeroporto para receber Battisti, a quem ele chama de “assassino comunista”.

Cesare Battisti desce de avião ao chegar a Roma, na Itália nesta segunda-feira (14) — Foto: Reprodução/ Facebook Matteo Salvini

O italiano, que integrou o grupo Proletários Armados pelo Comunismo, foi condenado à prisão perpétua por quatro assassinatos cometidos nos anos 1970. Ele afirma que nunca matou ninguém e se diz vítima de perseguição política. Algo que até a esquerda italiana discorda.